Como desbotar a história

31/01/2011 at 05:00 115 comentários

A demagogia da Federação Gaúcha de Futebol foi a grande responsável pelo clássico desse domingo ter sido presenciado por umas poucas vítimas. Fosse realizado em Porto Alegre, disputado mesmo que por times de cães abandonados, teríamos no mínimo 20 mil pessoas assistindo à vitória do Grêmio, de virada, por 2 a 1.

O presidente da FGF, Francisco Novelletto, como vem fazendo nos últimos anos, afirmou que se tratava de uma forma de PRESTIGIAR o torcedor do interior, muitos deles sócios de Grêmio ou Inter, mas que poucas vezes conseguem de fato assistir a jogos de suas equipes. Esqueceu de mencionar os preços ridiculamente INFLACIONADOS que eram cobrados para que essa gente que de uma hora para outra foi lembrada pela federação pudesse acompanhar ao clássico – 50, 70, 100, 120 e 150 reais.

Na última hora, reduziu-se pela METADE o valor dos ingressos, certamente adivinhando-se o fracasso retumbante de público que aconteceria. As aquibancadas centrais largadas às moscas, com uns gatos pingados que dariam inveja ao Alfredo Jaconi e seu restrospecto de público invisível. Obviamente, não houve qualquer planejamento para que o primeiro Gre-Nal disputado fora do país tivesse algum apelo. Desde sempre – ao menos, desde a classificação do Grêmio para a Libertadores -, era evidente que o jogo não interessava a ninguém.

Nem Grêmio, nem Inter cometeriam a loucura de escalar seus titulares para disputar um simplório jogo de primeira fase de Gauchão, tendo em vista importantes jogos pela Copa Libertadores. O time AZULINO sequer contou com a presença de seus dirigentes mais importantes. Os colorados escalaram esse time de novatos que até agora não convenceu ninguém. Assim sendo, o clássico passou a não interessar também aos torcedores. E a federação, armada de demagogia, conseguiu desbotar um simples, mas sempre importante, capítulo da história do Gre-Nal.

Talvez os únicos realmente interessados no clássico fosse os jogadores do Inter, todos de olho numa sonhada vaguinha para disputar a Libertadores – muitos jogadores gremistas já estão no grupo principal que briga pela América. E apenas por isso os colorados conseguiram fazer frente ao time treinado por ROGER, aquele lateral-esquerdo da Era Felipão no Olímpico. Após um começo nervoso, os vermelhos saíram na frente, com Guto, o Centroavante que Não Estava Lá, aparando escanteio. Os minutos que sucederam até o fim do primeiro tempo foram os únicos de superioridade vermelha no jogo.

Desde o início do segundo tempo, o time gremista dominou as ações, empatando com um gol de falta de BRUNO COLLAÇO, com contribuição de Muriel, o Goleiro das Defesas que Não Levam a Lugar Algum. É claro que o time do Grêmio também apresentou alguns SOBRESSALTOS e bem poderia ter sido golpeado em bolas aéreas ou contragolpes esparsos, mas acabou vencendo por ser mais cancheiro e qualificado e não desperdiçando munição, como no lance em que LINS consagrou a virada, após falha lamentável da zaga colorada.

Uma vitoria que, é claro, sempre e para toda a história significará um triunfo em Gre-Nal e tudo que isso compreende. Mas que teria mais GLAMOUR e significado se a federação tivesse privilegiado um planejamento coerente, considerando clubes e torcedores, e não quisesse posar de mãe dos pobres. Se não quisesse fazer política populista com algo que, bem, ainda é só futebol.

Fotos de Edu Andrade/Futura Press, Lucas Rizzatti e Alexandre Lops

Saudações,
Douglas Ceconello.

Anúncios

Entry filed under: Gauchão.

Gre-Nal cruza a fronteira Los de Abajo – Guarany F.C.

115 Comentários Add your own

  • 1. Yoda  |  31/01/2011 às 05:33

    Incompatibilidade eterna entre as palavras FGF e PLANEJAMENTO COERENTE. Coronelismo em alta no sec. XXI.

  • 2. Alexsander  |  31/01/2011 às 06:21

    Pra mim o gol da virada gremista foi Natan (contra).

  • 3. Lucas Cavalheiro  |  31/01/2011 às 07:09

    Não vi o jogo, só ouvi na viagem. Pelos comentários, foi um jogo SOFRÍVEL.

    Mas é engraçado o teu time ter um goleiro que falha num lance e ser um dos destaques do jogo.

  • 4. Discípulo do Mestre Cunegundes  |  31/01/2011 às 07:35

    O negro e espadaúdo (Ceconello, Douglas. 2010) Lins mostrou a giromba para zaga coloroda, e com medo de ser currada sem dó e piedade pelo avante de coxas grossas e brilhantes, deu logo a “rosca” pra ser deflorada com muito suor, bunda e esperma (crédítos ao Mestre)

    Kuat

  • 5. Guilherme  |  31/01/2011 às 08:20

    Eu achei o jogo divertido de assistir. Tinham alguns bons jogadores em campo, como esse Marquinhos ali do Inter.

    No Grêmio, aparentemente essa coisa de emprestar jogador pra Ponte Preta faz um puta bem, e o colaço jogou muito, sem falar no gol de falta malandro.

    O time do Grêmio era melhor mesmo, mas o interessante foi que o Roger no final ADMITIU que ele não mandou nada, e que o acerto do time no segundo tempo foi pura sorte, ja que o Vilson passou mal.

  • 6. Roger  |  31/01/2011 às 08:41

    Bueno,

    Como ultimamente temos que nos apegar a todo tipo de superstição e crendice, vou passar a crer que Vilson ter passado mal é um sinal de que as coisas vão mudar, o time vai acertar e os titulos voltarão!

    Mas a verdade, é que o Grêmio pôs em campo os reservas imediatos. Mais Mario doril, W Magrão e Colaço que talvez até desbanquem algum titular durante a temporada, enquanto o time do Inter, era um bando de piá . Os reservas imediatos são Sorondo, Glaydson, ANDREZINHO!, e por ai vai…
    O Grêmio tinha a obrigação de vencer com atuação superior e certa tranquilidade. Só o fez, devido aquela ‘rosca’ do moleque que vai ser crucificado pela derrota.

    Ainda não enxergo a luz no fim do tunel.

  • 7. Emedinapf  |  31/01/2011 às 08:55

    Zzz Zzz…

  • 8. Anônimo  |  31/01/2011 às 08:55

    Que clássico:

    Guto, o Centroavante que Não Estava Lá contra LINS, Local Incerto e Não-Sabido

  • 9. Sancho  |  31/01/2011 às 08:58

    Re 5

    Pura sorte, em termos. Ele poderia simplesmente ter posto um zagueiro no lugar do Vílson. Roger aproveitou uma oportunidade que teve devido a uma circunstância. Teve um “empurrãozinho” do DESTINO, mas ele se ajudou também…

  • 10. Sancho  |  31/01/2011 às 09:00

    O jogo foi RUIM de doer. Melhorou depois de gol do Inter, até porque ficar pior era difícil, mas isso não significa lá muita coisa.

  • 11. Sancho  |  31/01/2011 às 09:03

    Para finalizar, ainda não me recuperei do INFORME PUBLICITÁRIO sobre o Noveletto assinado pelo Zini no ZH de domingo…

  • 12. Carlos  |  31/01/2011 às 09:12

    #11
    Bah, maior pagação de pau da história mundial do jornalismo (?) bovinóide.

    Vergonha total.

    Quem lê aquilo acha q o gauchão é assistido por milhões de pessoas e q os clubes do interior nadam em dinheiro. Demais.

    Sobre o jogo, uma bela bosta, para um publico ridiculo.

  • 13. Titi  |  31/01/2011 às 09:59

    Jogo ruim, com resultado bom.

  • 14. Gralha  |  31/01/2011 às 10:05

    #11. Que coisa mais ridícula.

    Sinceramente, esse Gre-Nal não serviu pra nada. Esse time do Inter mal e mal jogaria a COPA PAQUETÁ e pelo Grêmio me preocupa muito que aquele sejam os reservas imediatos.

    No mais, POA x São Luiz com 7 pagantes no estádio. O Cruzeirinho foi um pouco melhor: colocou 70 pessoas no Estrelão.

    Gauchão Noveletto = SUUUUUUUUCEEEEESSUUUUUUU

  • 15. Zé Carlos  |  31/01/2011 às 10:20

  • 16. Luís Felipe  |  31/01/2011 às 10:38

    Gremistas: existe alguma explicação para o Diego Clementino não ser o sucessor do Jonas como titular do Grêmio?

    Eu acho ele um jogador forte, rápido e inteligente. Falta um pouco de habilidade e frieza diante do goleiro, mas ele me parece melhor que todas as outras opções. E muito melhor que o Júnior Viçosa.

  • 17. Eduardo  |  31/01/2011 às 10:50

    #16 acho que ele é somente mais rápido. Viçosa é brigador e (acho) que ainda vai se destacar bastante. Ele é novo e com pouca experiência em clube de expressão. Já o Clementino, é rápido mas tropeça nas próprias pernas.

  • 18. Ernesto  |  31/01/2011 às 10:54

    Esse time B foi campeão da Enio Costamillan (ou o nome que o valha, dessa porra).

    Mas o esquema era diferente, tinha dois atacantes, como qualquer time normal, e não essa palhaçada similar ao do Roth, para “adaptar os jogadores ao time A”.

    Enquanto essa mentalidade retranqueira não sair do beria-rio, já era.

    Thiago humberto, fininho, reserva de Natan, Juliano, é pegadinha do mallandro. Marquinhos no meio também é palhaçada, quando guardou bucha no profiissional, jogava no ataque.

    Inter B = Enganação e incineradora

  • 19. Rudi  |  31/01/2011 às 10:55

    Camaradas

    ACHO EU que um comentário meu ficou preso no spam no post anterior…
    Se puderem dar uma olhada agradeço

  • 20. Ernesto  |  31/01/2011 às 10:56

    Douglas Cecconello não é um otário de plantão. A melhor definição sobre esse Muriel. É um clemer, esse goleiro sem vergonha. Faz defesas boas, mas sempre toma o seu frango de praxe

  • 21. André  |  31/01/2011 às 11:06

    Essa história da base espelhar o esquema tático do titular é uma falsa boa idéia.

    O cara não pode pensar nem com a própria cabeça porque se institucionalizou de cima para baixo a formação que o time deve ter. Pra no fim subir um ou, quando muito, dois para o time de cima.

  • 22. Álisson  |  31/01/2011 às 11:09

    Muriel deixou o franguinho do dia. Se esse é futuro titular do Inter, estamo jodidos.

  • 23. Roger  |  31/01/2011 às 11:09

    #16
    LF, eu, se fosse colorado, ficaria muito feliz qualquer que fosse a opção…

  • 24. Ernesto  |  31/01/2011 às 11:17

    Seguido ouço falar que o correto é o clube trabalhar desde os infantis até o profissional com um mesmo esquema, mesma filosofia.

    Isso é balela, essa imprensa safada, que fica se espelhando na europa, vem com esse papinho. Já tá mais que comprovado que o esquema bom é o que se adapta ao plantel. Esse do Roth só deu certo quando tinha o Taison, depois acabou.

  • 25. Gralha  |  31/01/2011 às 11:24

    O Gauchão já é um lixo, essa Copinha de segundo semestre deve ser o Ó DO BOROGODÓ

    Zero Hora de hoje exaltando que FGF fez HISTÓRIA ao levar o Grenal para o Uruguai. Chega a ser PATÉTICO

  • 26. Anônimo  |  31/01/2011 às 11:59

    Re 16

    O ataque deveria ser Borges e André Lima. Dito isso, tu tens razão quando diz que o Clementino tem características mais próximas a de Jonas que o Viçosa. Ambos tem aquele estilo COLOMBIANO de jogar futebol…

    Sanchotene

  • 27. Luís Felipe  |  31/01/2011 às 12:00

    #23

    não entendi.

  • 28. Anônimo  |  31/01/2011 às 12:01

    Re 24

    Troca o treinador, torca o esquema, e a gurizada que foi treinada para fazer só uma coisa acaba se perdendo…

  • 29. Ernesto  |  31/01/2011 às 12:05

    #28

    Exato, é isso que eu queria dizer. Ou se tu for ver, de repente trocando o treinador, e o treinador trocando o esquema, fazendo com que esse se adapte às características do plantel, e não o contrário, as coisas ficam mais fáceis.

    Se tu não tem um cara que corre o campo inteiro, pra chegar na frente e ir pra cima da zaga, mas também voltar pra marcar, esse negócio de 4-2-3-1 cai por terra. Só o Roth e Siegmann não viram isso.

  • 30. Prof. Pasquale  |  31/01/2011 às 12:06

    O #23 quis dizer que pra qualquer opção, o secador colorado não se preocupe, pois não vai fazer diferença.

    Se não entender, ainda, eu desenho.

  • 31. Junior  |  31/01/2011 às 12:20

    TECNICAMENTE, o Muriel não errou, fez o certo. Ele montou a barreira esperando que o Mithue (sei lá como se escreve o nome desse guri) fosse cobrar, já que ele é destro. Esse é o lado ruim do “futebol moderno”, os goleiros estudam quem são os batedores de pênalti, faltas, etc. No entanto, mudou o batedor, quem cobrou foi um canhoto. Isso não é erro, me desculpem, se um goleiro jogar contra o Palmeiras, obviamente vai montar a barreira para o Assunção, que é destro.
    Se não fosse o Muriel, o Grêmio teria goleado, foi o melhor do Inter. Se a cada gol do Inter continuar esse “simpósio” sobre o goleiro, nenhum vai se afirmar, nenhum vai ter tranqüilidade para jogar e o melhor vai ser sempre aquele que não estiver jogando.
    Concordo com o Ernesto, esse treinador do Inter B é muito ruim, é a PIOR coisa do Inter B, pior que qualquer jogador.

  • 32. Tiago Marcon  |  31/01/2011 às 12:20

    Phoda foi aguentar o Jader Brocha no peipergato exaltando o Muriel…Purfavor….!
    Qualquer ser humano que já jogou bola uma vez na vida consegueria reordenar o cérebro pra voltar 7 cm pra direita e defender aquela bola…

  • 33. Norteña  |  31/01/2011 às 12:33

    Só para constar: É Grenal e não Gre-Nal.

    GRENAL!!!!

  • 34. Guilherme  |  31/01/2011 às 12:34

    .16

    Eu acho o Clementino um cara bom, mas num mundo ideal ele seria um bom reserva de um cara foda…

  • 35. Junior  |  31/01/2011 às 12:54

    Ernesto #18, o time campeão do Brasileiro Sub-23 e da Copa Enio Costamilan, já jogava no 4-3-2-1. Do meio para a frente jogavam:
    Juliano, Augusto; Sacha, Oscar e Marquinhos; Guto.
    Mas o time era bem diferente do Gre-Nal de ontem, com 3 volantes, sendo que um deles é um Edinho piorado, esse tal de Natan. Não é coincidência que as duas derrotas do Inter no Gauchão acontecerm quando essa besta inventou de jogar com 3 volantes. Deve ser o único treinador do mundo que ainda joga com 3 volantes, um esquema que não funciona nem na defesa nem no ataque.

  • 36. Branco  |  31/01/2011 às 12:55

    Aquele Natan é muito ruim. Já deu pra ver isso nos outros jogos que ele entrou no segundo tempo do gauchão. Foi muito bom ele ter falhado ontem, pode ser assim que assim desistam dele mais rápido.

  • 37. Roger  |  31/01/2011 às 12:57

    #30

    Exato.

  • 38. douglasceconello  |  31/01/2011 às 13:15

    #20

    Ernesto, este Muriel nunca me desceu. Muito estabanado, sai do gol que nem uma GAIVOTA com câimbra.

    #16

    Luís, acho o Clementino muito fraquinho, sinceramente. Jogador para entrar e fazer fumaceira, mas não seria titular de nenhum time da Primeira Divisão do ZIUZÃO.

    #33

    Norteña, apresente argumentos. usfhads

  • 39. Wilson Farina  |  31/01/2011 às 13:16

    Pois é, esses jogos do time B já serviram pra isso, ver quem pode ser usado e quem nao deve fardar. Moledo, Juliano e Marquinhos me parecem prontos pra jogar no time principal.

    Alguns outros podem ser uteis, mas outros ali precisam correr do Beira-Rio, como o Natan, Daniel e Wagner Libano.

  • 40. Volkart  |  31/01/2011 às 13:17

    Foi pouco comentado, mas para mim a melhor coisa que o Inter fez esse ano foi ter corrido com o Jonas… sim, o Jonas, aquele lateralzinho sem-vergonha que quase quebrou o pescoço num jogo contra o Paraná no Beira-Rio, pela Copa do Brasil… sem medo de errar, digo que esse indivíduo foi o PIOR jogador que vi vestir a camisa do Inter. O PIOR MESMO, ele não acertava um passe e conseguia reverter a maioria dos laterais que cobrava, era impressionante a inoperância… e olha que essa lista de perebas é grande. Volta MOSSORÓ!

  • 41. Rudi  |  31/01/2011 às 13:22

    Pô, Mossoró resolvia legal as vezes…

  • 42. Wilson Farina  |  31/01/2011 às 13:22

    #40- sim, a primeira coisa é se livrar dos ruins. Já fizeram bem de se livrar do Jonas, Paulinho e Arilton, e afastar o Maycon e o Edu. Falta agora se livrar do Alecsandro, do Andrezinho e um “obrigado por tudo, mas passar bem” pro Indio.

  • 43. Volkart  |  31/01/2011 às 13:28

    Tinha que colocar o Indião pra ir de churrasco em churrasco nos consulados junto com o Manguita… futebol pra ele não dá mais, mas tem que respeitar esse grande cidadão que é o MAIOR jogador da história do Inter (percebam, o maior, não o melhor). Muito respeito ao Índio, ídolo eterno.

  • 44. Rudi  |  31/01/2011 às 13:30

    Índio de churrasco em churrasco? Copos de plástico, né?

  • 45. douglasceconello  |  31/01/2011 às 13:33

    #40

    Volkart, concordo com tudo. E DIGO MAIS: tem que mandar embora esses dois laterais do Inter B, Massari e Daniel, pra que a ruindade não prospere e não acabem jogando no principal.

    Aquele Daniel, pelaputaquemeroubouoscartãodobanrisul, já teve 700 chances e nunca acertou um cruzamento e nem marca ninguém.

  • 46. Gerhardt  |  31/01/2011 às 13:34

    Nadave, mas o curintia pega altitude contra o Tolima?
    pelo q li vai ser caldeirãozinho afu.

  • 47. Frank  |  31/01/2011 às 13:43

    Essa moda de clássico no EXTERIOR tá pegando…

    Há coisa de um mês atrás, o Paysandu ganhou do Remo em PARAMARIBO (melhor nome de capital), no Suriname (para contrariar a tese de que esse país não existe), no primeiro clássico RE x PA em solo estrangeiro.

    No mais, concordo com o Titi no comentário 13… só o que importa dessa PELADA aí é o resultado…

  • 48. Marcel Moreno (ex-TMdaC)  |  31/01/2011 às 13:50

    Bah… o GOLEIRO SEREIA é o pior guarda metas do Inter desde o Renato aquele.

    Ver a imprensa enaltecendo a atuação dele é bizarro… puta que pariu.

    O comentarista da PPV ontem disse que a falta foi no CONTRAPÉ do goleiro… Pelamordedeus… alguém ensina pra esses profissionais pelo menos o básico.

  • 49. Marcel Moreno (ex-TMdaC)  |  31/01/2011 às 13:52

    #45 Já eu acho que o Massari é o único que se salva nesse bando de punheteiros.

    Até pq pro cara ser aproveitado na lateral basta o cara não ser um completo débil-mental.

  • 50. André  |  31/01/2011 às 13:54

    A minha barca levaria de volta para o Inferno: Andrezinho, Índio, Wilson Mathias, Edu, Ilan, Daniel e Marinho. Só para dar uma oxigenada.

    Faz o teu seu serviço, Ipod Cunha. Manda essa cambada embora.

  • 51. Frank  |  31/01/2011 às 13:56

    O Ramon esse do Vasco é aquele que jogou no Inter?

    Teria-se assim um motivo para essa DRAGA da equipe da cruz de malta…

  • 52. Rudi  |  31/01/2011 às 13:59

    ele mesmo

  • 53. arbo  |  31/01/2011 às 14:04

    ipod, arnaldo?

  • 54. Volkart  |  31/01/2011 às 14:06

    Vamos a minha lista de EXORCISMOS (de acordo com o plantel do Inter que está no site): Muriel, Índio, Ronaldo Conceição, Sorondo, Daniel, Zé Roberto (não deveria nem ter vindo), Alecsandro, Edu e Ilan… aliviei, em dois minutos, mais de 1 milhão de folha! Wilson Mathias foi poupado pois mostrou alguma dignidade no mundial, ganhou crédito…

  • 55. Norteña  |  31/01/2011 às 14:07

    Ceconello.

    Fora a questão histórica e jornalistica, tem também a nova ortografia da lingua portuguesa que retirou o ífem das palavras, acho…

    Mas enfim é Grenal!

    heheh

  • 56. Rudi  |  31/01/2011 às 14:10

    exorcisaria
    muriel, renan, ronaldo, sorondo, daniel, cone, edu, ilan, leonardo, bruno silva, TETAS, juan e metade do time B

  • 57. Volkart  |  31/01/2011 às 14:16

    Um ADENDO: sem esquecer NUNCA, JAMAIS, nosso professor Celso Roth. Esse era pra estar até hoje no Vaxcão, que é time pro naipe dele… triste 2011, não tenho nenhuma esperança pro primeiro semestre, e SE DER TUDO ERRADO, talvez a coisa MELHORE no segundo semestre em tempo de ainda tentarmos alguma sorte no Brasileiro…

  • 58. J Petry  |  31/01/2011 às 14:24

    #54: não confunda os Ronaldos! Ronaldo Alves é o que está jogando no time B agora. Ronaldo Conceição é o zagueiro rápido que jogou muito bem um grenal e se machucou.

  • 59. arbo  |  31/01/2011 às 14:31

    mas não retirou o h do hífen.

  • 60. Gabriel Severo  |  31/01/2011 às 14:32

    #58

    É impressão minha ou tu tomou um banho de LSD e confundiu os Ronaldos dizendo pro cara não confundir eles?

    Lembro que o Conceição se lesionou no primeiro jogo do BR ou coisa que o valha, já o Alves foi o que jogou o grenal no Olímpico no segundo jogo da final do ruralito.

  • 61. J Petry  |  31/01/2011 às 14:33

    Pode ser. Sei lá. Agora estou mais confuso.

  • 62. matheus  |  31/01/2011 às 14:34

    #44

    pfffhahahahahhahaha perfeito

  • 63. Ernesto  |  31/01/2011 às 14:38

    #31 e 35, Junior

    Tecnicamente ele falhou. A bola foi no meio do gol. Não interessa se fez a barreira pro destro e o canhoto bateu. A bola foi no meio do gol. O Kidiaba, contra o Pachuca, fez uma defesa de falta que ele deu uma ponte e encaixou a bola. Cara, não dá, não defende esse ruim, pelo nosso bem, velho.

    Ele já falhou nos juniores, o TIm Maia lembrou bem. Essa história de grandes defesas é conversa, foi uma cabeçada contra do moledo, dois chutes, um do Clementino e outro do Adilson, ambos em cima dele, a defesa na cabeçada do Wesley – também em cima dele, mas foi dificl.

    E não acho o treinador do B ruim. Está sendo ruim, porque impuseram a ele esse esquema. Na Copa FGF e no sub-23 não era esse esquema, ou se era, tinha o Sacha, que fazia a correria. Por isso que eu digo, o esquema se adapta ao plantel, não o contrário.

  • 64. Ernesto  |  31/01/2011 às 14:40

    Sem contar aquela ida à área adversária, totalmente infundada e infrutífera. Lamentável. Quase tomamos o terceiro. Ou seja, ele teria feito “evitado uma goleada”, mas ao mesmo tempo falharia em dois gols.

    Coloquem o Agenor, nome de currador (CUNEGUNDES, 2010) e forjado na série C.

  • 65. Norteña  |  31/01/2011 às 14:42

    ## 59

    Tá certo.

  • 66. Junior  |  31/01/2011 às 14:42

    Se os goleiros vão bem em outros times e vão mal no Beira-Rio, o problema é quem os preparava. Vou esperar os goleiros jogarem após treinarem com TREINADOR de goleiros e não apenas com um CHUTADOR.

  • 67. Ernesto  |  31/01/2011 às 14:44

    Também acho, nunca levei fé naquele preparador. Era um frangueiro. Uma escola de frangueiros. O problema é que nos juniores o preparador não era o Clemer, e o Muriel esse já mostrava que era um frangueirote

  • 68. Junior  |  31/01/2011 às 14:48

    “Essa história de grandes defesas é conversa, foi uma cabeçada contra do moledo, dois chutes, um do Clementino e outro do Adilson, ambos em cima dele, a defesa na cabeçada do Wesley – também em cima dele, mas foi dificl.”

    Negativo. O Clementino tentou deslocá-lo, tanto que ele precisou esticar o pé para defender. A cabeçada do Moledo foi no ângulo. Repito, o Agenor é o melhor porque não joga. No 1º gol que ele sofrer, novamente terá um “workshop” para discutir se falhou ou não. E enquanto isso, a fritadeira de goleiros continuará e ninguém servirá.

  • 69. fino  |  31/01/2011 às 14:52

    O Borges vai se lesionar antes das oitavas…

    Com Viçosa, Clementino, Lins, Pachequinho não há a menor chance.

    Tem que contratar.

  • 70. Gabriel Severo  |  31/01/2011 às 14:54

    Esse Muriel, se não for bom goleiro, é LOUCO. Quero ele no gol pois sou adepto da teoria do Douglas. Naquela falta que ele foi pra área FALTANDO CINCO MINUTOS ou mais pra terminar o jogo ele ao invés de voltar e correr pro gol foi marcar o jogador do Grêmio, é desse tipo de cara que precisamos.

  • 71. Álisson  |  31/01/2011 às 15:15

    Eu to legal de goleiro louco. Testa de novo o cara de areia mijada. Coloca o Renan no CAÍCO de volta pra Eurupa e deixa o Muriel de banco.

    O phoda de ter jogador ruim no elenco é que ele fatalmente joga.

    Alguém consegue me explicar o que passou pela cabeça da direção em trazer aquele piazito de bosta chamado Marinho pro Inter? Aquele guri não farda nem na peleia de final de ano da firma. É muito mirrado, no primeiro lance tomava um encontrão dos alemão de Novo Haumburgo e tava morto.

  • 72. col  |  31/01/2011 às 15:29

    Eu sou autoridade com phd em goleirismo. Esse Muriel engana DEMAIS. Tem muito goleiro de varzea que jamais tomou aquele gol de falta ontem. Simplesmente patetico olhar a bola entrar a dois passos dele.

    Goleiro pode salvar 500 bolas por jogo. Mas nao serve SE falha uma vez a cada 2 (ou 3, ou 6…) jogos.

    PS: nao existe goleiro confiavel no Beira-Rio.

  • 73. Junior  |  31/01/2011 às 15:35

    Col, esse goleiro que tu quer existe. Mas joga na Itália, mais precisamente em Milão. Ñão há ótimos goleiros disponíveis para contratar. Os disponíveis são do mesmo nível dos do Inter. Depois do Inter vencer tudo com Clemer, percebi que essa história de “todo time começa com um grande goleiro é lenda.”
    O Roth tem que escolher um e dizer: ESSE É O TITULAR. PONTO FINAL.

  • 74. Rudi  |  31/01/2011 às 15:37

    Ainda acho que pela média o Lauro deveria ser titular, com Agenor no banco, Ariel (ns) de terceiro goleiro e devolver o renan pro Valência

  • 75. Junior  |  31/01/2011 às 15:41

    O que eu não gosto no Lauro é a falta de personalidade. Quando ele falha, ele se abate. Olhando de fora, me parece um goleiro deprimido. Como todos são do mesmo nível, por isso, seria a minha última escolha.

  • 76. Anônimo  |  31/01/2011 às 15:44

    Re 73

    Tem um pertinho, em Porto Alegre, mas não está disponível…

  • 77. col  |  31/01/2011 às 15:51

    Junior, o Clemer fez uma boa Liber MAS quase entregou na final…lembra aquele peruzinho dele? Mais sorte que juizo ter um Clemer no gol…

  • 78. col  |  31/01/2011 às 15:53

    Eu soh vejo os jogos do Inter, logo nao sei se nao existe um goleiro melhor que o comedor de fungi.

    Mas duvido que uma boa garimpada na America nao acharia um goleiro de 25 anos melhor que o Lauro.

  • 79. Gabriel Severo  |  31/01/2011 às 15:58

    MIGUEL PINTO E VAMOS SER INTERNAZIONALE DO BRASIL COM 29037139021709 ESTRANGEIROS

  • 80. Junior  |  31/01/2011 às 15:59

    #77, por isso, Col. Mesmo com a falha mais inapropriada possível do Clemer, conseguimos vencer a Libertadores. A partir da Libertadores de 2006 comecei a pensar que um goleiro comum, como esses do Inter, já serve. O mais importante são os outros 10. Taffarel e Victor foram/são excelentes goleiros sem títulos.
    Col, o Inter possivelmente terá 4 argentinos, não dá para contratar mais um estrangeiro.

  • 81. Rudi  |  31/01/2011 às 16:01

    Dá pra contratar quantos quiser na verdade, só nas competições nacionais pode jogar só 3 por vez

    o Inter ainda tem vínculo com o tetas, o bruno silva e o nigeriano aquele (abu, eu acho)

  • 82. Anônimo  |  31/01/2011 às 16:03

    lauro fez um gol de cabeça enquanto jogava na ponte…

    sem falar na bocha no desábato, pra mim é titular. jogou bem a copa do brasil e a sulamericana.

  • 83. Junior  |  31/01/2011 às 16:11

    Rudi, eu quis dizer que só podem jogar três. Não gosto da personalidade deprimida do Lauro. A visão positiva dele é porque não é titular com sequência há muito tempo. O último jogo em que ele jogou, levou 3 gols do Avaí em pleno Beira-Rio. O Renan encerra o contrato em agosto, como não vão comprá-lo,
    não faz sentido ele ser o titular. Por isso, penso que o titular deva ser o Muriel ou o Agenor, quem for o melhor deles.

  • 84. Volkart  |  31/01/2011 às 16:11

    Todos sabem que o melhor goleiro do Beira-Rio é o NEI (–fim da discussão–)

  • 85. Rudi  |  31/01/2011 às 16:13

    O lauro deprime quando falha, mas QUE EU LEMBRE dos que tão aí é quem falhou menos…
    Mas enfim… o GOICO ainda tá no grêmio santanense? ou o MANO no vinte de setembro de uruguaiana?

  • 86. Felipe (o catarina)  |  31/01/2011 às 16:17

    maior torneio internacional de todos os tempos. Papão campeão mundial de clubes moral de 2011.

  • 87. Junior  |  31/01/2011 às 16:20

    Rudi, o Lauro é o “goleiro Fanta Uva”. Aqui em casa tinha uma latinha de Fanta Uva, como fazia uns dois anos que eu não tomava Fanta Uva, resolvi experimentar. No 1º gole, lembrei porque eu não a tomava há tanto tempo, porque é ruim. Pensava a mesma coisa que tu a respeito do Lauro até ver no Beira-Rio – Inter x Avaí – aí lembrei porque ele tinha virado 3º goleiro.

  • 88. Ernesto  |  31/01/2011 às 16:30

    Se o cara falhasse de vez em quando, até procederia esse discurso todo do Junior.

    Mas ele tá se contradizendo, quer um cara no gol – Muriel – que falha – e ao mesmo tempo não quer o Lauro porque ele falhou.

    Agora é a hora de testar os goleiros. Dá pra queimá-los sim, agora. O que não se pode é fazer o que se fez ano passado, no meio da libertadores mudar, do nada. Porque o castilhano foi injustiçado, todos sabemos

  • 90. Junior  |  31/01/2011 às 16:40

    Não, Ernesto. Eu quero o melhor de Muriel/Agenor. O Lauro já jogou um ano e meio, já vi que não serve. Não adianta dar murro em ponta de faca. Se fosse bom goleiro, seria o titular, ou ao menos seria contratado por outro clube grande.O Muriel jogou 5 jogos, o Agenor não jogou nenhum. Pode ser que o Muriel e o Agenor não srirvam, mas eles tem direito a uma sequência considerável de jogos. O Lauro já teve isso e não aproveitou. Ele perdeu a posição porque em menos de dois meses tomou dois frangos clássicos (não estou falhando de falhas, como os outros goleiros) daqueles da bola entrar no meio das pernas, sem contar as falhas. E um desses frangos custou o Brasileiro ao Inter. Essa é outra característica de goleiro com sorte, seus erros não interferem decisivamente para conquistas do seu clube.

  • 91. Gabriel Severo  |  31/01/2011 às 16:43

    Aos que possuem TWITTER: sigam o nosso vice, Roberto Siegmann (@robertosiegmann) o cara é um DOIDO, twitta mais que o Justin Bieber, figuraça.
    Esses dias ele falou que o Dr. Holywood tava a cada episódio virando mais o fio, asdiohsdioahsioda.

    E na onda do twitter, o @goleirolauro teve ótimas atuações na Sula de 2008, Copa do Brasil de 2009, Brasileirão de 2009 (frisando que TODOS os goleiro que passaram no Beira-Rio nos últimos tempos comprometeram em algum momento nesse campeonato fodidamente longo.) e, claro, consciente de que o papel de um goleiro reserva é apenas bater nos outros em horas de confusão, deu uma bocha do DESÁBATO.

    Não vejo, no Beira-Rio, ninguém mais digno da nossa camisa 1, vergada com sucesso por tantos fanfarrões ao longo dos anos que o goleiro que come risoto de funghi, twitta, bate em argentino e sustenta ótimas atuações COPEIRAS.

  • 92. Rudi  |  31/01/2011 às 16:43

    Alguém sabe me dizer pq enquanto o time titular do inter tá treinando no 4231 os reservas tão no 352?

  • 93. Wilson Farina  |  31/01/2011 às 17:42

    Exato, o problema de ter e renovar contrato com os ruins são coisas como essas:

    “Glaydson mostra confiança pela titularidade em 2011. Jogador foi escalado como titular nos primeiros treinos de Roth”

  • 94. Cunegundes Gullar  |  31/01/2011 às 18:00

    POESIA CONCRETEIRA DO CUNEGUNDES

    PINTO DURO
    pinto mole
    PINTO DURO
    pinto mole

    é assim a vida
    um dia PINTO DURO
    outro dia pinto mole

    o importante é não perder o sucesso

    quack

  • 95. Serramalte Extra  |  31/01/2011 às 19:29

    Bah, ninguém falou da melhor notícia do Grenal para os gremistas: o Maylson finalmente achou a posição dele! Se achou ali na lateral com aquela correria doida dele, que só atrapalha o time quando ele tá no meio.

    Sobre a organização do jogo, eu acho que o Noveleto tá treinando para substituir o LEOZ na Conmebol.

  • 96. almilano  |  31/01/2011 às 19:55

    Esse Inter B é muito ruim. “Se salvam-se” uns 3: Rodrigo MOLEJÃO, Marquinhos (acho que pode melhorar) e Ricardo Goulart.

    O resto, coloca no LIQUIDIFICADOR e não sai meio jogador.

  • 97. almilano  |  31/01/2011 às 19:58

    Ademais, Ceconello é gênio. Definições de Guto e Muriel perfeitas.

  • 98. Gabriel  |  31/01/2011 às 21:46

    Gostaria de aproveitar o espaço para considerações GERAIS sobre o Internacional. A torcida colorada está equivocada ao:

    1. Achar que o Alecsandro tem que ir embora (50 gols em 2 anos não deve ter 6 jogadores no Brasil que fizeram).

    2. Promover uma JIHAD com todos os goleiros que tem vestido vermelho desde o início da década passada, com a lógica de que o melhor de todos é sempre um guri que tá no banco.

    3. Sair detonando o time B do Inter, que não é nem mais nem menos do que pode se esperar dele: um time competitivo, que tem bons valores e alguns deles não estão jogando (Oscar e Sasha, p.e).

    4. Criticar o inchaço de jogadores no clube sob contrato (60), sem ponderar que é a política de contratos longos que tem garantido que o Inter não perca bons jogadores por merréis.

    5. Encher o saco com relação a política de poupar jogadores – acho que ela foi no ano passado muito mais circunstancial do que planejada e, nesse ano, havia um período legal de férias a ser cumprido e a pré-temporada. O problema, nesse caso, é CALENDÁRIO e não o planejamento da direção / comissão técnica.

    6. Criticar as vendas de jogadores do Inter. Só ganhamos títulos porque ampliamos em cinco, seis, sete vezes o faturamento. Muito salutar que agora o Inter esteja pensando em reestruturar seus custos e tenha contratado profissionais para isso.

    O que importa, em suma, é que somos um clube organizado, um time competitivo, com uma diretoria profissional e um projeto de crescimento correto, que traz resultados visíveis. Temos que ganhar um Brasileirão ainda por agora e era isso.

    Ou seja: o senso comum, como quase sempre, está equivocado. Escapa a visão de contexto, a ponderação e a capacidade de avaliação um pouco mais profunda e racional.

  • 99. Adam  |  31/01/2011 às 22:14

    Vou dizer uma coisa. Coloca o Gremio jogar em Cascavel (em Pato Branco seria melhor mas aqui nao temos estádio) que lota o estádio, mesmo neste grenalzinho.
    Pra quem nao sabe, o Sudoeste do Paraná é um braço do RS .

  • 100. Ernesto - Réplica  |  31/01/2011 às 22:14

    Ao Junior:

    O Camarada que agora nao tenho como ver quem foi, porque estou escrevendo falo, Lauro foi campeão sul-americana (bem ou mal, é titulo, já que esse é teu critério).

    Na Copa do Brasil fez milagres contra o Flamengo lá, Maracanã.

    Tomou um frango contra o Barueri, e teve outras falhas, mas nesse mesmo jogo contra o Barueri, Andrezinho perdeu um gol embaixo do arco.

    Ou seja, teu critério se baseia na sorte do goleiro, haja visto que tu dizes que todos falham. Logo, em primeiro lugar tu não pode defender o SEREIA (MUITO BOA ESSA) porque, segundo teu critério, ele nao tem títulos, então, a sorte dele não foi testada.

    Em segundo lugar, teu critério da sorte é completamente sem noção, porque, por esse critério, o Renan tem que ser titular, falhou pra cacete, mas foi o goleiro que jogou as finais e semi da libertadores, levantou caneco.

    Gabriel, no ponto da venda de jogadores, só acho que poderiam vender por maior preço.

    Um exemplo é o Cristaldo, atacante do Velez. Saiu para o mesmo time do Taison, na Ucrania, pelo mesmo preço. Mas um foi campeão da américa, e outro não. Se isso não é um critério de valorização, pára tudo que eu quero descer.

  • 101. Ernesto  |  31/01/2011 às 22:15

    O Camarada que agora nao tenho como ver quem foi, porque estou escrevendo FALOU

  • 102. Eduardo  |  31/01/2011 às 23:04

    Jael rescinde com o Bahia. Está pintando mais um atacante no GRÊMIO? Renato conhece… se pode dar certo, não faço a mínima idéia.

  • 103. Gabriel Severo  |  01/02/2011 às 08:10

    Legal que o Ernesto RETIFICOU a frase e não se deu ao trabalho de ir ver quem era o camarada, aliás, tem palavra mais amigável e perfeita para o que significa “camarada”? Aquele cara desconhecido até certo ponto mas que sabe-se só por algum mínimo contato que é gente boa e com o qual tu dividiria umas cervejas.

    Perfeita a colocação do Gabriel #98 no que tange ao JIHAD, coisa que vez ou outra eu me pego promovendo.

  • 104. Gabriel Severo  |  01/02/2011 às 08:21

    Ah, e sério, eu não consigo achar o GlayDIADORson ruim. É o tipo de cara que trabalha quieto, entra atuando bem pro que se espera dele e compulsando meus alfarrábios não consigo encontrar nenhuma apresentação fiasquenta dele.

    Só porque o cara é um negão e tem um nome com (parei pra contar assim: GLaYDSoN) seis consoantes os caras pegam no pé. Talvez se ele fizer um curso de espanhol, mudar o nome pra Glaydsoñ, usasse algum apelido no meio (Glaydsoñ “El Bueno Reservón” Freire) e virar cabeludo os caras gostem dele.

  • 105. Rudi  |  01/02/2011 às 09:27

    Gabriel, chama ele de FILHO DO BOM AR e fica tudo certo

  • 106. Álisson  |  01/02/2011 às 10:27

    Hijo del bueno aire, aí a torcida se encanta.

    Acho um bom reserva.

  • 107. J Petry  |  01/02/2011 às 11:28

    103-106 = melhor sequência de comentários. Glaydson é bom reserva mesmo.

  • 108. Branco  |  01/02/2011 às 12:13

    Gabriel #98

    Discordo de ti nos tópicos 1, 2 e 5. No resto está certo, inclusive quanto ao Glaydson.

    1. Alecsandro, embora tenha feito 50 gols, é muito ruim. Ao longo de todo o ano passado, ele perdeu quase todas as bolas que recebeu, não conseguia acertar sequer um passe lateral. Se um volante marca bem e não acerta passes é (justamente) execrado, por que com um centroavante seria diferente?

    2. Acho que estamos certo em criticar os goleiros. Renan, Pato e Muriel falham/falhavam com muita frequência, assim como Clemer. Já o Lauro me agrada por ser mais regular. Não faz defesas impossíveis, mas também falha pouco. Lembro de 2 ou 3 falhas dele em 2 anos. é preferível um goleiro regular que um que alterne grandes defesas e frangos.

    5. Sou totalmente contra poupar jogadores. Claro que no começo desse ano não havia opção, o grupo principal tava de férias. Mas no meio datemporada não tem fundamento. É justamente para isso que tem o plantel. Põe os titulares a jogar e quando algum se machucar é substituído por um reserva mais ou menos a altura. Em 2009 por exemplo o Inter perdeu o Brasileirão por 2 ou 3 pontos pro Flamengo. Se não tivesse poupado jogadores por causa da Copa do Brasil, provavelmente seria campeão. Aí reclamam que o Grêmio entregou, que o Lauro falhou…

  • 109. Junior  |  01/02/2011 às 13:48

    #108, essa percepção de que o Lauro falhou menos só existe porque ele é o goleiro que foi titular há mais tempo, por isso as flhas dele são esquecidas. Sem forçar a memória, lembro de alguns jogos que ele falhou no Brasileirão 2009 e do frango que ele tomou no Gauchão de 2010, que fez o Fossati pedir um novo goleiro. Para reforçar a idéia que o tempo fez esquecer as falhas do Lauro, olhe esse texto de 11/2009 e principalmente os comentários:
    http://globoesporte.globo.com/platb/raulkrebs/2009/11/11/todo-grande-time-comeca-por-um-bom-goleiro/

    Lauro e Renan tiveram bastante tempo para demonstrar suas virtudes e defeitos. O Roth deveria dar 4 ou 5 jogos com o TIME PRINCIPAL para o Agenor e o Muriel, quem se sair melhor (ou menos pior) fica como titular.

  • 110. Anônimo  |  01/02/2011 às 16:51

    BloGreNal com editorial sobre o clássico em Rivera:

    FRACASSO ANUNCIADO

    http://mundoesportivo-classicos-grenal.blogspot.com/

  • 112. Anônimo  |  01/02/2011 às 18:17

    Caí no chão, bati a cabeça e levei 3 pontos. Pelo menos, tou na frente do Vasco!

    Se o trema que tem 2 pontos caiu, imagine o Vasco que não tem nenhum!!!

    A letra i tem um ponto. Tá na frente do Vasco!

    NOVO PATROCINIO DO VASCO: TELE SENA
    Porque quem faz menos pontos tambem ganha!

    O futuro do Vasco é um ponto de interrogação. Pelo menos, já é um ponto não?

    Jogue com o Vasco e ZERE o futebol no Playstation!

    Temperatura na Antártida atinge 1 ponto e passa o Vasco!

    Horóscopo do Dia
    Sorte de hoje: seu time enfrentará o Vasco!

    VASCO ANUNCIA SEU NOVO TREINADOR: TIRIRICA
    Porque pior que tá não fica!

    A diferença entre o Vasco e o Titanic é que o Titanic afundou no mar e o Vasco afundou no Rio!

    Vascaíno não abre site usando HTTP porque tem que ter dois pontos antes das duas barras.

    Por que vascaíno não consegue usar o Google Maps? Porque tem que ter um PONTO de referência.

    Você sabe qual é a menor distância entre dois pontos? O Vasco também não sabe.

    Você sabe o que um pontinho disse pro outro? O Vasco também não!

    Se o Vasco fosse candidato à Presidência da República ficaria atrás do Plínio de Arruda, que tinha 2 pontos.

    Em São Januário, os pontos cardeais são conhecidos apenas por “cardeais”.

    Em São Januário, o ditado “Quem conta um conto aumenta um ponto” só possui a primeira frase.

    Vascaíno só come carne mal ou bem passada. Nunca ao ponto.

    Com as chuvas de ontem, São Paulo já registrou 3 pontos de alagamento. Já o Vasco…

    Por que vascaínos trabalham véspera de feriado? Porque pra eles não há ponto facultativo.

    Vasco Esperança, ajudem!
    Para doar 1 ponto, ligue: 0800 2011 001
    Para doar 2 pontos, ligue: 0800 2011 002
    Para doar 3 pontos, ligue: 0800 2011 003

    Se você receber uma multa de trânsito, faça uma boa ação: transfira os pontos para o Vasco.

    Está dificil de ir de ônibus para Sâo Januário: não tem ponto.

    Ainda não se sabe como o Vasco irá jogar as partidas do Brasileirão em SP. Para chegar até lá, tem que passar por Duque de Caxias, Nova Iguaçu e Resende.

    Classificação do Campeonato Carioca:
    Reticências, 3 pontos
    Trema, 2 pontos
    Exclamação, 1 ponto
    Vasco, ZERO

    Novo site do Vasco: wwwvascodagamacombr

  • 113. Ramiro  |  01/02/2011 às 19:33

    Já falei que o Marcelo Grohe é um goleiro MUITO ruim?! Ah, tá…

  • 114. alemao  |  01/02/2011 às 22:45

    102. é jael ou já era.

  • 115. claudia cardoso  |  02/02/2011 às 15:35

    A questão, Ceconello, é que não é mais só futebol. É negócio! Resta saber o que [ou quem] ganhou com ingressos de valores tão absurdos, quantos esses…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Subscribe to the comments via RSS Feed


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

  • E o glorioso São Bento chegou à Série B nacional aos 104 anos de vida. 32 minutes ago
  • A corrida pelo título brasileiro é basicamente a lebre Corinthians tirando uma soneca enquanto 4 ou 5 tartarugas se aproximam lentamente. 39 minutes ago
  • No fim das contas, o Corinthians pode até despencar, mas o verdadeiro perseguidor é outro. 42 minutes ago
  • Já garantiu dois e tem um terceiro (CSA) com tudo na mão. E também o Confiança vivo, ainda que precisando de façanha. 22 hours ago
  • Nordeste pode ser a primeira região a subir mais que 2 times juntos em uma edição da C, desde que adotaram a fórmula atual (2012). 22 hours ago

Feeds

web tracker

%d blogueiros gostam disto: