Archive for fevereiro, 2011

O frágil sonho da engrenagem oscilante

Ser Caxias é ser desportista, reza o hino grená, mas é também ser um forte. Quando Miracema empatou para o São José no segundo tempo, em jogo válido pelas semifinais da taça Piratini, um imenso coro de tristeza, raiva e elogios à família do treinador LISCA (o Roth do Caxias) ecoou sobre o estádio Centenário. Lembranças de recentes epopeias frustadas, como no ano passado, quando o time da serra foi eliminado pelo Ypiranga, ressurgiram como cadáveres insepultos nas mentes dos mais incrédulos torcedores. (mais…)

28/02/2011 at 14:30 23 comentários

Grêmio vence, mas

Timeco é a tua vó (ns), foi o que respondi mentalmente ao torcedor do Grêmio que do meu lado se queixou: “Onde já se viu tomar dois gols desse timeco?”. Mas, acompanhando o cunhado e o sogro na estreia deles no Olímpico, balanceei a situação e fiquei quieto. É por andar desprevenido que há tanto guri sem pai.

(mais…)

28/02/2011 at 09:07 81 comentários

O renascimento do Cruzeiro

Ser membro da Academia Brasileira de Letras é, naturalmente, uma distinção, mas tem os seus inconvenientes, como descobri na semana passada: tendo ido ao Rio para a reunião da ABL, perdi um acontecimento histórico: ao derrotar o Brasil de Farroupilha, o Esporte Clube Cruzeiro de Porto Alegre garantiu seu retorno à primeira divisão do futebol gaúcho, após 32 anos de ausência. (mais…)

28/02/2011 at 07:00 3 comentários

Barra do fútbol, do futebol

É difícil não gostar de futebol quando se está na Barra da Lagoa, especialmente quando o futebol é o principal vetor das conversas, entre pessoas que vivem realidades bem diferentes. No final de fevereiro, a ocupação argentina nos hotéis chegou a 85%, segundo dados oficiais – somando as casas e hostels, dá para imaginar uns 80% de estrangeiros entre turistas, somando a América Hispânica e outros locais do mundo. Fevereiro indica a volta às aulas da imensa maioria do Brasil, abrindo espaço para as muitas camisetas de equipes diferentes transitando nas ruelas da Barra. (mais…)

26/02/2011 at 08:00 12 comentários

A briga pelas cotas de dignidade

Eu quase desisti. Juro. Este últimos dias foram tão escalafobéticos em matéria de futebol que eu quase desisti, entreguei os pontos. Eu não aguento. Eu não aguento Ronaldos, Ronaldinhos, Clubinhos, CBFs, bolinhas e título repartidos no meio e entregues a quem der mais. Eu não aguentaria nada disso, um de cada vez, imagine tudo junto. Quase desisti. (mais…)

25/02/2011 at 17:30 34 comentários

Ponto para a mística

“Do alto destas tribunas, 12 Copas nos contemplam.” Era isso, e somente isso, que eu conseguia pensar enquanto o travado link de algum rojadirecta da vida passava lentamente pela tela do computador. No ambiente externo, fora daquela experiência sudamericana, uma professora qualquer falava sobre um assunto que não me interessava em nada, e fazia toda a situação ficar mais tenebrosa. (mais…)

25/02/2011 at 15:00 10 comentários

Sanchez está se afastando de Jesus

O Corinthians anunciou a saída do Clube dos 13, para mostrar ao mundo que consegue mais dinheiro com a TV – afinal, aqui é curintia, mano. Os clubes cariocas manifestaram pela enésima vez seu desagravo com a administração de Fábio Koff, reclamando de autoritarismo, de pouco dinheiro e prometendo dar as mãos para conseguir mais grana e transparência (quer dizer, primeiro a grana). Agora, as entrelinhas: o Corinthians e os times cariocas estão bem a fim de se afastar de Jesus. Pelo menos, para sentar na mesa de negociação.

(mais…)

25/02/2011 at 11:30 39 comentários

Waka waka arruina ofensivismo disfarçado

Nem o retorno de Renato Portalooping ao bom senso com a escalação de mais um volante foi suficiente para deter a fuerza tiburona em Barranquilla. Após sair na frente e promover um primeiro tempo ridículo, os tricolores se recuperaram na etapa final, mas justamente quando eram superiores foram golepados mortalmente e perderam a liderança do Grupo 2. (mais…)

25/02/2011 at 03:23 83 comentários

Sociedade Esportiva e de Benemerência Palmeiras

Daí o Kleber fez 2 a 0 para o Palmeiras e eu fiquei sossegado, porque achei que o time teria de parir a popular BIGORNA pra conseguir matar o segundo jogo diante do Comercial-PI, diante da incompetência mostrada pelos nossos avantes nas últimas partidas.

(mais…)

24/02/2011 at 16:00 19 comentários

Seguimos todos desesperados

Quis a Conmebol que o Fluminense iniciasse a Libertadores com duas partidas seguidas como mandante, e o Nacional, do Uruguai, com dois jogos na condição de visitante. Aparentemente inofensiva, a montagem da tabela fez com que, na segunda rodada da fase de grupos, uruguaios e cariocas se confrontassem no Engenhão com um medo absurdo da derrota – sem a tradicional alternância de mandos de campo, todas as contas tiveram de ser refeitas. Com apenas dez mil observadores na noite de ontem, o tricolor de Montevidéu, escalado de forma ENIGMÁTICA, aguentou os noventas minutos sem levar gols e deixou o Fluminense todo nervoso ao fim do zero a zero. (mais…)

24/02/2011 at 12:00 19 comentários

Juarez, O Ilusionista

Corria o início do segundo tempo, o Internacional vencia LOS FELINOS de Chiapas por 2 a 0, resultado que já garantia a liderança do grupo 6, e parcela significativa dos 26 mil colorados presente naquele Beira-Rio pela metade e com cara de Arena da Baixada vaiava de forma contundente seu treinador. Quando a conta fechou, o placar apontava 4 a 0, e parte não desprezível da torcida reclamava da atuação do time. (mais…)

24/02/2011 at 05:00 126 comentários

Raposa em cancha reta

Dos sete times que começaram a Libertadores jogando duas partidas seguidas em casa (León, Fluminense, Vélez, Táchira, Emelec, Cruzeiro e Godoy Cruz) por enquanto apenas o pessoal do sítio estrelado de Cuca, que ontem bateu o Guaraní por 4 a 0, conseguiu obter total aproveitamento. O feito pode ser alcançado também por Vélez e Godoy Cruz, que estrearam vencendo e ainda não jogaram a segunda partida. (mais…)

23/02/2011 at 16:18 35 comentários

Los de Abajo – G.A. Farroupilha

“Eu existo em Satolep
E nela serei pra sempre
O nome de cada pedra
E as luzes perdidas na neblina
Quem viver verá que estou ali”

Vitor Ramil (mais…)

23/02/2011 at 06:00 55 comentários

O exército dos 18

O fato de Boca Juniors e River Plate não estarem estalando os cascos na briga pela Libertadores de América poderia nos transmitir a impressão de que o Clausura 2011 da Argentina, iniciado  há duas semanas, estaria pendendo para os gigantes adormecidos do futebol castelhano, concentrados em levantar um troféu na temporada. Pois não é bem assim. Mesmo não tendo participado de algumas edições da Copa, o que tem acontecido com cada vez com mais frequência, millonarios e xeneizes têm TOMBADO miseravelmente nas argênteas terras. (mais…)

22/02/2011 at 05:00 48 comentários

Não fez falta o brilho das estrelas (de)cadentes

Apontado pela comunidade internacional como a final antecipada da Taça Guanabara graças à ALTIVA conquista de vaga do Boavista diante do Flumilionário no sábado, o clássico entre Flamengo e Botafogo foi marcado pela negação das virtudes cariocas em favor de uma NOJENTA abnegação em marcar – o futebol carioca é nosso playground, nossa fita VHS com jogos clássicos. Qualquer competitividade deve ser sempre repudiada. (mais…)

21/02/2011 at 12:30 47 comentários

Posts antigos


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

Feeds

web tracker