Como explicar ao meu sobrinho por que eu torço pro CRB

10/12/2009 at 06:00 120 comentários

Há algum tempo esse dilema me aflige.

Meu sobrinho já completou dois anos e não tardará a entrar na fase dos porquês.

Se ele me perguntar essas coisas fáceis do tipo quem inventou o mundo ou de onde vêm os bebês, respondo na bucha, sem titubear.

Mas se no meio de um jogo da Libertadores ele me vier com “titio, porque você torce pro CRB se ele nunca aparece jogando na tevê?”, provavelmente vou gaguejar e me engasgar com o copo de cerveja .

E foi para evitar isso que bolei desde já a historinha que segue. Não tem vampiro vegetariano, bruxo órfão e nem panda lutando kung-fu. Mas foi o melhor que pude fazer sem me valer de nenhuma putaria.

Começa mais ou menos assim:

“Tardezinha. O sol ainda tomando coragem para ir embora.

E lá se ouvia o velho assobio.

Corria para a janela. Os mesmos cabelos brancos. A camisa por dentro da calça. Ombros meio curvados. As lentes amareladas dos óculos. A pasta marrom a tiracolo. Os passos decididos.

Era sempre assim.

Nunca soube de onde vinha ou para onde ia. Parava na frente da janela do seu quarto todo final de tarde. Era só isso que sabia. E bastava.

Não que aquele senhor tomasse conhecimento do menino na janela. Nunca trocaram um olhar. Não era a janela nem o menino que o faziam parar toda tardezinha.

Era o canteiro.

O canteiro na frente da casa do menino. Uma pequena faixa de terra, cercada por tijolos caiados e colada ao muro.

O menino nem gostava do canteiro. Por causa dele tinha sido proibido pela mãe de jogar gol a gol no portão da casa com os vizinhos.

“Não quero nenhuma bola destruindo as flores do meu canteiro”, dizia sua mãe.

Havia muitas flores no canteiro, de muitas cores, tamanhos e nomes. O menino, é claro, não sabia o nome de nenhuma delas.

Mas não era pelas flores que o senhor do assobio parava toda tardezinha.

O menino um dia descobriu.

Era por uma planta pequenina, que havia brotado no canto do canteiro. Uma estranha no ninho, no meio de tantas flores bonitas, trazida talvez pelo vento talvez pelo bico de algum passarinho.

O senhor das lentes amareladas parava seu caminhar decidido na frente da janela do menino, abria sua pasta marrom, retirava uma pequena garrafa plástica, agachava-se sobre o canteiro e regava a singela planta.

Dias após dia, sempre à tardezinha.

A planta cresceu, mas não muito. Não floreou. Não criou cores. Continuou um sapo no meio de príncipes.

E o senhor dos passos decididos continuou a regá-la.

Passou-se o tempo e, de tanto se repetir, o assobio não mais chamou a atenção do menino. O campinho da rua ao lado e a irmã mais velha do Oscar eram agora mais interessantes.

Certo dia, voltando de mais um racha no campinho da rua ao lado, com a cabeça na saia verde-claro que a irmã mais velha do Oscar deixava voar ao sabor do vento, o menino ouviu novamente o velho assobio. Quase não reconheceu seu dono. As roupas folgavam no seu corpo emagrecido e a cabeça reluzia a falta de cabelos. Os passos pareciam penosos, mesmo que ainda decididos.

Nada disso impediu, entretanto, que o senhor das lentes amareladas cumprisse sua rotina, retirando a garrafa plástica da bolsa a tiracolo e regando a planta pequenina. Tudo no mais completo silencio. Ao terminar a tarefa, levantou vagarosamente e retomou seu caminhar.

Aquela foi a última vez que o menino viu o senhor do assobio. Nunca soube o que de fato lhe ocorrera. Mas, desde então, toda tardezinha, o menino rega a planta pequenina”.

Thalles Gomes

Anúncios

Entry filed under: Clubes, Colunas.

Brujerias em Abu Dhabi Desconstruindo os pontos corridos

120 Comentários Add your own

  • 1. dante  |  10/12/2009 às 07:41

    thalles LÍRICO: com esses óculos de colunista social de jornal de bairro, EU JÁ SABIA.

    muito bom, pena que é do thalles etc.

  • 2. mardruck  |  10/12/2009 às 08:05

    Excelente

  • 3. Jader Anderson  |  10/12/2009 às 08:06

    Mto afude… confesso que nao compreendi 100%, mas tirei minhas próprias conclusões heehehehe.

    Parabéns talles…

  • 4. Manuel Barbeiro  |  10/12/2009 às 09:05

    Tenho um amigo flamenguista que mora em SP com seu filho de 5 anos.

    Outro dia o menino perguntou: “- Pai, por que você torce pro Flamengo se a gente mora em SP? Nenhum dos meus amiguinhos torce para o Flamengo… não consigo discutir futebol na escola! Eu quero torcer pro Corinthians ou pro São Paulo.”

    E o pai responde, com a lata de cerveja na mão:

    “- Cala a boca, muleque. Você vai ser Flamengo como eu e teu avô, senão te como de porrada.”

    A vida é assim.

  • 5. Rudi  |  10/12/2009 às 09:22

    Manuel, essa semana COM CERTEZA o muleque quis discutir futebol na escola rs

  • 6. Alexandre N.  |  10/12/2009 às 09:24

    #4

    Essa foi uma resposta bem Havaianas de Pau! hehehehehe…

  • 7. Neves  |  10/12/2009 às 09:27

    #4

    A vida é assim, swing pra você, swing pra mim. [ns]

  • 8. Yuri  |  10/12/2009 às 09:41

    “Eu quero torcer pro Corinthians ou pro São Paulo.”

    Isso já demonstra: Palmeiras = FUTURA PORTUGUESA

    Se não fosse a Parmalat, já estaria em processo de lusitanação… mas agora, com esse fôlego, sendo pessimista, dou 30 anos para o Palmeiras falir.

    SCCP e SPFC dominarão… não que eu goste disso, pois o rival é Palmeiras, cresci vendo o SPFC como coadjuvante TOTAL ante o Dérbi tradicional, mas friamente, é o que acontecerá.

  • 9. Yuri  |  10/12/2009 às 09:44

    futura portuguesa não, futuro juventus.

    até porque: PORTUGAL >>>>>>>>> ITÁLIA

    Eles não tem o nobre sangue lusitano de raiz como eu.

  • 10. IP do Yuri  |  10/12/2009 às 09:46

    me bloqueia, me bloqueia.

  • 11. Yuri  |  10/12/2009 às 09:47

    #10:

    seja lá quem for, vai sofrer.

  • 12. Cunegundes, o mulato frajola  |  10/12/2009 às 09:48

    Eu me lembro bem do dia em que decidi que ia torcer para o Bangu, na 2ª série eu tinha um amigo da escola chamado Alberto, todo mundo chamava ele de Betão, ele era repetente, tinha 17 anos e estava na 2ª série, todos os dias de manhã eu levava minha lancheira com suco de caju e cacetinho lambuzado que maínha preparava com todo o carinho, ele me via chegando e já ia me olhando torto, quando eu passava por ele ele me dava uma gravata, me levava prum jardim no fundo do quintal da escola, passava o peru na manteiga do cacetinho e me esfolava a rabeta, todo dia era assim, eu já estava começando a me acostumar, até que eu fui crescendo e vi o quanto era vergonhoso aquilo, aí eu comecei a impor limites, o Betão só podia por o cogumelinho, não era pra me cutucar tão fundo, eu fechava a olhotinha pra ele não me fubecar… aí anos depois o Betão foi preso por passar cheque frio na casa de material de construção, aí eu arrumei uma namoradinha, a Rosenilda, ela era muito macia e graciosa, foi a primeira mulher que eu tive, ela tinha um marisquinho molhado e delicioso, tinha gosto de dermacyd, perdia horas brincando ali, tinhamos noites de amor, suor e bunda, todos os finais de semana iamos pra trás da casa do tio Jacinto fornicar gostoso, ela me dava muito prazer e as vezes até me “conectava” se é que vocês me entendem… até que um dia eu achei que ela tinha me “conectado” mas quando olhei pra trás era o Betão, fazia anos que eu não o via, achei que ele estava preso, ele me disse que tinha fugido da cadeia pois toda noite ele sonhava com meu furico, tinha outros na cadeia mas ele queria mesmo era o meu, quack!, ele me fubecou de novo e com o apoio da Rosenilda, que era amante dele há 4 anos e ja tinha 2 filhos dele, que eu sustentava pagando pensão com o dinheiro que eu tirava trabalhando como empacotador do Jumbo Eletro… fiquei meio bravo, mas aceitei tudo numa boa e hoje vivemos eu Rosenilda e Betão como uma grande família, e às vezes até praticamos sexo grupal e swing, e é uma embriaguez de prazer, suor e bunda… do que que eu tava falando mesmo? Ah, do dia em que comecei a torcer pro Bangu… foi com 14 anos e eu não lembro por que. Quack!

  • 13. Rudi  |  10/12/2009 às 09:48

    caras, eu juro, eu QUASE ME CAGUEI DE RIR do número 10

  • 14. Yuri  |  10/12/2009 às 09:50

    é bloqueia O MEU IP, e deixa o do cara lúcido acima.

    tô falando, o negócio é pessoal, se eu falo merda, olha o outro, então…

    GOSTO DE DERMACYD FOI FODA… UAHUAHAH

  • 15. Yuri  |  10/12/2009 às 09:51

    #13:

    FILHADAPUTA, tu é o principal suspeito de ter feito isso, canalha.

  • 16. marlon  |  10/12/2009 às 09:58

    curti, mas faltou uma foto da irmã mais velha do Oscar.

    ***

    vem um tal de TABARÉ pro Inter. 1,64m. conhecendo essa direção, vão vender Giuliano e Sandro e trazer, sei lá, o Sandro Goiano com 90 anos nas costas. tô CHULEANDO que o Sobis fique, mas acho brabo.

  • 17. Rudi  |  10/12/2009 às 10:02

    bah véio, te liga, eu ri de uma bobagem que falaram. não tô ofendendo ninguém aqui e nada disso
    meu IP tá a disposição da galera, provavelmente devo ser o único a acessar da cidade que acesso e é fácil mostrar que não tenho nada a ver com aquilo
    VAI TE CRIAR GURI
    tá no colegio pra ficar trocando de computador toda hora pra passar pelo bloqueio?
    vou te dar um conselho… VAI PRA VIDA
    agora, se tu quer uma resposta ao teu nivel de guri orkutiano, tá bom
    NÃO METE MINHA MÃE NO MEIO QUE EU METO NO MEIO DA TUA MÃE
    e sim, te desafio a tentar fazer qualquer coisa pra me ferrar que tu amanhece abraçado no capeta

  • 18. marlon  |  10/12/2009 às 10:03

    e o Cunegundes deve ser o Lol, não se decide se é nordestino (“mainha e painho”), paulista (“Jumbo Eletro”) ou gaúcho (“cacetinho”).

    ostias, qué PERSONAJE.

  • 19. Catarina Cristo  |  10/12/2009 às 10:03

    thalles, mostrando que embaixo daqueles escudos de camisas piratas bate o coração de um homem FAMÍLIA.

    🙂

  • 20. Catarina Cristo  |  10/12/2009 às 10:04

    deus, como eu ODEIO esses emoticons.

  • 21. marlon  |  10/12/2009 às 10:04

    e Tabaré pra mim é marca de DOCE DE LEITE [ns]

  • 22. Yuri  |  10/12/2009 às 10:07

    #17:

    O que vc chama de inferno eu chamo de lar. Abraço o capeta faz tempo.

    Tô no colégio, sou guri.

    Como diria Rogério Ceni: “escreva o que quiser”.

  • 23. Jader Anderson  |  10/12/2009 às 10:07

    #18

    Gaitei

    haeheheheaheahaeheaheahae

    Por falar nisso o Lol não comentou o título do flamengo (conteste, lol)

    haehaehaehehaehae

  • 24. dante  |  10/12/2009 às 10:07

    cunegundes é rei.

    AUDÁCIA do yuri querer se comparar a ele.

  • 25. Yuri  |  10/12/2009 às 10:09

    não me comparei a ninguém

    estilos diferentes, nada a ver.

  • 26. Cunegundes, o mulato frajola  |  10/12/2009 às 10:11

    marlon, minha vida foi sofrida, morei até em Corumbá, em Puerto Stroessner, em Pedro Juan Caballero, em Mossoró e em Duque de Caxias, painho fez muito trambique pra pagar nosso Neston, hoje moro em Belford Roxo, onde vivo minha vida de rei como auxiliar de escritório…quack!

  • 27. Yuri  |  10/12/2009 às 10:12

    quando o cara sabe escrever ao contrário de vc dante eu valorizo independentemente de quem seja.

  • 28. Rudi  |  10/12/2009 às 10:12

    marlon, daonde tu viu essa do Tabaré?

  • 29. Gabriel R.  |  10/12/2009 às 10:18

    “o Betão só podia por o cogumelinho, não era pra me cutucar tão fundo, eu fechava a olhotinha pra ele não me fubecar”

    ME CAGUEI DE TANTO RIR!!!

  • 30. Lol  |  10/12/2009 às 10:21

    Falando em mim, quero aproveitar a opoertunidade para me despedir de todos.

    Com o fim do campeonato brasileiro, não tem mais razão para a minha permanência.

    Agradeço a paciência de todos e me desintegro.

    Volto apenas se o Inter amarelar na libertadores.

    E parabéns para mim, um dos vencedores do bolão ESPN geral.

    fui

  • 31. Lol  |  10/12/2009 às 10:26

    E quanto ao flamengo. Mereceu. Outra sorte dessas, só daqui 17 anos.

  • 32. Franciel  |  10/12/2009 às 10:28

    Rapaz, não tive o talento para contar história assim para meu filho e aquele filho da puta se tornou torcedor do Cruzeiro por causa de minha ex-mulher.
    Mas, minha vida querida que não é nenhum mar de rosas, também me traz alegrias.
    No sábado encontrei minha cunhada e meu afilhado, que não via há séculos. Sim, fuja de minha família como cascão do pólo aquático. Aí, do nada, ela largou. “Tua doença pegou nele. Fica a noite toda ouvindo resenha no rádio e quando o Vitória perde se tranca no quarto e fica enfunado até o mundo acabar”.

    Fiquei mais feliz que o velhinho do canteiro.

  • 33. Yuri  |  10/12/2009 às 10:29

    vencedor geral… até parece…

    não suma lol assim o ódio recalcado do intercaldas e seus torcedores recairá somente em mim caralho

    continuarei contra tudo e contra todos

  • 34. marlon  |  10/12/2009 às 10:43

    “não tive o talento para contar história assim para meu filho e aquele filho da puta se tornou torcedor do Cruzeiro por causa de minha ex-mulher

    fgkjsdhfslhlfkshldl, Franciel chamou na sinceridade nelson rodrigueana.

  • 35. marlon  |  10/12/2009 às 10:46

    mierda, fudeu o ENCHUFE do meu notebook pro carregador da bateria. ficarei fora do ar por uns tempos. arrivederci,

  • 36. Prestes  |  10/12/2009 às 10:51

    Tomara que dê certo, Thalles. O cara torcer pro CRB é mostra irrefutável de CARÁTER.

    Morar em Alagoas e torcer pro Flamengo é tipo gostar da NBA (ns), entreguismo puro.

  • 37. Rudi  |  10/12/2009 às 10:55

    chama a atenção que Maxi Lopez é o terceiro jogador que mais fez faltas nesse campeonato…

    http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Futebol/Brasileirao/Serie_A/0,,MUL1409287-9827,00.html

  • 38. Yuri  |  10/12/2009 às 11:01

    acabei de ver uma mulher com uma camisa do ramalhão dentro DO MERCADO.

    ISSO SIM É DIGNIDADE.

    É TIME GRANDE PORRA, NÃO MODINHA IGUAL O SPFW. VIVA O SANTO ANDRÉ, TIME GRANDE.

    no domingo, vi um cara com a camisa do Paulista, sendo que eles acabaram de perder a final da Copa Paulista.

    DIGNIDADE.

  • 40. Logan  |  10/12/2009 às 11:48

    E um ouvinte falando na rádio ontem que o colega tava no rio, era torcedor do Vitória, foi na torcida do flamengo falou “e aí, somos todos rubro-negros aqui”, os flamenguistas: “rubro-negro não, somos Flamengo aqui”. Claro que essa é uma versão bem resumida.
    Pois foi bem feito, os caras aqui ficam nessa de torcer pra time de fora e levam na cara de vez em quando, é uma vergonha nordestino torcendo pra times do eixo rio-sp, são tão discriminados por lá e ainda torcem por esses times, ridículo, mas, dizem que gosto é que nem cú, cada um tem o seu.

  • 41. Helton Malta  |  10/12/2009 às 11:54

    Colorados,

    Oportunidade imperdível: Ingressos para o show do centenário pelo preço de custo.

    Gramado (setor A): R$ 80
    arquibancadas : nR$ 60

    tratar por email: hmalta965@hotmail.com

  • 42. Cesar  |  10/12/2009 às 12:11

    Logan, vc tem um pouco de síndrome de vira-latas, né? Percebi isso.

    Sempre com esse papo de preconceito, nordestinos isso, aquilo….

  • 43. Logan  |  10/12/2009 às 12:21

    Carlos, segundo Nelson Rodrigues, todo brasileiro tem, logo você também tem.
    E se você fosse nordestino e sentisse na pele o preconceito que gente como vcê mesmo, tem com relação a nós e visse outros nordestinos torcendo pra times de fora você entenderia.
    Mas, repito, gosto cada um tem um seu, e respeito a opção de cada um.

  • 44. Logan  |  10/12/2009 às 12:22

    LOL
    Carlos não, Cesar.

    e *você

  • 45. rafael botafoguense  |  10/12/2009 às 12:28

    sou juiz forano,sou botafoguense!

  • 46. Cesar  |  10/12/2009 às 12:32

    Eu não tenho nenhum preconceito com nordestinos.

    Você que não para com esse papo de oprimido.

    Tirando o RS, acho que em todos os outros Estados existe uma grande parcela de torcedores de SP e RJ. Acho isso muito normal.

    Antigamente não existia TV a cabo nem internet e só passava esse tipo de jogo na TV.

    Aliás, você vai para o interior de SC, PR, MS, MT e o que mais encontra é gremista e colorado.

    O fato de não morarem no RS, os torna menos apaixonados ou trocedores?

    FODA-SE. Isso não é preconceito, nem opressão, como diz aquela brincadeira…isso é coisa que andam colocando na sua cabeça.

  • 47. rafael botafoguense  |  10/12/2009 às 12:33

    e a perseguição ao yuri tá escrota já,mlk comentou normalmente porra.

  • 48. Rudi  |  10/12/2009 às 12:35

    bah rafael, na boa, olha do que o cara ficou me chamando ali em cima e vê se isso é normal… baixou nível total…

  • 49. Yuri  |  10/12/2009 às 12:38

    “Aliás, você vai para o interior de SC, PR, MS, MT e o que mais encontra é gremista e colorado.”

    LOOOOOOOL

    2% NO PARANÁ, REALMENTE, É O QUE MAIS ENCONTRA… LOL

  • 50. Yuri  |  10/12/2009 às 12:38

    valeu rafael, tu é camarada. te dou respaldo sempre também.

    RESPECT

  • 51. Yuri  |  10/12/2009 às 12:40

    SÓ O CORINTHIANS tem 10 vezes mais torcida no Paraná que os times da dupla.

    se não chega a 10, no mínimo umas 6 vezes mais é. e isso no interior.

  • 52. Rudi  |  10/12/2009 às 12:44

    tão falando no TWT que o FILHO DO TRABALHO testou positivo pra cocaína no jogo contra o palmeiras, alguém?

  • 53. rafael botafoguense  |  10/12/2009 às 12:44

    façam as pazes,e sejam felizes! ahahah

  • 54. rafael botafoguense  |  10/12/2009 às 12:46

    #52 confirmado,vi isso ontem.

    o sofrimento não para ahahah,mas acho que não da nada pro clube.

  • 55. Junior  |  10/12/2009 às 12:48

    Thalles, na minha opinião, esse é o teu melhor texto já publicado no Impedimento.

  • 56. rafael botafoguense  |  10/12/2009 às 12:49

    http://www.fogaonet.com/noticia.asp?n=6535&t=no+anti-doping+jogador+confessa+ter+usado+cocaina

    ”O Botafogo não corre perigo de perder pontos ou ser multado, já que o clube só é punido se ficar comprovado que participou na dopagem do jogador – o que não ocorreu no caso.”

    cruzeiro que se vire.

  • 57. Yuri  |  10/12/2009 às 12:51

    o jobson ainda é palmeirense… pelo menos foi o que saiu na mídia neoliberal esses dias

  • 58. Felipe (o catarina)  |  10/12/2009 às 12:52

    “Tomara que dê certo, Thalles. O cara torcer pro CRB é mostra irrefutável de CARÁTER.

    Morar em Alagoas e torcer pro Flamengo é tipo gostar da NBA (ns), entreguismo puro.”

    assino embaixo. E onde se lê Alagoas, coloquem “Alagoas, Santa Catarina, etc.”.

  • 59. Jader Anderson  |  10/12/2009 às 12:52

    #39

    Antecipei que isso ia acontecer… acho que a coloradagi nem viu hehehehehe

  • 60. Felipe (o catarina)  |  10/12/2009 às 12:54

    “FILHO DO TRABALHO”

    ahahyahahajaa. E eu ainda ia perguntar que era o cara. Demorou a cair a ficha.

  • 61. Rudi  |  10/12/2009 às 12:57

    Felipe, o crédito não é meu, essa expressão foi utilizada num post após a vitória do Borafogo contra o SPFW, acho que pelo Douglas

  • 62. thalles  |  10/12/2009 às 12:59

    esse negócio de só torcer pro time do seu estado é errado.

    eu escolhi o CRB não por uma questão geográfica, mas sim pela mais pura e simples lógica: É o maior e melhor time do Brasil, e por que não do mundo, com sede na praia de pajuçara.

    e se algum gaúcho quiser aderir ao regatianismo, NADA CONTRA. Mas tragam as primas.

  • 63. Rudi  |  10/12/2009 às 12:59

    “Mas tragam as primas.”

    intimou o beretta

  • 64. marlon  |  10/12/2009 às 13:05

    #28,

    Rudi, vi no globoesporte.com, e depois no programa da Band aquele [momento do esporte? não lembro mais, fazia 2 anos que não assistia]. o meneghetti comentou que o guri foi pra europa [dynamo?], não deu certo, e agora tava num time do uruguai. deve ser outro d’ale.

  • 65. Rudi  |  10/12/2009 às 13:07

    marlon, a diferença é ele ter 19, 20 anos… ou seja, AINDA DÁ TEMPO de estabilizar a criatura
    e se foi pruma rússia ou ucrânia da vida, é mais complicado adaptação, normal mt jogador bom não conseguir ir bem por lá

  • 66. marlon  |  10/12/2009 às 13:20

    sim, foi o que quis dizer – é outro d’ale porque deve ter qualidade e pode estourar aqui.

  • 67. Cesar  |  10/12/2009 às 13:21

    “Morar em Alagoas e torcer pro Flamengo é tipo gostar da NBA (ns), entreguismo puro.”

    assino embaixo. E onde se lê Alagoas, coloquem “Alagoas, Santa Catarina”

    E o que dizer de quem mora no Brasil e torce pro Uruguai, Paraguai….

    Não é so questão geográfica que conta na hora de se escolher um time para torcer.

    O cara torce pro time que quiser e pronto.

  • 68. Franciel  |  10/12/2009 às 13:30

    Pois eu torço para que cada vez menos gente torça para o Vitória.

    Multidão dá um azar da disgrama.

  • 69. Diogo  |  10/12/2009 às 13:34

    Muito bom.

    Começa com um título totalmente SHOPTIME e nos brinda com um ESPECIAL DE NATAL.

  • 70. gilson  |  10/12/2009 às 13:37

    To com o César nessa, torcer pra time de futebol envolve uma série de coisas, como aliás está retratado em mais um pusta texto do Thalles. Ou é isso ou revogue-se o art. 5 (?) da Constituição.
    Não fosse isso, temos que Minas Geais é um caso sintomático, um Brasil em miniatura, com regiões paulista, carioca, baiana e o diabo, temos até Goiás, que é uma espécie de Uruguai de Minas (ns). Certa feita teve até um pessoal aqui no sul que propalava a separação do resto do estado. Pedir pra nego de outra federação temperar um feijão ou abrir uma porta pode se transformar em incidente diplomático entre regiões do estado. Ou seja, nada mais natural que se rebelar contra os times do EIXO DO MAL – Galo e Cruzeiro; até porque a atuação deles junto à nossa federação sempre se dá no sentido de desfavorecer os pequenos, vide o caso do Pousão, Flamengo de Varginha, Atlético de Três Corações e outros inúmeros exemplos de times do interior que desapareceram.

    Nem falo do Fluminense, é claro, já que é um time UNIVERSAL e não seria estranho ter uma organizada do Flu lá no Japão. aksjdfklajsdfkljaskldfa

  • 71. Prestes  |  10/12/2009 às 13:44

    Bah, agora que o Marlon comenta no mesmo fuso-horário que nós ele faz comentários NORMAIS, uhfduhsfdhsfduhsdsfdhu

    Achei que o Marlon era sempre bêbado em chamas, uhasduhasduhasduhasuhasuasduhuh

  • 72. Alexandre N.  |  10/12/2009 às 14:24

    #64 e 65

    O gurí jogou no Milan! Ele só foi dispensado por que o Milan precisava de uma vaga de jogador extra-comunitário pra incluírem o Thiago Silva (a.k.a. O MONSTRO).

  • 73. Felipe (o catarina)  |  10/12/2009 às 14:31

    tudo bem, cada um torce pra quem quiser. Só não me venha uma criatura de BLUMENAU querer tirar sarro porque o Flamengo/Vasco/Fluminense/Botafogo ganhou de um time catarinense pelo qual o cara torce (Avaí, Figueira, Criciúma, etc.). Primeira resposta que eu dou é: “no buraco onde tu nasceu não tem time pra torcer?”. Falo mesmo, até pra quem acabei de conhecer. Qualquer dia ainda apanho.

    time é que nem nariz, cada um tem o seu, mas que acho muito mais digno torcer por time da terra do que por outro que tu só vê na TV, isso eu acho e ninguém me convence do contrário. Duvido que qualquer flamenguista do Amapá tenha ficado mais feliz com o mundial de 1981 do que eu fiquei com o acesso do Avaí à Série A.

  • 74. Alexandre N.  |  10/12/2009 às 14:42

    #73

    Neste ponto eu concordo com você. Se o cara nasce e mora em, sei lá, em Brasília e quer torcer para um Corínthians da vida, não é proibido. Mas o puto deverá manter-se eternamente calado ao querer comemorar títulos tripudiando dos torcedores dos times regionais.

    Já não basta ter de ouvir as provocações da torcida do contra (Libertadores, 2008 – Sulamericana, 2009) onde a despeitada torcida do clube da assosciação dos donos de padarias resolveram gozar com pau equatoriano…

  • 75. Prestes  |  10/12/2009 às 14:43

    Mais uma vez estou com o Catarina. Cada um torce pra quem quiser, quem sou eu pra querer o contrário??

    Mas eu tenho meu direito de achar que torcer pro CRB é prova irrefutável de CARÁTER.

    Complementando o que ele disse, duvido que tenha havido festa futebolística maior em Santarém do que o título do São Raimundo, na série D.

  • 76. gilson  |  10/12/2009 às 14:44

    Felipe, uma vez trabalhei numa área indígena no Oiapoque, tinha nego que remava numa canoa uma manhã inteira pra ir numa casa onde tivesse televisão pra ver o Flamengo jogar. Se isso não é torcer não sei o que é. Se vc mudar pra Bahia pra trabalhar vai impedir seu filho de torcer pro Avaí?
    Esse papo de torcedor bom é o que vai no campo não me convence, é por conta dessa hierarquização que as organizadas estão com o tanto de poder que têm, quando na verdade, a força de um time como o Flamengo, por exemplo, está na massa. Mesmo que ela esteja em Rondônia. O jeito de diminuir a torcida dos caras é não deixar eles ganharem.

  • 77. Cesar  |  10/12/2009 às 14:45

    Ah Catarina, não me venha com churumelas.

    Agora você quer definir quem torce mais e quem torce menos?

    Isso não existe. Amor à um time não é medido dessa forma.

  • 78. gilson  |  10/12/2009 às 14:47

    E um dirigente que tiver essa mentalidade, que um torcedor é bem vindo aqui é mau visto acolá, estará cavando um futuro com menos grana pro seu clube; numa projeção temporal todo mundo sabe o que isso significa.

  • 79. Yuri  |  10/12/2009 às 14:55

    Pois é.
    Um torcedor do corinthians no mato grosso é importante pois na hora dos patrocínios, ppv, timemania, cota de tv etc… eles olham essas estatísticas e isso faz a diferença.

  • 80. rafael botafoguense  |  10/12/2009 às 14:56

    o primeiro que eu vi usar essa expressão ‘filho do trabalho’foi o zobaran lá no yougol.

    juiz de fora é meio isso que o gilson falou,aqui tem de tudo até colorado eu vi outro dia,times paulistas também,principalmemente corinthians e são paulo,mas quem comanda é flamengo e botafogo seguido de vasco e flu.

  • 81. thalles  |  10/12/2009 às 14:57

    #75

    “Mas eu tenho meu direito de achar que torcer pro CRB é prova irrefutável de CARÁTER”.

    Prestes, obviamente, me cantando.

    Na boa, Devendra, não rola. Sou alagoano.

    [dizer que sou ‘alagoano e heterossexual’ é um plenasmo igual a, sei lá, ‘sair pra fora’]

  • 82. Prestes  |  10/12/2009 às 14:59

    Gilson, tem gente que, por influência da televisão, dá COCA-COLA pros filhos subnutridos em vez de dar LEITE.

  • 83. Prestes  |  10/12/2009 às 15:00

    Sai pra lá, CINEASTA.

    uhasduhasdusduhsuhduh

  • 84. rafael botafoguense  |  10/12/2009 às 15:00

    o catarina não entende que time grande tem torcida espalhada pelo brasil inteiro,isso que diferencia o time nacional do time regional.

  • 85. Alexandre N.  |  10/12/2009 às 15:01

    #75

    Acho que a discussão do outro post (sobre as gostosas vestidas com aquele pano de chão rubro-negro) estava bem melhor do que essa. Será que ressucitá-lo iria funcionar?

  • 86. dante  |  10/12/2009 às 15:02

    thalles precisa toda hora REAFIRMAR sua heterossexualidade, nem que seja AMEAÇANDO os amiguinhos de que QUIÇÁ teve um INTERCURSO CARNAL com as mães alheias.

    sei não, mas isso me parece INSEGURANÇA com a própria virilidade.

    [calma, thalles, é brincadeirinha, não precisa MASTIGAR OS ÓCULOS de raiva]

    uhuhuhuhuhuhuhuhuh

  • 87. Yuri  |  10/12/2009 às 15:02

    por isso os times cariocas e paulistas sempre serão maiores, pela nacionalidade dos mesmos e tradição centenária.

    embora os maiores clubes para mim sejam botafogo, vasco, flamengo, corinthians e fluminense. (palmeiras e santos não são tão nacionais e o spfc só está nacional agora)

    o unico paulista realmente nacional é o corinthians, de resto, cariocas comandam

  • 88. Alexandre N.  |  10/12/2009 às 15:05

    #84

    Rafael, esse seu comentário não foi algo direcionado de alguma forma ao seu time, ou foi? hehehehehehe…

    Bom, piadas a parte, só acho que a pessoa pode torcer pra quem quiser. Porém, acho escroto demais o cara que, por exemplo, mora no Amazonas e torce pro Vasco, por exemplo, e vem querer tirar uma com um torcedor do São Raimundo um título qualquer que o Vasco tenha ganhado.

  • 89. rafael botafoguense  |  10/12/2009 às 15:12

    também hahah,só uma constatação de que time grande tem torcida pelo brasil inteiro,no caso do botafogo tem muitos torcedores na zona da mata mineira,brasilia,espírito santo,joão pessoa…um time pequeno não consegue ter tamanho alcance.

  • 90. Yuri  |  10/12/2009 às 15:15

    primeiro escalão: flamengo, corinthians, botafogo, fluminense, vasco

    segundo escalão: spfc, palmeiras

    terceiro escalão: santos, portuguesa.

    quarto escalão: inter gremio cruzeiro (esses mais recentes) bahia guarani américa bangu ponte

    quase isso

  • 91. gilson  |  10/12/2009 às 15:15

    Prestes, isso da Coca-cola é grave, mas o lance dos times não tem nada a ver com isso. Não sou contra cada um torcer pra times de sua cidade, acho massa o Thalles torcer pro CRB, prova disso é que venho todo dia nesse sítio porque acho que aqui se fala de futebol do jeito que eu acho bacana. Só estou criticando essa conversa de que nego tem que saber onde está pra saber pra quem deve torcer. No fim do ano passado houve um post aqui falando da torcida do Xavante lá no Maranhão, eu achei do caralho. Tenho um amigão aqui que é colorado desde criança, nenhum familiar dele havia sequer PISADO no RS até tempos atrás, no dia do mundial ele estava em casa e mangou pra caralho duns gringos que estavam na casa dele e tavam torcendo pro Barcelona. O mundo anda pra frente nesse sentido, tolerância e diálogo, respeito a diferença seja ela qual for, tirante a violência DENTRO de campo, é claro.
    Mussolini foi um que apoiou políticas dentro do futebol pra estimular a torcida pra times mais locais, e pra reforçar o sentimento nacional italiano em cada uma das regiões. Em outras palavras, essa postura não é tão inofensiva quanto parece.

  • 92. Franciel  |  10/12/2009 às 15:17

    Dante,
    esta história sobre a (estranha) sexualidade do homem (?) de óculos muderno, acabou me lembrando do seguinte fato.

    Tem um cara que foi candidato a vereador representando o bairro de Itapuã e que era acusado de ser amigo do alheio.

    Então, os desafetos dele, no dia anterior á eleição pixaram o bairro todo: WALDEMAR OLIVEIRA NÃO É LADRÃO.

    O povo passava, olhava e dizia. “Hum, quem fica negando assim é porque tem coisa”.

    Por isso, lanço logo a campanha: “Thalles não é xibungo”.

  • 93. dante  |  10/12/2009 às 15:34

    “terceiro escalão: santos, portuguesa.

    quarto escalão: inter gremio cruzeiro

    bá, cara, para de ler o impedimento, por favor.

    tu acaba de PROVAR que não sabe NADA sobre futebol.

    está constrangendo os nobres leitores.

  • 94. Alexandre N.  |  10/12/2009 às 15:34

    Xibungo?

    BWAHAHAHAHAHAAHAHAHAHAHA!

    Olha, fazia muito, mas muito tempo que não ouvia (ou mesmo lia) isso…

    Morrí!!!! hehehehehe

  • 95. dante  |  10/12/2009 às 15:34

    e, claro, “Thalles não é xibungo”. [2]

    uhuhuhu

  • 96. Yuri  |  10/12/2009 às 15:36

    com caridade, inter, grêmio e cruzeiro entram no clube dos 12 com a portuguesa. guarani na cola.

    dante, nem parece que vc é velho.

    quando vc nasceu, ninguém nem sabia o que era gremio e inter, a lusa era conhecida nacionalmente, nem o santos tinha fama

    anos 50 rules

  • 97. Alexandre N.  |  10/12/2009 às 15:36

    #93

    Realmente tem hora que o Yuri exagera demais mesmo…

  • 98. Yuri  |  10/12/2009 às 15:38

    portuguesa = quarto grande de são paulo

    lusa é maior que o santos, tenho dito e posso provar. lusa é o quarto grande, peixe é o quinto.

  • 99. Rudi  |  10/12/2009 às 15:38

    um time com 3 campeonatos paulistas DIVIDIDOS (sim, os 3) estar acima de 3 times campeões da américa, 2 dos quais campeões do mundo?

    bah, me derruba os butiá do bolso essa

  • 100. Diogo  |  10/12/2009 às 15:39

    “Mussolini foi um que apoiou políticas dentro do futebol pra estimular a torcida pra times mais locais, e pra reforçar o sentimento nacional italiano em cada uma das regiões. Em outras palavras, essa postura não é tão inofensiva quanto parece.”

    Não vejo nada demais nisso.

    SOU BRASILEIRO E NÃO DESISTO NUNCA é campanha nazista então?

  • 101. Rudi  |  10/12/2009 às 15:40

    Diogo, não é nazista, mas disso pra algo que diga que o brasileiro é superior a outros povos, é um pulo

  • 102. Yuri  |  10/12/2009 às 15:41

    #99:

    que criterio imbecil.

    títulos não dizem nada, vide o botafogo ser maior que o spfc mesmo com um brasileiro apenas.

    explica então como o botafogo é maior quee os clubes do sul com um brasileirão??? tradição conta e muito

  • 103. dante  |  10/12/2009 às 15:44

    obrigado pelo “dante, nem parece que vc é velho.”

    é o FORMOL que me deixa assim, CONSERVADO.

    uahuhduhddsaf

  • 104. Prestes  |  10/12/2009 às 15:45

    Gilson, eu acho que quem torce para um time de sua cidade, em locais onde se é bombardeado por informação vinda de fora merece ser exaltado. Apenas isso.

    Não acho que torcer pro Inter, em Porto Alegre, seja grande mérito. Mas torcer pro Avaí, pro CRB, pro Brasil de Pelotas, entre outros, acho que merece muito ser exaltado.

    E esse papo de caráter é so pra RETÓRICA, não to achando que ninguém é mau-caráter pq não torce pro time de sua cidade, ou estado. Além disso, eu curto afu COCA-COLA. (ns)

    E sei que esse lance de torcer pra times do Rio, principalmente, é muito mais antigo. É da época do rádio. Não vou eu querer desprezar isso a sério.

    Mas vou tirar sarro. Imagina só se a molecada começar a torcer pro Real Madrid? Tu pode até ficar falando em Mussolini. Eu vou é tirar sarro.

  • 105. gilson  |  10/12/2009 às 15:49

    104, Prestes wins!!!

  • 106. marlon  |  10/12/2009 às 15:51

    bá, Prestes, só não estou PERMANENTEMENTE bebum e em chamas por causa do JET-LAG e de uma gripe de los cojones. hvbskjvhbskj

    o nome do guri é Tabaré URUGUAY, apodo “El Chaio” [dupla de vanerão com El Cholo djá!]. alaputcha, esse vai comer a bola. e sim, jogou no Milan, fez até gol contra o Napoli.

    http://en.wikipedia.org/wiki/Tabar%C3%A9_Viudez

  • 107. Diogo  |  10/12/2009 às 15:53

    101.

    Acontece que a Itália reunificada até hoje enfrenta problemas de identidade, a Liga Norte não deixa mentir.

    Mussolini nesse aspecto não difere em nada de todos os governantes do mundo.

  • 108. marlon  |  10/12/2009 às 16:00

    digam o que quiserem do velho MUSSA, aquele FANTOCCINO [abbraccio, vecchio Giobatta!], mas foi ele quem unificou a BOTA – APESAR de estimular a torcida por times locais [o que eu sinceramente desconhecia]. i.e, não faz muito sentido esse argumento. se pegarmos o exemplo do bovinão, quanto mais gremista ou colorado é o cidadão, mais MIMIMI, BIRIRI e XORORÔ vai aparecer em seu comportamento CONTRA o resto do país e seus respectivos times.

  • 109. rafael botafoguense  |  10/12/2009 às 16:05

    ah mas gente que torce pra time europeu é deficiente na moral.

  • 110. marlon  |  10/12/2009 às 16:09

    bá, eu torço pro Barça, mas naquelas [porra, um time que já foi INIMIGO mortal…]. mas eu moro lá. se morar na Itália, provavelmente vou torcer por um time local [a não ser pelos putos de Verona, fascistas del cazzo].

  • 111. Rudi  |  10/12/2009 às 16:13

    marlon, eu torcerei pro inter em todos os lugares do mundo em que for, no máximo conseguirei achar “legal” um time em cada lugar que eu morar, como aqui em brasília vejo com bons olhos os times que tentam contra brasiliense e gama (AGUANTE LUZIÂNIA)…
    na espanha provavelmente esse time seria o Athletic Bilbao, na itália o Livorno, na inglaterra o Blackburn e na alemanha o Hansa Rostock
    assim como é o Tigre na argentina

  • 112. marlon  |  10/12/2009 às 16:13

    calm down, butt-munch [HEAD, Butt, 2000].

  • 113. Prestes  |  10/12/2009 às 16:14

    Venci nada, Gilson, tive q abrir mão do MAU-CARATISMO de vcs, uhasduhasduhasduhasduhasduhasduhasduh

  • 114. Yuri  |  10/12/2009 às 16:15

    JÁ DIZIA O BRUNO ALEIXO, ILUSTRE PORTUGUÊS:

    “gosto de todos os clubes do Brasil, menos do Palmeiras, porque é dos italianos”

    et basta

  • 115. Diogo  |  10/12/2009 às 16:22

    et bosta.

  • 116. marlon  |  10/12/2009 às 16:23

    parece que o Inter vai tentar o Tinga de novo. me serve muito.

    aliás, olha a roupa do negão. demite o estagiário de personal stylist dele [menezes, in 17, comentário], fhbjkhfdkjlfs

    http://www.clicrbs.com.br/esportes/rs/noticias/futebol-inter,2744395,Tinga-diz-que-pretende-cumprir-contrato-mas-lembra-Futebol-e-dinamico-.html

  • 117. Diogo  |  10/12/2009 às 16:26

    117.

    Kçlkjçlkds.

    Eu curti a roupa, SÉRIO, só não usaria porque não sou negão.

  • 118. marlon  |  10/12/2009 às 16:31

    tá, mas muita gente usa isso – basta ter um senso estético PERVERTIDO. ou, sei lá, tomar ACIDO. [o “negão” ali acima foi carinhoso – ui -, antes que me acusem de racismo].

  • 119. gilson  |  10/12/2009 às 18:35

    114# tranquilo, tranquilo.

    E o Thalles claramente perdendo algo em não gostar de HOMOSSEXUAIS: http://www.youtube.com/watch?v=-R9Ys3DBRIU&feature=related

  • 120. Logan  |  13/12/2009 às 10:18

    73#
    César e outros que não entendem o porque eu discordo de torcer pra times de outras regiões tá aí a resposta, aliás gostei da frase, vou usar.
    E pra mim é uma babaquice mesmo ficar torcendo pra times de fora, mas gosto cada um tem o seu e respeito o dos outros.

    Coment 46#
    “Eu não tenho nenhum preconceito com nordestinos.

    Você que não para com esse papo de oprimido.”

    Eu não disse que você tinha. E papo de oprimido de cú é rola, meu filho, apenas expliquei o porque da minha revolta contra esse tipo de torcedor, pouco me importa o que você pensa a respeito disso.
    Alias, FODA-SE você.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Subscribe to the comments via RSS Feed


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

Feeds

web tracker

%d blogueiros gostam disto: