Seguindo os passos da Albirroja

09/02/2010 at 15:07 23 comentários

Com a seleção nacional classificada com folga para a Copa do Mundo, os clubes paraguaios têm a obrigação moral de seguir a trilha do sucesso. O único time do país campeão da Libertadores é o Olimpia, com três conquistas. Buscando minimizar a desgraça, está o Cerro Porteño, o favorito Nacional e o Libertado, detentor da última boa campanha guarani na Copa – a semifinal de 2006.

Cerro Porteño

Já tendo participado de mais de trinta Libertadores de América, o Cerro Porteño anda capengando há tempos na Copa. Nunca foi campeão e vive AMARGURADO pelas três conquistas do rival Olimpia. Nunca jamais sequer disputou uma final, mas já esteve em cinco oportunidades entre os semifinalistas – a última vez em 1999. Neste deserto de felicidades continentais, o ano de 2009 significou um sopro de esperança. Os azulgranas chegaram à semifinal da Sul-Americana, contra o Fluminense. Estavam com a vaga na final na mão ate o finalzinho, quando um HERÓI chamado GUM colocou tudo a perder. A pauleira que seguiu após o apito final ao menos ajudou a ALIVIAR a tensão e a manter a torcida animada.


Entrincheirados pela Copa

O desafio do Cerro começa cedo na Libertadores. Terá de mastigar abelhas para passar da fase de grupos, pois caiu na chave 1, que conta com Racing, do Uruguai, indesmentível favorito à liderança, Independiente Medellin e Corinthians. Para não fazer fiasco, o técnico argentino Pedro Troglio deverá apostar no famoso FERROLHO, encabeçado pelo arqueiro Diego Barreto (que deve ie à Copa do Mundo pela seleção) que conta com Miguel Torrén e Rodrigo Román como fiéis escudeiros. No meio-campo, quem comanda a boca é o argentino Villarreal. Os gols ficavam sob (ir)responsabilidade de César EL TIGRE Ramirez, ex-Flamengo, e Nanni, que já jogou no Vélez.

No entanto, o poder ofensivo azulgrana deve ganhar força com Pablo Zeballos, que estava no Cruz Azul, mas foi revelado no Sol de América e é considerado a grande contratação da temporada. E já chegou bancando de galo, dizendo que é “hincha de tribunas de años. Siempre que pude ir a las canchas a seguir a Cerro lo hice, toda mi familia es de Cerro”. Também chegaram os atacantes Roberto Ereros e Ramón “TACUARITA” Cardozo, ex-Tacuary.

General Pablo Rojas

Localizado em Assunção e também conhecido como La OLLA, o estádio do Cerro Porteño foi inaugurado em 1991 e tem capacidade para cerca de 30 mil fanáticos azulgranas. Tem aquele formato de anel LARGO, com uma banda de arquibancadas mais alta e, portanto, não permite um clima de loucura infinita para cima dos adversários. Percebam, por exemplo, a distância entre as goleiras e a arquibancada. Mas quem sou eu para criticar a casa alheia.

Nacional Querido

Para tristeza do Cerro Porteño, a melhor campanha paraguaia da Libertadores já tem dono. Amparado no furor nacionalófilo, o atual campeão nacional guarani vai fazer miséria no frágil grupo 2, composto por São Paulo, Once Caldas e Monterrey. Certamente, los tricos têm condições de fazer uma campanha mais ENCORPADA que a do ano passado, quando, graças a um complô continental, não passaram da fase de grupos, ainda que tenham sentado um sarrafo bonito no River Plate.


A escalada não pode parar

Uma das equipes mais tradicionas do Paraguai, o Nacional participa de sua quinta Libertadores. Sob o VULTO de Ever Almeida, recordista em jogos pela Copa e ENTIDADE sempre presente nos pesadelos colorados, que permanece após ter levado a equipe ao título histórico, o tricolor acredita no caminho construído através da manutenção de um grupo forte de jogadores e aposta na boa dupla de ataque formada por Victor Aquino e, especialmente, o matador Guillermo Beltrán. No gol, a novidade é Germán Caffa, surrupiado do Newell’s, que substitui ao mito Nacho Don.

O irresistível desfile tricolor na Libertadores começa hoje, no Paraguai, às 20h20, contra o Once Caldas.

Libertad

Os gumarelos são o único time que não precisa se preocupar com lobby na Conmebol, visto que tem as costas quentes por ser a agremiação do afeto de Nick Leóz. Coincidência ou não, participam de sua oitava Libertadores consecutiva. A bem da verdade, há alguns anos o Libertad pode ser considerado o melhor e mais regular time do Paraguai. Na fase preliminar, perdeu por 1 a 0 para o Táchira na Venezuela e conseguiu reverter para 3 a 1 no Defensores del Chaco, ainda que tenha saído atrás.


Contra o Táchra, os Nick Boys mostraram sua cátedra

De fato, o Libertad fez valer sua melhor condição técnica. É um time bem ajustado pelo ténico Javier Torrente, que tem nos atacantes Velásquez e Gamarra um belo escape ofensivo. No meio campo, há certo AMPARO técnico em Cristaldo, Ayala e Pitoni, este um belo jogador. Dessa forma, apenas um desastre fará com que os repolleros não passem da fase de grupos. Eles estão na chave 4, acompanhados de Blooming, Lanús e Universitario. E hoje já poderemos ter um bom parâmetro da capacidade liberteña, pois a estreia é contra o Lanús, na Argentina, às 22h40.

Defensores del Chaco

Devido à pouca capacidade de seus estádios, Nacional e Libertad vão mandar seus jogos no Defensores del Chaco. Assim, os repolleros despedem-se provisoriamente do estádio DOTÔ Nicolás Leoz, com capacidade para 10.500 pessoas, enquanto los tricos dizem até logo ao IMPONENTE Arsenio Erico, onde cabem 8.500 nacionalófilos.

Levam suas tralhas e sua gente ao Defensores, um dos maiores templos do futebol mundial, palco de seis finais de Libertadores. A cancha começou a ser construída em 1917, quando Zagallo tinha recém 46 anos, e já se chamou Estadio de la Liga e Estadio del Puerto Sajonia, referência ao bairro de Sajonia, onde está localizado.  Tinha capacidade para cerca de 50 mil pessoas, mas graças às palhaçadinhas da Fifa agora só recebe 36 mil amantes del fútbol.

O nome Defensores del Chaco chegou apenas em 1974, em homenagem aos soldados que lutaram na Guerra do Chaco, entre Paraguai e Bolívia. O conflito se estendeu de 1932 a 1935 e envolvia a disputa pelo território do Chaco BOREAL

Observemos, ainda, que apesar do tamanho considerável, poucos estádios da América são tão propícios ao derramamento de CALOR HUMANO sobre os adversários como o Defensores. Maravilhoso, em suma.

Saudações,
Douglas Ceconello

Anúncios

Entry filed under: (Louco de) Especial La Copa 2010, Libertadores.

Imitar a Liga, direito de todo equatoriano Cerro lava a alma, Nacional e Lanús choram as pitombas

23 Comentários Add your own

  • 1. igor  |  09/02/2010 às 15:34

    grande cobertura do impedimento. parabéns!

  • 2. Chico  |  09/02/2010 às 15:55

    “Terá de mastigar abelhas”

    ahuaihaiuhaiuhaiuahiauhaiuhaiushaius

  • 3. Álisson  |  09/02/2010 às 16:14

    O Defensores é a coisa mais linda dessas bandas!

    Torço desde já pelo paraguas na Copa e en La Copa.

  • 4. Diogo Beagá  |  09/02/2010 às 16:19

    Que cena! Os paragua levando cacete de gambé carioca.

    O Cerro é o retrato do fracasso, coitado. Tipo o Goiás na Série A.

  • 5. Anônimo  |  09/02/2010 às 16:51

    ma ta faltando os MEXICANO! hjkh

  • 6. rômulo arbo  |  09/02/2010 às 16:52

    o bonito de asunción é isso aí, apenas casas em volta dos estádios, elas, q dominam 99% da cidade.

    nacional é minha pátria e libertará!

  • 7. Álisson  |  09/02/2010 às 17:41

    Essa SAITE era mais colorado antes.
    Faz mais de semana que não rola um texto em vermelho e branco.
    huahsuahsuahsuahsuahsuahs
    Será que vou ter que torcer para que o Inter tome um sacode?

  • 8. rafael botafoguense  |  09/02/2010 às 17:59

    afff..cerro nojento,odeio esse timeco na moral.

  • 9. Diogo  |  09/02/2010 às 18:29

    7.

    Ta loco, e tu acha que essa cobertura toda sobre a Libertadores acontece porque? Adivinha onde isso quer chegar?

    EXIJO posts sobre todos os estados e participantes da Copa do Brasil!!!!

  • 10. rafael botafoguense  |  09/02/2010 às 18:44

    “EXIJO posts sobre todos os estados e participantes da Copa do Brasil!!!!”

    de acordo.

    De volta ao seu estádio, São Raimundo se prepara para invasão botafoguense
    – Dos times de fora, o Botafogo é o que mais tem torcida em Santarém. As cidades ao redor já estão preparando caravanas, pois a expectativa está grande – destacou o dirigente.

    PQP,ESSE TIME É UM ASSOMBRO,ALGUÉM ME EXPLICA TAMANHA GRANDEZA.

  • 11. fino  |  09/02/2010 às 18:57

    uma kombi e dois fusca

    jisfdjklasfdjklsfdajklsdajklsdjklasf

  • 12. Renato K.  |  09/02/2010 às 19:02

    “[…] vai fazer miséria no frágil grupo 2, composto por São Paulo, Once Caldas e Monterrey.”
    Ironia, teu sobrenome é Ceconello 🙂
    Rumo ao Tetra, Tricolaço!

  • 13. matheus  |  09/02/2010 às 19:07

    bah, e o cerro dando uma tunda nos loco ein

  • 14. Francisco Luz  |  09/02/2010 às 20:58

    A maldição do Impedimento veio a cavalo: Once Caldas 2 a 0 no Nacional.

  • 15. arbo  |  09/02/2010 às 21:16

    huahauha essa é boa
    http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Futebol/0,,MUL1483902-9842,00-PAULO+AUTUORI+PEDE+DEMISSAO+NO+INTERVALO+DE+JOGO+E+DEIXA+CLUBE+NO+QATAR.html

  • 16. gilson  |  09/02/2010 às 21:22

    terminou já Chico?

  • 17. Henrique  |  09/02/2010 às 21:24

    Não conheço Assunção, e pela foto do Defensores del cgaco gostaria de saber, em que local os torcedores desovam seus carros?

  • 18. Henrique  |  09/02/2010 às 21:25

    Perdão Defensores del CHACO*

  • 19. Alexandre N.  |  09/02/2010 às 21:36

    #13

    Rapaz, verdade… Que maldição é essa, velho!

  • 20. Diogo Beagá  |  09/02/2010 às 22:00

    E os argentinos não serão meia dúzia. Colón eliminado.

  • 21. Y  |  09/02/2010 às 22:49

    #10:

    GARRINCHA, TRAGO Y ALENTO.

    Tá explicado.

  • 22. Y  |  10/02/2010 às 00:15

    dá-lhe LIBERTAD… que time de merda. Esse Lanús é um merdalhão. 2 a 0 em casa. Assim não dá.

    também com esse apelido… GRANATE. times dessa cor estão fadados a sofrerem y mucho.

  • 23. FERN  |  10/02/2010 às 20:50

    Gumarelos pasarán a octavos…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Subscribe to the comments via RSS Feed


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

  • Já garantiu dois e tem um terceiro (CSA) com tudo na mão. E também o Confiança vivo, ainda que precisando de façanha. 8 hours ago
  • Nordeste pode ser a primeira região a subir mais que 2 times juntos em uma edição da C, desde que adotaram a fórmula atual (2012). 8 hours ago
  • O São Bento na B também seria notícia, é claro, mas do São Bento se espera menos do que um clube que é gigante em seu estado. 8 hours ago
  • Um eventual acesso do CSA seria um feito enorme: sem contar a bagunça da João Havelange, time não joga acima da terceira divisão desde 1992. 8 hours ago
  • Hoje subiram para a B 2018 o Sampaio e o Fortaleza. Outras vagas são definidas amanhã e segunda, mas São Bento e CSA têm ampla vantagem. 8 hours ago

Feeds

web tracker

%d blogueiros gostam disto: