Posts filed under ‘Copa do Brasil’

O castor pirado

Depois de alguns anos patinando, o Vasco conseguiu fazer um bom time, suficiente para levar essa Copa do Brasil. A prova foi a maturidade apresentada na partida de ontem, quando a defesa mostrou enorme solidez e permitiu a Alecsandro (!) antecipar a zaga (!!!) e fazer o gol (!!!!!!) que o deixou a um empate da Copa Libertadores.

(mais…)

02/06/2011 at 13:17 13 comentários

O despertar de um gigante

Eram mais de 30 minutos do segundo tempo na Ressacada quando a torcida do Vasco começou a cantar “o campeão voltou”. Me perguntei: “campeão de quê, cara pálida?”. Desde 2000 o time da Cruz de Malta só ganhou dois títulos, um carioquinha (2003) e a Série B (2009). Virou a quarta força do Rio. Mas aquela camisa alvinegra, a faixa diagonal e a cruz vermelha no peito têm muita história para contar. História de grandes conquistas, de um passado glorioso, de grandeza. Grandeza que há quase uma década não se via, mas apareceu na semifinal da Copa do Brasil. Com a autoridade de quem é chamado de “clube grande”, o Gigante da Colina atropelou o Avaí e está a dois passos do paraíso futebolístico sul-americano chamado Libertadores da América.

(mais…)

26/05/2011 at 12:00 28 comentários

Como gente grande

“Impossível” é uma palavra que não existe no dicionário avaiano. Mas confesso que a fé cega na capacidade de meu time de sempre esfregar na cara de todos mais uma vitória inacreditável foi abalada quando Casemiro cabeceou a bola para o fundo das redes de Renan logo aos 15 minutos do primeiro tempo. Não bastasse toda a diferença técnica, de grandeza e de recursos entre os dois clubes, eles ainda tinham dois gols de vantagem. (mais…)

13/05/2011 at 11:16 59 comentários

Vozão dá assungada impiedosa no urubu em noite presidencial

ASSUNGA!

Essa era a expressão mais ouvida nas peladas dos recreios na Escola Medalha Milagrosa da Casa de Nazaré (1), no aprazível bairro do Montese. (mais…)

12/05/2011 at 11:31 54 comentários

No tabernáculo da fé

Então o São Paulo venceu o Santa Cruz por 2×0 e eliminou os pernambucanos da Copa do Brasil. Segue para enfrentar o Goiás e, segundo Milton Neves e Neto, conquistar o direito de voltar à Libertadores que é onde o São Paulo bicampeão do mundo merece estar yada yada yada zzzzZZZZzzz. (mais…)

08/04/2011 at 11:30 57 comentários

É fogo de monturo

Já viram o monturo queimar? O fogo começa por baixo, mal faz fumaça e quando você vê, já queimou tudo. É a tática da guerrilha, destruir sem chamar atenção, pelo resultado: SUBJUGAR o adversário. (mais…)

31/03/2011 at 14:00 47 comentários

Saudades da minha terra

Ô milonga galponeira, já que tu tens qualidade
Vai dar uma volta ao mundo no Brasil da liberdade
Vai por mim lá no Rio Grande, terra de hospitalidade
Entra no Rio Grande amado pra matar minha saudade

Quando decidi ir ao Couto Pereira assistir a Coritiba x Ypiranga, pela Copa do Brasil, o fiz não somente pelo meu apreço ao esporte bretão. Estar ao lado, abraçar, gritar, sentir as emoções emanadas por um time do Interior, sobretudo dos pagos gaudérios, me aproxima um pouco mais das minhas raízes, deixadas para trás há quase 10 anos, quando saí da minha Novo Hamburgo rumo à cosmopolita – mas concomitantemente provinciana – Curitiba. (mais…)

08/03/2011 at 08:00 14 comentários

O Tigre não morre

Sinônimo de Santa Catarina para a geração que começou a acompanhar futebol na década de 1990, o Criciúma perdeu espaço para a dupla de Florianópolis (Avaí e Figueirense) nos últimos 10 anos. No século XXI, o multicampeão Tigre de anos anteriores não renovou sua galeria de troféus com a mesma frequência com que seus torcedores estavam (mal-)acostumados. Chegou a jogar a Série A em 2003 e 2004, mas sem o mesmo brilho dos rivais manezinhos, e por duas vezes foi rebaixado à Série C (2005 e 2008). No entanto, mesmo nesse período, digamos, não tão glorioso, o Criciúma jamais deixou de ter seus momentos de grandeza. O último deles foi no domingo, quando conquistou o primeiro turno do Campeonato Catarinense derrotando o Figueirense (da Série A…) dentro do Orlando Scarpelli. (mais…)

01/03/2011 at 05:00 26 comentários

A briga pelas cotas de dignidade

Eu quase desisti. Juro. Este últimos dias foram tão escalafobéticos em matéria de futebol que eu quase desisti, entreguei os pontos. Eu não aguento. Eu não aguento Ronaldos, Ronaldinhos, Clubinhos, CBFs, bolinhas e título repartidos no meio e entregues a quem der mais. Eu não aguentaria nada disso, um de cada vez, imagine tudo junto. Quase desisti. (mais…)

25/02/2011 at 17:30 34 comentários

Sociedade Esportiva e de Benemerência Palmeiras

Daí o Kleber fez 2 a 0 para o Palmeiras e eu fiquei sossegado, porque achei que o time teria de parir a popular BIGORNA pra conseguir matar o segundo jogo diante do Comercial-PI, diante da incompetência mostrada pelos nossos avantes nas últimas partidas.

(mais…)

24/02/2011 at 16:00 19 comentários

Vem aí a Caravana Rólidei

Estavam todos lá: Ronaldinho Gaúcho, milhões de torcedores, a promessa de show e goleada. Já é um fato consumado a promessa de uma eterna lua-de-mel entre o time de maior torcida do país com o jogador onde
recaem as maiores esperanças do futebol JOGABONITO e telecoisa, depois da dupla dinâmica Ganso & Neymar e do novo eleito, Lucas. (mais…)

18/02/2011 at 12:53 6 comentários

Bebe, negão

Quarta-feira que vem, dia 16, na estréia de Ronaldinho Gaúcho na Copa do Brasil, o Trapichão estará lotado de flamenguistas. E nenhum deles será carioca. (mais…)

11/02/2011 at 05:00 66 comentários

Os incríveis brancaleones Rubro-Negros

Autoritário e narcísico, como todo bom pai deve ser, eu tinha um sonho: impor ao meu filho, quando ele desembarcasse neste vale de lágrimas, minhas concepções ético-filosóficas e culturais. Traduzindo: fazia-se mister (recebam, hereges, um mister pelos mamilos e distribuam) torná-lo torcedor do Esporte Clube Vitória.

(mais…)

05/08/2010 at 13:42 171 comentários

Arte é levar taça com gol de cabeça

Neymar, Robinho, Ganso, Single Ladies, Zé Eduardo, Mádson, Mengálvio, Pelé. Só que na hora do aperto, o Santos foi campeão porque um zagueiro aparou um cruzamento de cabeça e em um gol fora, deu o golpe fatal no Tritória Carajo. (mais…)

05/08/2010 at 06:00 119 comentários

Avante, soldados, para trás: ninguém calará Franciel

Se o DELEGADO MAGALHÃES não tomar providências, o Vitória enfrentará oceanos bíblicos e túrgidos para vencer a Copa do Brasil, na batalha definitiva do Barradão. Minha boa gente baiana, o caso eu conto como o caso foi. Ninguém desconhece os poderes de Franciel Cruz, comandante-em-chefe do Nordeste de Amaralina e orientador do Vitória em gramados de Oropa, Boteco do França e Bahia. (mais…)

04/08/2010 at 17:44 32 comentários

Posts antigos


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

Feeds

web tracker