Vá matar a mãe do demônho (Versículo apocalíptico; Capítulo Final)

17/05/2010 at 06:00 21 comentários

Existem momentos na vida em que a lógica cartesiana, esta menina traquina, ordena que devemos seguir em frente, porém nosso PESCOÇO não deixa.

Exemplo? Receba.

Você está passeando distraidamente com sua consorte pela orla marítima da Ribeira, fazendo aquela média, prometendo um sorvete e tal, quando vem de lá uma mulata sestrosa – seja lá que porra signifique a palavra sestrosa.

Pois bem.

O amor ao espinhaço lhe passa a informação que você deve fazer um esforço hercúleo para desviar a vista do problema, mas como disgramada vem mexendo mais do que ferry-boat em dia de maré vazante aquela olhada faz-se inevitável. Aí, fudeu avião e você é obrigado a gritar:

“PUTAQUEPARIU GLAUBER ROCHA!!!”

É obvio que este xingamento aí, igual aos filmes do referido cineasta, não tem o menor sentido. Porém, são absolutamente necessários para tirar a patroa de tempo. Assim, em vez de ela pensar que é casada com um tarado ordinário, acha apenasmente (dá-lhe Odorico Paraguassivisky. Sim, Paraguassivisky, vá fazer rima na casa da porra) que você tá maluco

Assim na vida como no futebol.

Existem momentos no Ludopédio em que a lógica cartesiana, esta menina traquina, ordena que devemos seguir em frente, mas nosso ódio não deixa.

Exemplo? Receba.

Quando o careca descarado soprou o apito pela última vez lá em Goiânia, na peleja entre Vitória x Atlético, ocorreu um fenômeno semelhante àquele que relatei no início. Seguinte foi este. Em vez de minhas vastas emoções e pensamentos imperfeitos seguirem o caminho natural rumo ao jogo contra o Atlético Goianiense, deram um revertério e novamente voltaram-se para os nefastos acontecimentos da lambança contra o PSV, no último 09 de maio, Dia das Mães.

“Mas, seu Françuel, ninguém aguenta mais esta prosa. Afinal, o que o cu tem a ver com as calças se a cueca está no meio? Traduzindo: Que porra aquela chibança contra os holandeses influenciou na exibição contra o Atlético?”, perguntou candidamente a pudica Moça do Shortinho Gerasamba, incorporando o desbocado espírito de Dercy Gonçalves.

Pois muito bem.

Nas Condições Normais de Temperatura, Pressão e Cachaça (CNTPC’s), daria razão a referida e encerraria a conversa aqui mesmo. Porém, me lembrei que nos 90 minutos da peleja contra o Rubro-Negro do Cerrado nosso lateral-direito (ala é a puta que pariu) não foi uma única vez na linha de fundo. Como é possível que um lateral não vá uma única vez à linha de fundo?

Diante de tal ignomínia (recebam nos mamilos e distribuam), pergunto: tem culpa eu? Lógico que não, assim como também não há culpabilidade para o menino Neto Coruja, meio-campista das divisões de base improvisado no setor; nem para o técnico Ricardo Silva e muito menos para Casemiro Neto, coitado, que já tem pecado demais.

Então, amigos ouvintes, em verdade vos informo: A responsabilidade de iniciarmos o campeonato sem um lateral sequer, e jogarmos uma partida decisiva na Copa do Brasil com um time todo esfacelado, é única e exclusiva do presidente Alexi Portela. Ele tem mandado a campo uma equipe com uma folha salarial de 420 mil mensais, menos da metade do que gastava no campeonato baiano do ano passado.

Até aí, como diria Karl Marx, tudo bem.

Afinal, cada um sabe de suas condições financeiras. Respeito muito estas questões de economia. Lá em casa mesmo, quando a porra aperta, corto logo tudo quanto é superfluo, como feijão e arroz, e mantenho apenas o dinheiro para o essencial, a exemplo da imprescindível canjebrina e outras mumunhas não recomendadas pela Carta Magna.

O problema é que, segundo informações do criterioso Lucas Serra, o Esporte Clube Vitória desembolsou a bagatela de 135 mil euros para jogar contra o escrete holandês. Repetindo: 135 mil euros, o que na matemática moderna corresponde a pouco mais de 300 mil reais. Somando-se a outros gastos com publicidade em rádios, folders, casa de massagem e outras coisitas mais, muito provavelmente foi gasto o equivalente a folha de um mês.

E tudo isso pra quê? Para fazer vergonha a torcida e arrecadar a incontável quantia de 1.778, 02 reais, (isso mesmo: milepoucos reais), segundo informações do borderô da Federação Baiana de Futebol.

E foi exatamente por conta de todas estas infâmias que a musical população do Nordeste de Amaralina esqueceu toda a riqueza rítmica e desde domingo entoa o seguinte samba de uma nota só:

VÁ MATAR A MÃE DO DEMÔNHO!!!

VÁ MATAR A MÃE DO DEMÔNHO!!!

(Repete 658 vezes).

Franciel Cruz

Anúncios

Entry filed under: Clubes, Colunas.

Transmissão ao vivo da ImpedCopa 2ª ImpedCopa causa abalo sísmico e intimida sociedade

21 Comentários Add your own

  • 1. Felipe Z.  |  17/05/2010 às 06:43

    Mas, de qualquer forma, por 420 contos ta fazendo milagre esse departamento de futebol heinhô!

  • 2. Renato K.  |  17/05/2010 às 08:05

    Só o Franciel pra me fazer rir num dia triste como este …
    R.I.P. Ronnie James Dio!

  • 3. Phoenix  |  17/05/2010 às 08:53

    Traduzindo para uma unidade monetária mais conhecida dos gaúchos: essa folha do Bitória dá dois Rochenbacks.

  • 4. José Patricio  |  17/05/2010 às 09:24

    ou 1 e 1/2 KLÉBER PEREIRA, no monetarismo colorado.

  • 5. catarina cristo  |  17/05/2010 às 09:43

    Mundo mundo vasto mundo, se dinheiro resolvesse o problema, não seria rima, nem solução.

    Mundo mundo vasto mundo, que o diga o meu (tricolor) coração.

    ‘manheci poeta e cometendo heresias. mas como o mineirinho também gostava de futebol, ele me perdoa. bom dia.

  • 6. Sancho  |  17/05/2010 às 09:48

    Mas custava ao torcedor abrir a mão e comparecer a festa?!

  • 7. almilano  |  17/05/2010 às 10:05

    Franciel vive!!!!

  • 8. Cunegundes, o mulato frajola  |  17/05/2010 às 10:05

    Sou solidário com sua causa, eu acho que estes estrangeiros só vem aqui pra fornicar com nossas gurias, fico fulo da vida ao ver aquelas reportagens sobre pedofilia infantil e pederastia dos estrangeiros na TV, nossas gurias são para nós e não para eles, eu quero todas as brasileiras macias e suculentas só para mim, os estrangeiros que fiquem com aquelas branquelas deles, sem bunda, com espinha na virilha e pêlos no suvaco, eu gosto das nossas mulatas, mas não dispenso uma loirinha, tenho sonhos molhados com a Leide Gaga, ela é muito saborosa e tem dobrinhas que suadas devem ser uma embriaguez de prazer, fico todo tarado ao pensar nisso, por isso é importante que os estrangeiros venham aqui, para fazer um intercâmbio de fubãozinho molhado, afinal de contas é isso que dá cor à vida, eu apóio o swing internacional, quack.

  • 9. guihoch  |  17/05/2010 às 10:33

    foi boa a festa hein! isto aqui esta parado e nem tem um post dizendo que o inter tambem sabe virar placares e blablabla.

    TEVE MUITA CERVEJA NA IMPEDIFESTA MALUCO!

    VOLTAREI DEPOIS DE VCS SE RECOMPOREM

  • 10. Prestes  |  17/05/2010 às 10:35

    Ih, agora o Franciel voltou a escrever, vai zicar o Vitória, hudsahsdsaduahudsah

  • 11. lUCIANO  |  17/05/2010 às 11:09

    cade a analise do LULAAMIGODOAHMINEJADzão 2010??

  • 12. Franciel Cruz  |  17/05/2010 às 11:29

    # 10

    Rapaz,
    vire esta boca pra maré de vazante.

    E tem mais. Se o Grêmio for para a final, estarei aí novamente. E, desta vez, ainda mais preparado físico e psicologicamente para uma nova Impednua. Inclusive, estou invicto no Olímpico. E também naquele campinho em frente ao Beira Rio, quando broquei o time de Arbo.

    UMBORA BITÓRIA, CARAJO.

  • 13. FERN  |  17/05/2010 às 11:31

    desde o titulo ja sabia da autoria de Seu Frã Sir Él…

    boas shuahuhsuasuaushushdushduh a todos!!!

  • 14. Felipe (o catarina)  |  17/05/2010 às 12:48

    “Tua lagoa formosa
    Ternura de rosa
    Poema ao luar

    Cristal onde a Lua vaidosa
    Sestrosa, dengosa
    Vem se espelhar…”

    trechinho do “Rancho de Amor à Ilha”, vulgo “hino oficial de Florianópolis”. Por isso eu já tinha corrido atrás uma vez do meu, do seu, do nosso pai dos burros e descoberto que sestrosa significa, entre outras amenidades, “desconfiada, insegura” ou, ainda “manhosa”, “dengosa”, definição esta que se encaixa perfeitamente com a mulata descrita em duas palavras pelo Franciel.

    no mais, genial, como sempre.

  • 15. guihoch  |  17/05/2010 às 13:41

    feito, se o washton sair dos bibas vai encaixar como uma luva no time do imortal, nemprecisair buscar nos extrangero.

    borges jonas e washiton drougas w.magran adilson, hugo e leando nas lateral o resto nem presisa , só o victor claro e o fernandes

  • 16. Logan  |  17/05/2010 às 13:43

    “Assim na vida como no futebol.” Amém! E que São Viáfara nos proteja desse período tenebroso em que nós, Rubro-Negros passamos.

    Do ponto de vista parreiriano, ou seja, do resultado, estamos muito bem obrigado, mas as aparencias enganam e com essa diretoria nois sifu – já diria Lula.

    Um presidente (o do Vitória) que diz estar fazendo economia e traz 14 e aproveita uns 3 ou 4 só pode estar delirando, talvez ainda se recuperando da comemoração do TETRATÓRIA 2010.

    Trouxesse uns 4 ou cinco mais caros ao inves de 10 carniças estariamos em uma situação melhor, sem ter que entrar com 6 reservas, zaga sub-20 no segundo tempo e tudo no jogo contra o menguinho.

  • 18. Sancho  |  17/05/2010 às 14:27

    Parte 2, aqui:

    http://victoriaquaeseratamen.wordpress.com/2010/05/12/va-matar-a-mae-do-demonho/

  • 19. Sancho  |  17/05/2010 às 14:28

    Uma trilogia ao revés: http://victoriaquaeseratamen.wordpress.com/2010/05/11/va-matar-a-mae-do-demonho-cap-1/

  • 20. Franciel Cruz  |  17/05/2010 às 14:32

    Isso, Sancho.

    A Bahia e uma banda de sergipe são testemunhas de que eu não queria fazer meu comercial, mas já que você fez, recomendo a leitura dos dois anteriores, apesar de achar que este último é, como dire?, autônomo.

  • 21. Eduardo  |  18/05/2010 às 00:51

    Parabéns pela criatividade e facilidade de escrita Franciel.
    que beleza de texto.
    (Repete 659 vezes).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Subscribe to the comments via RSS Feed


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

Feeds

web tracker

%d blogueiros gostam disto: