Archive for abril, 2011

Do caribe ao prata

Así se baila

Viemos pelo Mar do Caribe, na barbatana balouçante del Tiburón – aportamos à beira do Guaíba. Na bagagem, o espírito de Valderrama e dois microfones. Que los hijos de Shakira não viriam de tão longe pra simplesmente jogar futebol. Está mais do que retratada na foto acima minha primeira participação na Copa: meias baixas, ergo a Copa que não conquistamos no campo, mas no copo. Godo, o Valderrama tibureño, carrega o MIJO DE SHAKIRA pra não me deixar mentir sozinho. Foram litros de emoção cuja escalada nos levaria ao cume da mendicância que todos sabem ser a sarjeta. E isso já na Primeira Fase! Boicotamos o resto do campeonato chutando penais com desdém. Primeiros eliminados, dois de nossos mais VOCIFEROZES jugadores acomodaram-se na tribuna para transmitir a narração mais mítico-etílica da História, embora de saída já levassem vantagem sobre seus concorrentes profissionais por conhecerem de nome 5% dos atletas. Fino e Paul, pra quem não conhece, nos vocais. Também abrilhantaram aquela inolvidável equipe Bielinski, Vigolo, Choco e Pachalski, o Lenhador de Luvas (onde andará?). (mais…)

29/04/2011 at 23:45 32 comentários

Lampejos tricolores

A torcida recebeu o Flu com um belo mosaico

A torcida recebeu o Flu com um belo mosaico

Quando o gol sai cedo, muda tudo. Rafael Moura marcou aos 3 minutos na vitória do Fluminense por 3×1 sobre o Libertad após uma cobrança de escanteio esquisita, desviada por Edinho com uma linda rosca para trás (absolutamente consciente) que parou na cabeça do He-Man. O goleiro Vargas ainda tentou tirar de dentro do gol, mas o fato está consumado: o Flu está deixando para trás a MONGUICE da primeira fase e colocou um pé nas quartas-de-finais.

(mais…)

29/04/2011 at 12:21 54 comentários

Duas fatias iguais, chimichurri a gosto

Duas forças da Copa Leonel Brizola – torneio eterno paralelo disputado aleatoriamente por clubes gaúchos e uruguaios -, colorados e carboneros haviam se defrontado apenas uma vez na Libertadores, em 1989, quando o 6 a 2 vermelho do Beira-Rio foi respondido com uma perna quebrada de Luís Carlos Winck (vendido) no Centenario. (mais…)

29/04/2011 at 03:25 136 comentários

IV ImpedCopa: o martírio da espera

Com a angústia que precede os terremotos culturais, oferecemos para degustação pública o banner da IV ImpedCopa, bem como para tranquilizar-lhes sobre tudo que cerca este megaevento deportivo-etílico. No interior do Rio Grande do Sul e em todas as regiões do país, multidões mobilizam-se para acorrer à Capital Mundial do Xis Bacon no próximo dia 5 de junho, lá no Sul Sete. Há relatos de que em Uruguaiana um grupo de castelhanas atravessaram a fronteira e entraram em combustão, queimando soutiens em frente à prefeitura. O hemisfério sul lateja. Ninguém aguenta mais a espera que esfola o corpo e resseca a alma de todos nós. (mais…)

28/04/2011 at 17:46 64 comentários

Adultos da Vila

A principal notícia de ontem é que, apesar da intenção dos americanos do México de espancar o time santista, os alvinegros praianos amadureceram e estão com cara de campeões. Mesmo com Muricy, adepto incondicional da fórmula retranca-contraataque, o Santos impôs sua maior qualidade e não arrepiou nem quando Neymar levou entradas criminosas, como o golpe de Layún que terminou com pisada na mão. Aliás, logo depois desse lance Neymar encarou o marcador e o xingou bastante – uma clara demonstração de que entendeu o espírito da Libertadores. (mais…)

28/04/2011 at 12:32 47 comentários

Crime na cordilheira

ortigoza

Não é possível começar este relato sem falar da experiência NEFASTA que é uma transmissão da Globo mineira. A cada falta mais ríspida, cada impedimento duvidoso ouve-se a voz do Inominável. Márcio Rezende de Freitas deveria ser comentarista político, tendo como foco dos pitacos as maracutaias de José Sarney e Paulo Maluf. Não faço esta introdução por acaso. A presença do pulha era prenúncio de crime no primeiro confronto entre Once Caldas e Cruzeiro. (mais…)

28/04/2011 at 10:51 26 comentários

O lado fraco da corda

La Gata aceita um cutuco guarani

La Gata aceita um cutuco guarani

Depois da rodada desta quarta-feira, basta olhar para o cruzamento das chaves das fases finais da Copa Libertadores para começar a construir uma certeza cheia de arrogância e presunção pronta para ser derrubada a qualquer momento: Santos e Cruzeiro estão disputando uma vaga na final do torneio.

(mais…)

28/04/2011 at 02:41 12 comentários

Voltando por cima, e subindo

Remanescente do caos de 6 de dezembro de 2009, o Coritiba foi bicampeão paranaense na casa do maior rival, conquistou retorno ao grupo de elite do Campeonato Brasileiro e alcançou recordes, igualando as 21 vitórias consecutivas do Palmeiras de 1996. Para renascer dos escombros, ao clube restava encarar com cautela a devastação ocorrida no rebaixamento nacional. Repetir velhos erros eternizaria o pós-centenário coxa em um violento Green Hell. (mais…)

27/04/2011 at 16:56 10 comentários

Voltar ao santo Gasómetro

Por catorze anos, de 1979 a 1993, os torcedores do San Lorenzo vagaram sem rumo pelas canchas de Buenos Aires. Durante mais de uma década, o clube foi visitante em todas as partidas que disputou. Mandava os seus jogos no Palacio Ducó, no José Amalfitani, no estádio do Atlanta, em Villa Crespo, e no Monumental de Núñez, em tardes de grande assistência. Mudava o bairro, a arquibancada e a casa – uma geração inteira de peregrinos seguiu o San Lorenzo por todos esses anos sem ter um estádio para dizer seu, sem um palco para guardar os trapos e pintar as tribunas de azul e grená. Tudo porque a pressão da ditadura militar, que encontrou eco na diretoria do clube, forçou a venda do Viejo Gasómetro no final dos anos 70. Foi quando o Ciclón deixou Boedo para não voltar mais. (mais…)

27/04/2011 at 11:00 42 comentários

Uma Católica fogosa passeando na Azenha

As vozes mais maldosas da praça poderiam dizer que o Grêmio desaprendeu a jogar a Libertadores, mas prefiro apontar erros grotescos e pontuais no time de Renato Portaluppi e sucessos repetidos e esperados na Universidad Católica. Nenhuma surpesa no placar de 2 a 1 para os chilenos no Olímpico, assim como não há qualquer INSANIDADE em afirmar que o confronto continua aberto. (mais…)

26/04/2011 at 23:49 161 comentários

Só o Godoy não tomba

O Godoy Cruz foi o único dos ponteiros do Clausura argentino que não perdeu na 11ª rodada. Muito mais melhor que isso: o Tomba deu uma rasteira no River Plate em pleno Monumental e venceu por 2 a 1 de virada. Há um brilho de faca nos olhos da gente mendocina, que vislumbra a possibilidade de pela primeira vez um clube da província de Mendoza ser campeão nacional. (mais…)

26/04/2011 at 14:02 77 comentários

Do sonho mundialista de um menino do interior

“Meu filho tem que estudar”, afirma a mãe. “A gente diz pra ele que apoia tudo o que ele fizer no futebol, e espera que um dia ele se torne jogador, mas agora tem que ir pra escola. Ele acabou de entrar no Ensino Médio, as aulas são mais difíceis e dá vontade de largar tudo. Não pode. Meu marido é analfabeto e sempre fala pra ele aproveitar a oportunidade que tem”. Maristela Fernandes, a mãe, trabalha em casa. Vende salgados para fora, incrementando a renda familiar mantida juntamente com o marido. Frentista de um posto na beira da estrada, ele segue com os olhos os caminhões que percorrem a RS-342, margeiam a zona urbana de Ijuí e se evanescem no horizonte. Sabia que, em pouco tempo, seu filho estaria mais longe do que os caminhões podem ir. Na França. (mais…)

26/04/2011 at 06:00 32 comentários

A Gralha deu seu terceiro voo rasante e padeceu entre as araucárias

Fundado como maior clube social do país na data da emancipação política do estado (19 de dezembro) e carregando em seu escudo dois símbolos regionais – a gralha azul e a araucária –, o Paraná Clube viveu nesse fim de semana o pior capítulo de sua jovem história de pouco mais de duas décadas de vida. (mais…)

25/04/2011 at 16:45 38 comentários

Muito barulho por nada

Foram precisos 194 jogos, três meses e meio e incontáveis momentos de marasmo para que acontecesse o que todo mundo já esperava: Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo vão disputar o título paulista. (mais…)

25/04/2011 at 11:32 46 comentários

O primeiro tiro num coração marcado para ser metralhado

Apesar do esforço comovente de Cruzeiro e Juventude, a final da Taça Farroupilha, que pode dar o título por antecipação aos comandados de Renato Portalux, será decidida no Beira-Rio, em um clássico Gre-Nal que pode ser o primeiro de uma inimaginável e TORTURANTE sequência de cinco embates em um mês – e nesta conta nem está o Brasileiro. (mais…)

24/04/2011 at 19:15 103 comentários

Posts antigos


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

Feeds

web tracker