O candidato

11/11/2010 at 04:30 20 comentários

No post sobre o jogo de ida contra o Atlético-MG, anotamos um Palmeiras como nos velhos tempos de Scolari, mas que teve seus planos interrompidos por algumas más decisões da arbitragem. Dessa vez nada atrapalhou: um gol olímpico de Marcos Assunção no primeiro tempo permitiu ao Palmeiras exercer o pega-ratão com maestria e autoridade pelos minutos restantes, sendo coroado com um gol de Luan com passe de Lincoln ao final. Tivesse um ponteiro direito rápido, seria um revival noventista completo.

É complicado escrever sobre esse Palmeiras de Scolari sem repetir o que foi dito na última partida: foram dois jogos muito parecidos, Palmeiras atacando, marcando e deixando a bola com o adversário como se isso não fizesse a menor diferença por horas a fio. O Atlético Mineiro terminou a partida com cerca de 54% de posse de bola e levou 2×0, o que confirma a ideia.

A principal diferença deste Palmeiras para os outros times de Scolari é que este time alviverde é especialmente medíocre. Valdívia, que é o principal talento, está baleado e se arrasta em campo por poucos minutos só para confirmar uma insana teimosia de Luiz Felipe – ele diz saber mais que os médicos. Kléber é um atacante de rara inspiração, mas é um finalizador e a bola necessariamente tem que chegar nele em boas condições. Lincoln não é mau jogador – porém, não é inspirado nem mágico, apenas inteligente. Some isso à proposta da correria e vimos um jogo feio, bem feio.

Seria mais bonito se o Atlético Mineiro fosse um time um pouco mais inspirado. Dorival Júnior anunciou que a cota de titulares na equipe escalada seria maior ainda no início da semana, mas os jogadores que costumam figurar pareciam não fazer a menor ideia do motivo pelo qual estavam ali. A necessidade de fazer um jogo objetivo e agudo para romper a defesa bem armada do Palestra esbarrava na falta de disposição de alguns jogadores – à exceção de Ricardo Bueno, este sim, com muita vontade de marcar. Ainda que ameaçasse e rondasse, o Atlético não convidava pra sair nem botava o Palmeiras pra dentro do carro rumo ao drive-in.

O passe açucarado de Lincoln e o gol do perseverante Luan deram ao Palmeiras a chance de disputar a semifinal da Copa do Brasil Sul-Americana com o vencedor de Avaí x Goiás, a ser definido hoje. Chegamos ao incrível ponto no qual um time brasileiro pode vencer um torneio internacional pegando apenas DOIS times estrangeiros, o que é absolutamente inédito na história das competições de sudamérica.

Até a vitória,
Luís Felipe dos Santos

Anúncios

Entry filed under: Sul-Americana.

O campeão da calle Edison 3ª ImpedCopa: habemus fórmula!

20 Comentários Add your own

  • 1. Gabriel Teixeira  |  11/11/2010 às 07:01

    Vi só o segundo tempo, porque estava na pelada impedmentícia, mas me parece ter um jogo muito mais tranquilo do que se imaginava. A zaga tá sólida e se na frente não há muita criatividade, Marcos Assunção resolve no talento.

  • 2. Claudio RK  |  11/11/2010 às 07:18

    Tranquilo? O Palmeiras recuou assustadoramente por mais da metade do segundo tempo, já estava antevendo mais um fracasso pra coleção.

    E realmente, por mais que eu queira esse título, é meio triste ver que ele seria obtido batendo apenas dois estrangeiros – e um deles, ainda por cima, boliviano…

    *só pra pegar no pé, não seria um feito inédito, já que houve um período em que o campeão da Libertadores entrava na semi, e portanto defendia o título em apenas dois mata-matas. O Santos em 1963 levou a taça enfrentando apenas UM estrangeiro.

  • 3. Bruno Lorenz  |  11/11/2010 às 07:47

    Eu só consegui ver o jogo a partir do segundo tempo. Caramba, que pelada braba. Os Atleticanos erravam passes e tabelas de um metro de distância (isso quando não davam a bola de graça pralgum jogador palmerense). E o Palmeiras dependia do cover do Kid Bengala pra ameaçar o galo.

    Enfim. Foi quase um preview do que não fazer na Impedcopa.

  • 4. dante  |  11/11/2010 às 08:06

    lincoln, também conhecido como douglas ceconello:

  • 5. Paulo Torres  |  11/11/2010 às 08:10

    Botafogo na Conmebol de 1993: campeão derrotando Bragantino, Caracas, Atlético-MG e Peñarol.
    São Paulo na Conmebol’94: Grêmio, Sporting Cristal, Corinthians e Peñarol.
    São Paulo na Supercopa’93: Independiente, Grêmio, Nacional de Medellín e Flamengo.
    (Mas nenhum deles eliminou *três* times brasileiros, os torneios eram menores em uns 60 times.)

  • 6. Paulo Torres  |  11/11/2010 às 08:15

    E, Ricardo Bueno mostrando vontade de fazer gols = Rubens Barrichello declarando intenção de ser campeão mundial.

  • 7. arbo  |  11/11/2010 às 08:28

    Vi um jogo durante o qual os mineiros foram quase sempre superiores, levando o gol olímpico, pontual, quando exerciam essa superioridade. Não há justiça no futebol, por isso o Palmeiras pôde passar.
    Dorival ajeitou o Atlético, definitivamente. Até os reservas tão jogando decentemente.

  • 8. Alexandre N.  |  11/11/2010 às 08:36

    #6

    Maldade isso, viu? rs…

  • 9. Wéslian Roriz  |  11/11/2010 às 08:46

    É, mas o pior para quem seca os brasileiros pelo G4 foi ficar acordado para ver a LDU, e os caras jogar um futebol sofrido, fazendo um gol no final do segundo tempo, e tomando A pressão no final.

    Palmeiras, mesmo jogando essa meia bola, pode levar a Copa.

  • 10. Alexandre N.  |  11/11/2010 às 08:48

    #9

    A LDU teve a ajuda do melhor jogador deles (a altitude)? Se não, por que você esperava algo diferente?

  • 11. Claudio RK  |  11/11/2010 às 08:59

    O Palmeiras enfrentou a LDU duas vezes ano passado e, ao contrário do Flu, se saiu melhor (derrota por 3 a 2 lá e vitória por 2 a 0 aqui). Ainda assim, não boto minha mão no fogo pelo Palmeiras nem que o adversário fosse o finado Minervén.

  • 12. matheus furtado  |  11/11/2010 às 10:03

    A Impedcorp nem TERGIVERSA um pouco mais pra mascarar a secação, jogando toda a sorte de AGOUROS no time alviverde. Já esperava mesmo, agora é botar o KId Assunção pra bater tiro de meta pro gol (ns).
    (sério).

    Mas é uma atitude digna. A secação enobrece o homem.

    (Sugiro a algum colorado desta paróquia escrever sobre as FORMIDÁVEIS chances do Grêmio disputar La Copa, jDJaskdjsddksj)

  • 13. gilson  |  11/11/2010 às 10:24

    Liga de Casablanca favorita, sem mais.

  • 14. Lucas Cavalheiro  |  11/11/2010 às 11:00

    Tá na mão do Palmeiras. Só perde para si.

    Vi o jogo todo. Os dois times oscilaram na pressão, mas o Palmeiras achou o gol Olímpico e se fechou. Fossem os atacantes mineiros mais competentes, o jogo encresparia. Pensando rápido aqui, Fabiano e Neto Berola perderam gols que não podiam perder. Kléber COTOVELO DE OURO também perdeu outro INCREÍBLE.

  • 15. Sanchotene  |  11/11/2010 às 11:37

    Teve um ataque do Galo no segundo tempo, ainda estava 1-0, que eu quase quebrei a TV, e isso que não torcia para ninguém. Era só passar para o meio, que um atacante estava livre de frente para o Deola, na entrada da área, e o cidadão carregou a bola mais um tempo antes de passar para a ponta esquerda. A jogada morreu ali…

  • 16. col  |  11/11/2010 às 11:45

    Tava vendo a pelada ontem, o LINCOLN parece o Ceconello!!!

  • 17. Camilo  |  11/11/2010 às 12:41

    O Impedimento não vai falar sobre o jogo do Botafogo?
    Só posso dizer que um time como o Ceará, com craques que respondem por nomes como Arlindo MARACANÃ, CARECA, BOIADEIRO e GERALDO, tem que ficar na primeira divisão!

  • 18. rafael botafoguense  |  11/11/2010 às 12:47

    jogo do botafogo?

  • 19. Francisco Luz  |  11/11/2010 às 14:48

    18: entendemos.

  • 20. Henrique  |  11/11/2010 às 21:26

    LDU copera y peleadora botará o Grêmio na Libertadores!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Subscribe to the comments via RSS Feed


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

  • O Strongest mais strongest de todos os tempos (?) 4 hours ago
  • Seja lá quem for Welbeck, certamente o Júnior Neymar do BARÉ-RR é melhor. twitter.com/CLamentaveis/s… 7 hours ago
  • Com essa grande virada, Chapecoense está na Sul-Americana. Em campo, seria 2ª colocada e tiraria o Nacional, mas com a treta aquela é 3ª. 7 hours ago
  • PUTA MERDA CHAPE NÃO ME FAZ UMA VIRADA ASSIM DEPOIS DE PERDER PONTOS NO TRIBUNAL ASSIM ARREBENTA O CORAÇÃO DA GENTE 7 hours ago
  • RT @Guelerme: @impedimento EU QUERO VER EMENDAS LAMENTÁVEIS NOS TRIBUNAIS MEU NÃO ZICA (ns) 8 hours ago

Feeds

web tracker

%d blogueiros gostam disto: