Que se faça a zebra

03/03/2011 at 02:40 97 comentários

Argentinos Jrs. deixa desconfiança para trás e se encoxa nas oitavas da Libertadores

Niell tem que esticar o braço para alcançar os colegas

Fim de jogo em Montevidéu, Nacional perde de 1 a 0 para o Argentinos Juniors, e a comissão técnica do Bicho se abraça emocionada. Um senhor que tem tudo para ser o massagista do Argentinos anda de joelhos e beija o gramado do Parque Central. Parece fase de mata-mata da Libertadores e o Argentinos se comporta como se tivesse conquistado a vaga para a próxima fase em partida heroica.

E talvez tenha.

Toda comoção do Bicho na noite desta quarta-feira está perfeitamente justificada: com sete pontos em três jogos, o clube do bairro La Paternal fechou o primeiro turno da Copa como líder do grupo 3, invicto, calando a boca de todos (incluindo este escriba), principalmente se levando em conta que o Argentinos não participava da Libertadores há 25 anos, havia desmontado a equipe campeã do Clausura de 2010 e ocupa a modesta 15º colocação do Apertura com apenas três empates em três jogos. E a gente portenha tem motivo para abrir mais uma Quilmes e colocar outro entrecot na brasa: no segundo turno, o Argentinos joga duas partidas no Diego Armando Maradona (não vou cansar de repetir: isso que é nome de estádio). Não tem puta pobre hoje em La Paternal.

Enfrentando um Parque Central lotado e festivo, com direito a inauguração de uma nova áera do estádio e mutirão da torcida para repaginar o enxuto caldeirão, o Bicho mordeu o tricolor uruguaio cedo, aos 21 minutos do primeiro tempo, numa jogada BISONHA. O nanico Franco Niell foi lançado dentro da área do Nacional e o goleiro Burián deslizou seguro sobre o césped em busca do couro. O zagueiro Gabriel Marques foi dar uma de malandrinho para proteger a defesa do arqueiro e MEIO QUE se chocou com Burián, que deixou a pelota escapar. Neill utilizou toda a agilidade dos seus 1,62m e fez seu primeiro gol com os pés na Libertadores (os dois primeiros foram de cabeça contra o Fluminense). Niell e seu futebol RASTEIRO já são candidatos a personagens da Libertadores 2011.

A partir daí, o Argentinos, que já sairia loco de faceiro com um empate de Montevidéu, adotou o esquema 7-2-1, muito popular entre esquadras sudamericanas que querem garantir o resultado fora de casa. O que vimos foi muito balão, cruzamentos do meio do campo e alguns contra-ataques puxados pelos argentinos. Coisa linda de se ver, como a hinchada gosta. Confesso que acompanhei por um link lamentável da Fox Sports, já que nenhum dos 200 canais da TV a cabo brasileira fez o favor de transmitir o jogo, enquanto o 0x0 de Cruzeiro e Tolima passava em três canais.

Os narradores da Fox pronunciaram muito os nomes de Escudero e Oberman como grandes destaques do retrancão do Bicho, mas não havia forma de diferenciar um jogador do outro no meu computador. Em certo momento, o comentarista relatou, aparentemente num chiste, que JR Carrasco havia colocado um QUARTO atacante no time do Nacional. Se foi verdade, o ofensivismo de Carrasco já não fazia a menor diferença, visto que os 22 jogadores tumultuaram apenas o campo do Argentinos em todo o segundo tempo.

Na sequência da rodada dupla do grupo 3, no estádio Azteca, a SEIS BILHÕES DE QUILÔMETROS do Parque Central, o América recebeu o Fluminense para mais um vexame de Muricy Ramalho na Libertadores: 1×0 para os mexicanos. Depois de ver o terceiro jogo do tricolor das Laranjeiras pela Copa neste ano, dois empates e uma derrota, acho que já entendi o problema do técnico: ele não consegue desligar a chave dos pontos corridos. Não entende que precisa ganhar ponto AGORA, ou BAUBAU classificação. O Fluminense tem apresentado problemas, alguns por culpa de lesões, mas Muricy tem resolvido mal a situação. Com Fred machucado (não jogou nenhuma partida na Libertadores), o DT tricolor coloca Rafael Moura e espera que o He-Man encarne Jesus e faça tudo o que Fred faria. Não vai rolar, minha gente.

Rafael Moura precisa ser bem abastecido para fazer os gols (que é rigorosamente a única coisa que o loiro sabe fazer). E Muricy não fixa um companheiro ao lado do centroavante. Conca, o suposto maestro, parece engessado em campo após a cirurgia no joelho. No início do jogo, foi cobrar uma falta que, fosse no auge do Brasileirão do ano passado, eu apostava uns mil réis que ele guardava. Conca escorregou.

O técnico poderia colocar Souza no time desde o início para dar mais criatividade e dividir a responsabilidade com Conca e alçar bolas na área, que é disso que Rafael Moura se alimenta. Mas Muricy age com muita cautela, como se fosse possível acertar o time aos poucos durante as TRINTA E OITO rodadas da Libertadores. Dizem que Fred e Deco podem voltar na próxima partida. Se o futebol de Conca voltar também, periga Muricy consiga acertar o time sem querer.

O América tem se mostrado uma equipe interessante, com algumas boas individualidades no meio-campo, embora siga a fórmula cucaracha: espetar o adversário sem ânimo, como se o gol fosse apenas um dos objetivos em campo, ao lado de exibir tatuagens e seus belos penteados para os milhões de telespectadores. Ainda assim, os goleiros foram bem exigidos em chutes longos. Uchôa fez jus à cabeleira de Cauby Peixoto e não desafinou (quem assistir aos melhores momentos, repare na defesa no contrapé aos 14 do primeiro tempo, que finésse). Ricardo Berna justificou o banco de Diego Cavalieri, talvez a única decisão sábia de Muricy Ramalho nos últimos dois meses.

O gol foi marcado por Marquez, aos 25 do segundo tempo, após passe cerebral de Montenegro, um dos bons jogadores do time dourado.

Agora complicou para o Flu. O tricolor faz a NEGA contra o América no dia 23 de março, no Engenhão. Será a última partida dos MURIBOYS em casa. Depois, só pedreira: Nacional em Montevidéu (talvez a última esperança do time de Carrasco) e Argentinos no Dom Diego.

O grupo volta a gingar no dia 15, quando o Bicho pega o Nacional em casa. Se ganhar, põe o pé dentro das oitavas – e movimenta a economia informal do La Paternal.

A classificação está aqui.

A foto é do Olé.

Toco y me voy,

Alexandre de Santi

Anúncios

Entry filed under: Libertadores.

Até onde vai o Cerro Ele está de volta

97 Comentários Add your own

  • 1. Alexandre N.  |  03/03/2011 às 08:45

    Ano passado passei a maior parte do tempo reclamando deste tipo de situação.

    Eu só queria entender COMO esse retranqueiro consegue ainda manter a fama de ótimo técnico.

    E pensar que o Cuca (que estava antes no Flu) está fazendo horrores com o Cruzeiro…

    Que venha 2012…

  • 2. Gabriel Severo  |  03/03/2011 às 08:52

    Que time desgraçado esse Fluminense. Torci muito pra eles naquela fuga épica do rebaixamento e aprendi a simpatizar, mas, porém, contudo, entretanto, todavia, um time que tem um jogador do NAIPE de Diguinho como titular inconteste tem mais é que se fuder. Secarei com todas as forças.

  • 3. Tiago Marcon  |  03/03/2011 às 08:58

    Um time cuja esperança de salvação é o SOUZA não merece se classificar…O América botou o Flu na roda ontem. Tava torcendo pro Flu no começo do jogo, por simpatia patriótica, mas o América me encheu os olhos. Em determinados momentos parecia FUTSAL, tamanha a desenvoltura do domínio mexicano no fim do jogo. E que estádio mais afudê aquele Azteca heinn

  • 4. Carlos  |  03/03/2011 às 09:13

    Já falei mil vezes.
    Coloquem um azbox em suas casas.

    FOX SPORTS. Todos os jogos.

    Off agora:

    Moro perto da rotatória da encol…Ontem, ao sair de manhã de minha casa, deparo com o prefeito inaugurando uma sinaleira naquele trajeto.
    Ae alguém me diz: PREFEITO inaugurando sinal? E querem fazer uma Copa aqui nessa várzea de cidade. Uma cidade q não investe 1 real em mobilidade quer fazer 1 copa? E ainda reclamam do colorado agilidade na fudelança de se juntar com uma empreiteira e “alugar” o estádio por 18 anos. Uma cidade onde os caras não cortam a grama NEM DA AVENIDA IPIRANGA? É muita várzea, deus do céu.

    Pronto, desabafei.

    (podem me chamar de amargo ….lasjdasljkdjkasdlkjsaljksla)

  • 5. Cesar Cardoso  |  03/03/2011 às 09:25

    O Fluminense está eliminado da Libertadores, get over it.

    MELDELS o que o zagueiro do Nacional foi fazer na pequena área no lance do gol do Bicho? Não impediu o Niell de chegar no goleiro, não deixou o goleiro pegar a bola…

    “Confesso que acompanhei por um link lamentável da Fox Sports, já que nenhum dos 200 canais da TV a cabo brasileira fez o favor de transmitir o jogo, enquanto o 0×0 de Cruzeiro e Tolima passava em três canais.”

    TV a cabo brasileira = LIXO ABSOLUTO. Liderado pelo inútil Sportv, com seus zilhões de narradores ruins e comentadores do óbvio.

  • 6. Sancho  |  03/03/2011 às 09:39

    Re 4

    Morei ali mais de 20 anos, Carlos. Entra prefeito, sai prefeito, e só mexem para pior.

  • 7. Alemao  |  03/03/2011 às 09:48

    Agora imagina se inventassem de fazer o tal metrô???

    Pelo menos teremos o trem bala de 800m. Chegaremos do aeorporto no trensurb em 5 segundos, uhuuuu!

    POA é uma vergonha no quesito transporte. Em outros tb, mas vamos nos ater ao tema.

  • 8. Alexandre N.  |  03/03/2011 às 10:05

    #7

    Vocês acham POA ruim? Venham aqui pro Rio e tentem usar qualquer tipo de transporte público…

  • 9. Carlos  |  03/03/2011 às 10:09

    #8
    Bah, alexandre…não fala uma barbaridade dessas.

    No rio se vai de qualquer lado pra qualquer lado com metro, onibus, etc…

    Aqui é o unico lugar do mundo em q TODOS os onibus vão pro centro. Sendo q o centro é num CANTO da cidade.

    Maldito cartel de bus podre q tem aqui.

  • 10. Cassol  |  03/03/2011 às 10:24

    Santos, dois empates.
    Fluminense, dois empates e uma derrota.
    Grêmio, uma vitória e uma derrota.

    Talvez a eterna insatisfação dos colorados seja positiva.

  • 11. Sancho  |  03/03/2011 às 10:25

    Re 7 e 9

    O metrô é inviável em Porto Alegre e TODO MUNDO sabe disso. É uma obra que todo o político gosta de falar porque sairia uma fortuna e não resolveria nenhum problema.

    No mundo, existem exemplos mil de trens de superfície muito mais em conta que certamente se enquadram melhor nas condições urbanas e geológicas da cidade. Ademais, sou leigo, mas tem gente que jura que o aeromóvel pode ser a solução. Mas, hoje, serve apenas como monumento ao desperdício do dinheiro público na frente da Câmara de Vereadores.

    Sobre os ônibus, além desse problema, Carlos, existe o fato de que quem não conhece as linhas, não anda em Porto Alegre. Aliás, quem não conhece a cidade, nem de auto anda, de tão mal sinalizada. Me senti um idiota na minha lua-de-mel por ser mais fácil me deslocar em Budapeste sem falar uma palavra em húngaro que em Porto Alegre onde vivo há 30 anos.

  • 12. Caco  |  03/03/2011 às 10:26

    No embate Muricybol x Mexicobol o resultado foi eu babando no travesseiro, é muito tiki tiki no meio e pouco cutuco na zaga adversária, mel dels. Já o Santos tomou um certo sufoco do Cerro, mas quando se achou em campo foi superior, o problema é que queria entrar com pelota e tudo no gol e deu sorte pro azar no finalzinho, resultado justo.
    Na copa do Brasil eu só vi partes do jogo do São José, que foi punido pelo destino por ter optado por grama sintética no seu estádio, usurpando o emprego de pelo menos 5 pobres jardineiros…

  • 13. Alemao  |  03/03/2011 às 10:27

    É Alexandre, já fui praí na época de ano novo e te digo, metro faz td a diferença.

  • 14. Alexandre N.  |  03/03/2011 às 10:39

    #13

    E se eu te disser que, por incrível que pareça, você veio na época tranquila?

    No período de férias escolares, o transporte público aqui no Rio parece ser ótimo.

  • 15. Gabriel Severo  |  03/03/2011 às 10:42

    Só preciso deixar uma observação: joga muito aquele Iturbe.

    OFF: Tenho uns colegas aqui no cartório que deixam a porra do ar condicionado no ZERO ABSOLUTO. Há pouco notei que meu MAMILO estava rijo.

  • 16. Alemao  |  03/03/2011 às 10:48

    14. sério? mesmo com 1 bilhão de turistas? Enfim…essas coisas o cara tem q viver o dia a dia pra sacar…ir pro trabalho de manhã, voltar à noite. O certo é q tudo tem problemas, maiores ou menores…

  • 17. Vinicius  |  03/03/2011 às 10:50

    Porto Alegre investiu ZILHOES numa perimetral de 3 pistas com gargalos de 2 pistas, onde a vazão tranca tudo, é que nem água, além das milhoes de sinaleiras.

    Um aeromovel parado. Será feito outro de 900m do aeroporto a estação de metrô. Menos mal. Mas deveria ser feito do centro até o beira-rio.

    Uma cidade onde se prioriza CORREDOR DE ONIBUS onde tem onibus que anda fora do corredor de onibus.

    Uma cidade ontem tem 2 linhas apenas na extensao da perimetral (ipiranga – sertorio). Onde a sertorio tem um corredor de onibus para apenas 2 linhas, e os carros trancados em 2 pistas.

    EPTC = NADA.

  • 18. Rudi  |  03/03/2011 às 10:53

    A EPTC é de EmPuTeCer… (desculpem, não podia perder essa)

  • 19. Alemao  |  03/03/2011 às 10:56

    Não se prioriza corredor de onibus nenhum…ando todo o dia no da protásio e é mais esburacado q a lua. Aquela porra daquele tunel q nunca tem ninguem trabalhando. POA está as traças enquanto o imbecil do nosso prefeito inaugura sinaleiras na esquina de casa. Pelo menos elas tem a cor do rio grande [ns].

    Att,
    Impedimento Consultoria Viária Ltda

  • 20. Gabriel Severo  |  03/03/2011 às 10:59

    #19

    “Pelo menos elas tem a cor do rio grande [ns].”

    CARALHO, como nunca reparei nisso?

  • 21. Carlos  |  03/03/2011 às 11:01

    #15
    Mamilo rijo. MEU DEUS.
    açkdçsadkçaskçdasçkdçksadkçskçl

    Acho q desde os tempos da SOPAL (antiga empresa de bus) que quebrou e a prefa da epoca, do PT, deu uma “forcinha”, a tal ATP manda e desmanda na porra do trânsito. Deixam tudo poudre e botam a tarifa que bem entendem.

    Obviamente q o porto alegrense, povo mais politizado do brasil e do mundo não protesta nunca. Bando de boi.

    Dae qdo eu noto q a azulada é toda feita de açucar, pq qdo chove somem, e estão sempre de bituca ligada pra fuder o motorista, nunca pra arrumar o trânsito, o q fica é um profundo e lamentável desânimo por morar nesse lixo de cidade.

    (CARLOS AMARGO)

  • 22. Norteña  |  03/03/2011 às 11:06

    O transito em Poa, de maneira geral flui bem. Acontece que temos gargalos em determinados pontos que. irritantemente, não são enfrentados pela Prefeitura.

    O pior é ver campanhas para que tu deixe o carro em casa e use os onibus, lotados, caros e sem o mínimo conforto. Claro, fora aquelas linhas nos bairros nobres para turista ver.

    Talvez o metro não seja a solução, mas o duro é tu não ver movimentação em nenhum outro sentido que seja.

    Parafraseando o Pelé, meu temos é que passemos vergonha na copa.

  • 23. Rudi  |  03/03/2011 às 11:08

    Por mais que o transporte público aí não seja o ideal, dêem um pulo aqui…
    Brasília – que deveria ser exemplo por ser a capital do país – tem um metrô ABSURDAMENTE RIDÍCULO, tem ônibus que parecem OS ANTIGOS DINDINHOS DE TRAMANDAÍ, que passam a hora que bem entendem, que param de passar meia noite (sério, você não encontra ônibus depois da meia noite) e que a tarifa é de 3 WESLIANS
    Isso que estou falando de uma cidade onde a noção de distância é bem mais flexível, e é comum um candango falar “ah, 40 quilômetros é logo ali”

    Eu sinto saudade de andar de T1, sério…

  • 24. Alemao  |  03/03/2011 às 11:08

    20. me dei conta agora tb…praticamente um insight.

    21. assino embaixo. baita mafia. e azulzinho só serve pra multar. Onde tem q conduzir o trânsito, nunca estão.

    Mas tem tb o problema federal, q incentiva a produção de carros, q entopem as ruas e deixam o transporte público sucateado nas mãos de meia duzia de mafiosos. O resultado disso é mais poluição, mais engarrafamentos, mais consumo de gasolina e cada vez menos possibilidade da pessoa trocar o carro pelo transporte público.

  • 25. Álisson  |  03/03/2011 às 11:16

    Bah o América dominou bunitaço o Fluminense. Como é bom ver o Edinho jogando… em outro time que não o Inter.

    E esse MASTURBE, realmente, joga pacaralho.

    Quanto a Porto Alegre, sinceramente tenho evitado ir. Mesmo morando perto (Novo Hamburgo) vou só em caso de necessidade extrema (Beira-Rio ou Outback).

  • 26. Carlos  |  03/03/2011 às 11:19

    Um dia, se deus quiser, saio daqui de POA.

    E vendemos o Paulão, acabei de saber.

    Digam agora q o grêmio só faz negócio ruim. 1 milhão de euros por aquele morto, que beleza!!!!!

    AGORA VAI!!!!

  • 27. Alemao  |  03/03/2011 às 11:19

    Rudi, um amigo meu morou aí e a teoria dele é q fazem isso pra pobre não andar por Brazilia. Ficar confinado nas cidades satelites. Trabalham na cidade durante o dia e tem q sair correndo pra sua cidade, antes q perca a condução. Como nosso nobres políticos não sabem o significado da palavra ônibus, não veem problema nenhum. Não tem o desprazer de cruzar com alguma gentalha, gentalha [KIKO, 1976] pelo caminho.

  • 28. Sancho  |  03/03/2011 às 11:21

    FIFA acaba de anunciar a distribuição de vagas para a Copa do Mundo de 2014:

    UEFA: 13
    CAF: 5
    Conmebol: 4,5 + 1
    AFC: 4,5
    Concacaf: 3,5
    OFC: 0,5

    As repescagens serão decididas por SORTEIO entre “1º OFC”, “5º AFC”, “5º Conmebol” and “4º Concacaf”. Só não sei se esse sorteio será livre, ou se os dois melhores ranquados serão cabeças-de-chave.

    De qualquer sorte, serão no mínimo cinco sul-americanos na Copa.

  • 29. Alexandre de Santi  |  03/03/2011 às 11:25

    Post atualizado com o RESULTADO DO JOGO E AUTOR DO GOL.

    Jornalismo fail.

  • 30. Rudi  |  03/03/2011 às 11:35

    Alemão, a idéia era essa, só que com a BOLHA IMOBILIÁRIA que existe aqui (kit nets custando 300 mil reais) muita gente de classe média mesmo foi morar nas satélites, eu morei em sobradinho e guará por um tempo, até decidir pagar um pouco mais e vir pro plano… o que causa engarrafamentos gigantes, pq esse pessoal tem carro e prefere vir de carro do que pegar ônibus (perfeitamente justificável) e piora mais ainda…
    E agora estão começando a fazer condomínios de luxo em regiões mais afastadas, então o “doutor” tá se fodendo pra ir pro trabalho também…
    Chegou em um ponto que tá ruim pra todo mundo…

  • 31. Sancho  |  03/03/2011 às 11:37

    Re 23

    Brasiliense é um ser humano composto por carne, osso e rodas. Ninguém anda a pé. Um vez fui caminhando do Itamaraty ao Shopping Conjunto Nacional para espanto de um amigo meu.

  • 32. Sancho  |  03/03/2011 às 11:38

    Re 30

    E não pode mexer porque é patrimônio da humanidade…

  • 33. Alemao  |  03/03/2011 às 11:50

    ah, pois é…a merda é a mesma, só muda o sotaque.

    PS: ó, começamos a falar da mafia do transporte público, caiu o wordpress aqui. TOMEM NO CU, ATP/EPTC! Não me calarão!
    hehehehe

  • 34. Rudi  |  03/03/2011 às 11:57

    Mais ou menos isso Sancho, logo que vim morar aqui fazia distâncias caminhando que os locais falavam que era absurdo… e pra mim era normal… tipo, 2 quilometros de casa até o trabalho…
    Não existe aqui também nenhuma ciclovia, e a cidade é cortava por BR’s em vários pontos, ou seja, segurança pra deslocar de bicicleta é zero…
    Hoje eu moro a 6,5km do meu trabalho, a parada de ônibus mais próxima fica a 2,7km de casa…
    Por isso eu disse, eu sinto falta da época que morava no passo d’areia e pegava o t1 no fim da linha pra ir pra puc…

  • 35. Lucas Deathim  |  03/03/2011 às 12:00

    Falem do Cruzeiro Esporte Clube, La Bestia Negra, ontem empatamos com o Tolima, estamos na fase Ultimate Charriot agora. Queremos topar nosso frêgues eterno: o Grêmio.

    Saudações Azul Celeste ! ! !

  • 36. Alexandre N.  |  03/03/2011 às 12:14

    O maior diferencial de POA pro RJ é que pelo menos em alguns pontos existem os corredores viários para os ônibus. Aqui não.

    Agora, pensem na situação: Além dos ônibus e táxis circulando, temos o chamado transporte alternativo (motoristas de kombi e vans que fazem transporte de passageiros), além da grande maioria de idiotas que vão trabalhar com os seus carros e não levam mais ninguém. E tudo isso nas mesmas vias. Não tem como dar certo.

    A sorte é que a Supervia (empresa de trens) e o metrô do Rio ainda dão um desafogo pra esta situação. Mas mesmo o serviço de ambas ainda é deficiente demais.

    #30

    Rudi, a tal bolha imobiliária também anda afetando o valor dos imóveis aqui no RJ.

  • 37. Rudi  |  03/03/2011 às 12:16

    #36

    O foda é que falam que tem 200 mil pessoas que recebem mais de 20 mil por mês (este escriba não está neste time) aqui em Brasília, ou seja 10% da população… então BOTAM O PREÇO QUE QUEREM em absolutamente tudo que sempre tem os MANÉS que pagam e forçam as coisas a ficar caras…

  • 38. rafael botafoguense  |  03/03/2011 às 12:28

    au au au fluzão não tem nada internacional

  • 39. Alexandre N.  |  03/03/2011 às 12:29

    #37

    É foda mesmo. E a coisa não aftea só o valor dos imóveis. Os aluguéis estão indo pelo mesmo caminho.

  • 40. Alexandre N.  |  03/03/2011 às 12:33

    #38

    Como não? E a Copa Rio e o Campeonato Pan-Americano do Chile, ambos conquistados em 1952? rs…

  • 41. Gabriel Severo  |  03/03/2011 às 12:44

    HOJE NO IMPEDIMENTO: Aulas de economia e engenharia de tráfego.

    Amo esse espaço.

  • 42. rafael botafoguense  |  03/03/2011 às 12:49

    au au au/ fluzão não tem nada internacional/ OFICIAL! (grito)

  • 43. arbo  |  03/03/2011 às 12:53

    achei mais ratiação do goleiro mesmo, no gol do bicho
    agora só falta o nacional ultrapassar o bolso
    #ihaveadream

    #30 essa “bolha imobiliária” tbm ataca por aqui

  • 44. Rudi  |  03/03/2011 às 13:04

    #39

    verdade alexandre, pago 600 rorizes de aluguél, no mesmo prédio meu tem um ap IGUAL que foi alugado esses dias por 900…

  • 45. Carcereiro - SC  |  03/03/2011 às 13:07

    Ontem não consegui assistir nenhum jogo… Jantar pra comemorar aniversário de casamento… porém acho que não perdi nada. A turma toda falando da fartura de transporte público asjhasjhajsha… a bolinha jogada ontem deve ter sido de doer. Destaque da rodada: a furada do Guaymar com seu cabelo moicano pica-pau (em desfile de carnaval poderia disputar com as fantasias do Clovis bornay..uiiii)rsrsrsrs

  • 46. Álisson  |  03/03/2011 às 13:23

    O Rudi, como anda o mercado pra quem trabalha com comunicação aí em Brasília? Estão pagando mais ou menos?

    Eu estou doido pra ir embora do Rio Grande do Sul.

  • 47. Rudi  |  03/03/2011 às 13:26

    Álisson, eu trabalho em setor público, assessoria de comunicação do inss, então não sei te dizer quanto galera ganha como jornalista ou publicitário na iniciativa privada… mas na média os salários aqui são bons – falando de qualquer tipo de emprego, comparado com o que eu sabia de porto alegre – de repente vale a pena sondar…
    tu fazes exatamente o que? tenho alguns amigos aqui da área, de repente posso te dar umas sugestões
    qualquer coisa, mail me – rudifo arroba gmail ponto com

  • 48. Álisson  |  03/03/2011 às 13:29

    Blza, to te mandando um email.

  • 49. arbo  |  03/03/2011 às 13:35

    jonas seleção

  • 50. arbo  |  03/03/2011 às 13:50

    álisson, o gabriel r., publicitário, q às vezes comenta aqui, se mandou pra sampa e tá legal lá… mas não sei se sampa é uma opção pra ti

  • 51. dante  |  03/03/2011 às 13:52

    caras, se vocês reclamam do transporte público de porto alegre é porque não conhecem o de outras cidades.

    sério mesmo. porto alegre é considerada “modelo” em transporte público. [trabalhava com pessoas da área e já fiz inclusive um trabalho ACADÊMICO a respeito]

    alguns [muitos, talvez] problemas sempre irão ocorrer.

    e comparar com BUDAPESTE não faz o menor sentido, obviamente.

  • 52. Gabriel Severo  |  03/03/2011 às 14:00

    Estou aqui montado numa pilha de processos festejando a não convocação do Robinho e passando muito frio.

    Vou estourar uma garrafa de guaraná CAÇULINHA que guardo pra ocasiões especiais como essa.

  • 53. Gabriel Severo  |  03/03/2011 às 14:02

    #51

    Uma cidade chamada BUDAPESTE é algo surreal, nunca acostumarei. Pra mim soa tão surreal quanto PASÁRGADA.

  • 54. Álisson  |  03/03/2011 às 14:13

    Sampa é opção sim. Eu estive vistando a Bahia e sondei como andam as coisas por lá. A questão é que no Nordeste a coisa está ainda pior que no bovinão. Aqui ganha-se pouco, mas pelo menos se recebe. Parece que por lá nem isso…

    E Robinho fora da seleção é uma grande notícia.

  • 55. arbo  |  03/03/2011 às 14:16

    #52 hauhauhauhauhauha
    cara, ainda não tô acreditando, ele deve estar bichado
    me parece a melhor convocação do mano DE TODOS OS TEMPOS

    #51 OK, dante, é preciso relativizar, mas isso não impede ninguém de, mesmo fazendo essa ponderação, apontar erros e possíveis soluções
    floripa, por exemplo, me parece q perde de longe pra poa

  • 56. Alemao  |  03/03/2011 às 14:22

    Bah Dante, uso o trasnporte público em POA tds os dias. Não faz muito (1 ano no maximo) estive em sp e rj e era muito melhor, principalmente o metro. Sei q não dá pra fazer aqui, Sancho, mas tem q se pensar em algo nesse sentido…

  • 57. Cesar Cardoso  |  03/03/2011 às 14:56

    #55 Duro é que a melhor convocação do Mano surgiu porque ele tá com medo de perder da Escócia. MEDO DE PERDER DA ESCÓCIA. Ninguém mais na face da Terra tem medo de perder da Escócia. Só o Mano Menezes.

  • 58. col  |  03/03/2011 às 14:59

    “embora siga a fórmula cucaracha: espetar o adversário sem ânimo, como se o gol fosse apenas um dos objetivos em campo”

    Perder para time mexicano queima filme. Eu joguei um ano um campeonato amador em Chicago com um time repleto de mexicanos. Eh incrivel como, mesmo na varzea, o estilo de jogo eh o mesmo. E digo mais, qualquer time de estilo copeiro da liga americana (e nao sao poucos…) chego no Mexico e arranca pelo menos um empate.

  • 59. Vinicius  |  03/03/2011 às 15:04

    e um post sobre o CASTILLO no COLO COLO??? COMBINAM!

  • 60. Sancho  |  03/03/2011 às 15:08

    Re 51

    Mas, Dante, é só fazer o simples. Não é nada mirabolante. Eu citei Budapeste, mas é muito parecido na Europa (pelo menos, nas cidades que conheço). Algumas se puxam, é verdade, mas não é a isso que me refiro. Por exemplo:

    Tu chegas nas paradas e tem as rotas dos ônibus que passam por ali. Além disso, nessa indicação de rotas, se colocam os ônibus (e outros meios, como bonde, trem, metrô, lotação, quanto tem) que também usam as demais paradas do trajeto. Os ônibus, do lado de fora, indicam o sentido que estão indo. Do lado de dentro, avisam a próxima parada (e quais linhas também utilizam tal parada).

    Não peço nada além disso. Já faria uma enorme diferença.

    Sobre sinalização. Algum forasteiro que chega em Floripa e aluga um carro se desloca facilmente pela cidade. Aqui, o cara se perde já na saída do aeroporto.

  • 61. Francisco Luz  |  03/03/2011 às 15:15

    Transporte público pior que em NH não existe. TODAS as linhas são de bairro-centro, não existe NENHUMA “interbairros”. Aí tu tem absurdos como levar uma hora e meia, em duas conduções, para fazer um trajeto que, de carro, leva uns 10 minutos, entre dois bairros vizinhos.

    Negócio era voltarem com os BONDES (sério, mas muito sério mesmo).

  • 62. Sancho  |  03/03/2011 às 15:18

    Re 57

    O problema segue sendo os meias, mas isso ainda está insolúvel.

    Como o Mano não pode perder para a Escócia, vai utilizar granada para matar barata. Me parece que ele reconhece ter atrasado o retorno de jogadores da Copa, e corrige o rumo próximo a Copa América.

  • 63. Junior  |  03/03/2011 às 15:26

    Eu ia escrever o que o Dante escreveu. É lógico que o transporte público de POA precisa melhorar, mas vivemos no Brasil, um país de 3º mundo. Dentro desse contexto, o transporte público daqui é referência no país. É possível ir da Av. do Forte ao Barrashopping pegando apenas um ônibus, o T-4, por exemplo. Aqui, 40% dos ônibus tem ar-condicionado. E nenhum ônibus em POA é velho, mesmo os que vão para os bairros mais pobres. Curitiba, uma cidade do mesmo porte, não possui ônibus com ar-condicionado. Falaram do corredor da Sertório, ele foi planejado para que no futuro, ainda possa suportar um nº muito maior de ônibus, prevendo um incremento no trânsito, para não ocorrer o que é comum aqui no Brasil, a obra ser inaugurada já defasada.
    Uma grande vantagem do sistema público de Poa são as lotações, fazendo as contas, é mais barato ou no mínimo igual a ir de carro ao trabalho, sem se estressar dirigindo. Em relação á 3ª perimetral e o número de sinaleiras, ouvi uma explicação de um engenheiro da prefeitura e tive que concordar. Ele explicou que foi preciso colocar tantas sinaleiras porque ao contrário dos motoristas de outras cidades, o motorista bovino não respeita faixas de segurança e/ou pedestres, sem as sinaleiras o nº de atropelamentos seria muito maior.
    O principal problema do transporte público em POA é a “hora do rush”, entre as 6 e as 8 da noite. Mas isso é complicado de resolver, uma amiga disse que no metrô de Tóquio os passageiros viajam como sardinhas na hora do rush e o desrespeito às mulheres é tão grande que estava sendo estudado vagões exclusivos para mulheres.

  • 64. Gabriel Severo  |  03/03/2011 às 15:26

    http://globoesporte.globo.com/futebol/selecao-brasileira/noticia/2011/03/mano-explica-ausencia-de-robinho-e-diz-conto-com-ele-na-copa-america.html

    PODEM ME MATAR.

    Rei das Peladas. Assim, em maíusculo.
    Destaque no Milan, sendo que é bancário e pouco faz quando entra de titular ou no decorrer do jogo.

    KLSDAHKLSDAhsklaD

    O lobby é descarado, puta que me pariu. A notícia do “conto com ele” só pode ser coisa da Globo também.

  • 65. Sancho  |  03/03/2011 às 15:31

    Re 63

    O Rio Grande do Sul não perde para a Hungria em NADA. Tu andas por lá e pensa que basta só um pouquinho de boa vontade. A diferença está nas pequenas coisas. Agora, quando tu vais para Áustria, no entanto, é um choque. Depois, tu vais para a Alemanha e tu juras que nunca, em hipótese alguma, chegaremos no nível de poder engraxar os sapatos dos alemães.

    Desanima…

  • 66. Junior  |  03/03/2011 às 15:34

    “Tu chegas nas paradas e tem as rotas dos ônibus que passam por ali. Além disso, nessa indicação de rotas, se colocam os ônibus (e outros meios, como bonde, trem, metrô, lotação, quanto tem) que também usam as demais paradas do trajeto.”

    Isso é uma coisa fácil de ser feita, talvez por isso a prefeitura não faça, rs. A única parada de ônibus em POA que vi algo próximo a isso (obviamente, sem as linhas de bonde ou metrô) é a parada de ônibus mais próxima ao Bourbon Country, no sentido bairro-centro.
    E a sinalização em POA é uma vergonha mesmo. Assim como a péssima iluminação das ruas à noite.

  • 67. Sancho  |  03/03/2011 às 15:35

    Compl. 65

    Compensa-se, claro, noutras coisas. Fazendo as pequenas coisas, para mim, é suficiente.

    Porto Alegre não cresce, mas se embola. Todo mundo quer morar em prédios altos, cheios de apartamentos. A única razão para isso, imagino, seja o desejo de se trancar no trânsito e se incomodar com os vizinhos.

    No Japão, eles não têm espaço. No RS, faça-me o favor…

  • 68. Frderico Krueger  |  03/03/2011 às 15:36

    Seguindo na discussão “o meu é pior”.

    Vcs estão mal acostumados em Porto (sou daí). Aí o transporte é cosa de primero mundo.

    Já morei em Brasília e o transporte é realmente uma bosta. Mas o transporte público de Salvador é imbatível. Um lixo, assim como a cidade.

  • 69. Alexandre N.  |  03/03/2011 às 15:58

    #68

    Taí. Parece que o Frederico ganhou. Acho que só vai perder se aparecer alguém do Piaui…

  • 70. Junior  |  03/03/2011 às 15:59

    Sancho, essa fixação dos brasileiros por prédios altos é inexplicável. Para ficar apenas em duas praias (Camboriú e Capão da Canoa), ambas foram desfiguradas e destruídas pelo absurdo número de prédios altos à beira-mar.
    Sobre a Áustria, já li um artigo interessante. Tudo é tão perfeito, tão correto, que essa perfeição gera um desvio em algumas pessoas. A Áustria é geradora de vários monstros, como aquele homem que aprisionou e estuprou uma mulher por um longo tempo no porão de casa. O Tulio Milmann levou uma “cusparada” no rosto lá apenas por ser judeu. E não vou escrever um determinado nome (que também é austríaco) para não ser pego pela “Lei de Godwin”, ushjgfdfsd.

  • 71. Rudi  |  03/03/2011 às 16:03

    O Túlio Millmann tem que levar cusparada no rosto apenas por ser o Túlio Millmann, independente de etnia
    (ns, mas ts)

  • 72. Gabriel Severo  |  03/03/2011 às 16:11

    Eu simplesmente não consigo ver nada errado em trancar uma mulher e estuprá-la durante um longo tempo se ela for bem gostosa.

  • 73. Rudi  |  03/03/2011 às 16:12

    Gabriel, no caso a mulher era A FILHA do cara…

    Consegue ver algo errado agora?

  • 74. Junior  |  03/03/2011 às 16:14

    O Dadá Maravilha é mestre. Apenas ELE consegue pagar um mico e ainda ser engraçado:

  • 75. Junior  |  03/03/2011 às 16:19

    Rudi, eu me esqueci desse que seqüestrou e estuprou a própria filha, estava me referindo a outro, que seqüestrou uma menina de 10 anos e a manteve como refém até os 18, quando ela conseguiu fugir. Mas confirma o artigo, afinal os dois são austríacos.

  • 76. Alemao  |  03/03/2011 às 16:20

    Jr, cara parece q rola mesmo. Inclusive altos índices de suicídio em lugares muito certinhos tipo Austria, Noruega, Suécia…etc. Sempre achei q esse pessoal poderia fazer um intercâmbio com a gente…hehehe

    Agora se eu li isso em algum lugar ou vi em Matrix, não saberia precisar. af’ggmg’r/ds

  • 77. Gabriel Severo  |  03/03/2011 às 16:26

    Talvez pedofilia seja algo um pouco errado, partindo de nossa visão e preceitos valorativos deturpados de país de terceiro mundo. Mas acho inadmissível condenar o cuspe em judeus.

    CASO ALGUÉM NÃO PERCEBA ESTOU SENDO IRÔNICO (acho que estraguei a ironia, não sintam que subestimo sua inteligência mas é que sempre tem um White Knight fdp.)

  • 78. Gabriel Severo  |  03/03/2011 às 16:29

    Evidentemente, cidadão civilizado que é, o aqui chamado ESTUPRADOR estava ministrando à filha uma aula de educação sexual + escapismo/fuga.

    Somos bárbaros. E nem temos transporte decente.

  • 79. Rudi  |  03/03/2011 às 16:35

    Junior, não lembrava desse que vc falou, mas enfim, bizarro igual
    Alemão, isso é real sim, os países nórdicos são lugares onde há taxas altas de suicídio, junto com coréia do sul e japão (pressão por vida competitiva) e hungria (pelo desgosto de ter uma capital com o nome de BUDAPESTE)

    (tirando a piadinha com o pai do buda xingando ele por uma trakinagem, o resto é sério)

  • 80. Junior  |  03/03/2011 às 16:39

    Alemão, a depressão e/ou os suicídios na região da Escandinávia são atribuídos à falta de luminosidade no inverno, isso mesmo, à falta de sol. O José Lins do Rego (um dos primeiros escritores apaixonados por futebol) escreveu um livro em que um casal vai para a Bahia porque a esposa estava em depressão supostamente pela falta de luminosidade. Quem ler o livro vai perceber que não era bem isso, ushjfsfd.

  • 81. Carlos  |  03/03/2011 às 16:41

    Bom, por aquela pagina RIDICULA da zero hora, pelos comentários risiveis no programa do macedo, o Tulio milmann merece tomar uma cusparada por dia de cada uma que passasse por ele.

    E eu odeio carro, mas em POA se tu não tem um, tu tá fudido. Lembro q em MAdri, q nem é a cidade mais organizada do mundo, o cara só tem carro se quiser. Anda-se de metro até a puta q o pariu. E ainda dá pra pular algumas catracas e economizar uns euros pra poder comprar uma latinha de fabada (abra$$o marlon!)

  • 82. Junior  |  03/03/2011 às 16:43

    Agora estou cheio de dúvidas: se o autor do livro não é o João Ubaldo Ribeiro. E se é realmente para a Bahia que o casal nórdico vai. Li no colégio e estou com pregüiça de usar o Google, rs.

  • 83. Carlos  |  03/03/2011 às 16:43

    A proposito, alguem sabe qto tá a passagem pra viamão? To administrando uma micro empresa da minha tia avó q está morrendo, e tenho q administrar 3 empregadas que cuidam dela…uma de viamão, e tenho q calcular qto de passagem preciso dar pra essa senhora…sério.

  • 84. Alemao  |  03/03/2011 às 16:45

    É verdade. Se bem q, acomodado q sou, gostaria assim, de um vida mais amena…envolto em suecas. maravilha…lareira y vinho.

    Enfim, começamos com o Fluminense, passamos pelo transporte público…e agora nos desvios morais da humanidade. E não são nem 17h. E até onde sei, td mundo está nos seus respectivos empregos, logo é provavel q não tenha ninguém bêbado, chapado ou louco de cogú por aqui.

  • 85. Gabriel Severo  |  03/03/2011 às 16:57

    #84

    Juro que li três vezes a parte do “lareira y vinho” até perceber que não era IARLEY que tava escrito.

  • 86. Junior  |  03/03/2011 às 16:59

    Carlos, durante o dia (e fora do horário do rush) o cara consegue se virar bem sem carro. E à noite, o problema é bem maior que o transporte, é a insegurança de Porto Alegre.

  • 87. Alemao  |  03/03/2011 às 17:01

    porra meu, suecas e o iarley??????? sai pra lá

  • 88. Pedro  |  03/03/2011 às 17:21

    Existe alguma lei que obrigue todos os goleiros mexicanos a serem baixinhos e folclóricos?

  • 89. Álisson  |  03/03/2011 às 17:26

    “O Túlio Millmann tem que levar cusparada no rosto apenas por ser o Túlio Millmann, independente de etnia” (2).

    Quanto ao suícidios, também é um pouco por uma questão de etnia. Não é algo científico, e espero que ninguém se ofenda, mas existe um alto número de suícidios entre decendentes de alemães no Rio Grande do Sul.

    Trabalhei em municípios pequenos, como Ivoti, Presidente Lucena, São José do Hortêncio. O número de enforcados por lá é algo que eu nunca vi. Pessoas com vidas tranquilas, que moram no campo. Um belo dia…

  • 90. Alemao  |  03/03/2011 às 17:35

    por hora, não tenho vontade me matar.

  • 91. arbo  |  03/03/2011 às 17:55

    ano passado um cara aqui do banco ao lado [bb] atirou-se do décimo não sei qto andar, passando, no percurso q culminou no 1º andar da parte interna, pela minha janela.
    hoch já nos diz, a vida é foda

  • 92. arbo  |  03/03/2011 às 17:57

    mas e o transporte público, heinhô, batista?

  • 93. Roger  |  03/03/2011 às 17:58

    # 90
    açfdsgçsdgh

    hahaha
    Mto boa alemão.

    Mas não esquece o que o Alisson disse: um belo dia…

  • 94. Gabriel Severo  |  03/03/2011 às 18:00

    O dia que o Alemao acordar e ver que o dia tá bonito ele se mata. Segundo o Alisson.

  • 95. Alemao  |  03/03/2011 às 18:29

    é…hj o dia tá bonito…enfim, se aquela mula do gilson não me causar um enfarte, venho aqui amanhã

  • 96. Eduardo  |  03/03/2011 às 18:49

    Austria é uma bosta.
    bom a é Bélgica. é frio no inverno, mas só tem cerveja boa. Até a dos monastérios é boa… e não precisa ser “estupidamente” gelada para congelar a lingua e sugar todo o teu poder degustativo como as “brahmas, antarcticas, budweiser e miller’s da vida”…

    ah… num belo dia…

  • 97. Eduardo  |  03/03/2011 às 19:27

    ah.. e já que o assunto é social…
    http://zerohora.clicrbs.com.br/zerohora/jsp/default.jsp?uf=1&local=1&section=Geral&newsID=a3228066.xml

    nos meus tempos, a gente comia pastelina…fazer churrasco para “reclamar” é nova…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Subscribe to the comments via RSS Feed


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

  • Porque não chegaria à Libertadores. 9 hours ago
  • Fim também para o improvável Paraná 3x2 Atlético-MG, um grande jogo que vocês não previram. 9 hours ago
  • Bahia soma a taça de 2017 às de 2001 e 2002. Como em 01, ganha contra o Sport. Fez um baita jogo hoje, podia golear, mas Magrão foi enorme. 9 hours ago
  • ACABOU. O BAHIA É CAMPEAO DO NORDESTE PELA TERCEIRA VEZ. 9 hours ago
  • Juizão distribuindo cartões vermelhos pro banco do Sport. 9 hours ago

Feeds

web tracker

%d blogueiros gostam disto: