A noite que não acabou

28/10/2009 at 12:10 58 comentários

A curva tem uma mureta metálica de proteção em sua margem externa. De dia, o guard rail mais parece o parapeito da janela onde se debruça uma coxilha logo à frente.

À direita da ondulação do relevo, há uma área cultivada com acácias para florestamento destinado à indústria de celulose. Recobre o morro a característica vegetação rasteira do pampa, com herbáceas variadas. Pouco à esquerda, mais abaixo, sobrevive uma pequena plantação de milho.

Da coxilha vultosa ao cúbito da curva faz-se um vale. Em qualquer dos pontos mais altos – na margem da estrada, ou no topo do morro – percebe-se a profundidade que tem em sua base fileiras quase simétricas formadas por um arbusto nativo chamado popularmente de vassoura.

O sol valoriza todas as cores do Paraíso. E torna até agradável o acesso da rodovia estadual em curva à direita inclinada até a federal. São nuances de todos os verdes misturados ao dourado da palha do milho e às singelas gotas de vermelho e amarelo das flores do campo adornando os arbustos.

Mas à noite a paleta de pintura confunde todas as tintas, que pela ausência de cores oferecem o preto como resultado. A coxilha desabitada une-se ao céu, que se compacta ao vale, e abraça a mata nativa, a plantação e as árvores exóticas. O inspirado quadro transforma-se em um paredão uniforme tão negro quanto a própria escuridão.

***

O trecho acima faz parte do terceiro capítulo do livro A Noite que não acabou, do repórter-fotográfico Nauro Júnior e do jornalista Eduardo Cecconi, que mostra os bastidores do acidente com a delegação do Brasil de Pelotas, ocorrida em 15 de janeiro deste ano. O acidente, que aconteceu na BR-392, perto de Canguçu, acabou vitimando de forma fatal o atacante Cláudio Milar, o zagueiro Régis e o treinador de goleiros Giovani Guimarães. Ao longo do ano, os autores ouviram mais de 50 pessoas, cruzando as informações. Também refizeram várias vezes o trajeto.

Conforme Cecconi, o capítulo 3, Curva, ” é uma descrição da região, do local do acidente, e tem ainda dados da perícia sobre velocidade, marcas de frenagem… essas coisas”. O livro tem oito capítulos – seis escritos por Cecconi e dois escritos por Nauro. São 300 páginas, 16 delas de fotos do Nauro sobre a carreira das vítimas, o acidente, os velórios.

convite_lançamento

A obra sai pela editora Mundial, o prefácio é do escrito e professor Aldyr Schlee e o lançamento, como o belo convite acima aponta, acontece em 31 de outubro, às 18h, na 37ª Feira do Livro de Pelotas (Praça Coronel Pedro Osório). No dia 4 de novembro é a vez de Porto Alegre, na Praça da Alfândega, durante a Feira do Livro da Capital.

Desnecessário dizer que indicamos fortemente a leitura.

Saudações,
Douglas Ceconello.

Anúncios

Entry filed under: Literatura.

O melhor meio-campo – Corinthians, 98/99 Um detalhe de seis pontos

58 Comentários Add your own

  • 1. Xavante  |  28/10/2009 às 13:14

    Estaremos lá mui certamente.

  • 2. Júlio Brauner  |  28/10/2009 às 13:34

    Momento terrível na vida de nosso clube, mas, ao que parece serviu para fortalece-lo e mostrar quão forte é a nossa gente.

  • 3. dante  |  28/10/2009 às 14:02

    “1. Xavante | 28/10/2009 at 13:14
    Estaremos lá mui certamente.”

    não irei?

  • 4. JB  |  28/10/2009 às 14:24

    Feliz Cumple, Suellen.
    E, putaquepariu, troca a foto do Ouvido da História alí, que tá um calor desgraçado e fica feio babar em cima do teclado no meio do escrtitório!

  • 5. Carlos  |  28/10/2009 às 14:32

    Bah, comprarei CERTO.

    Suellen, feliz niver (que gay).

    asçlkdasçldkasçdkçlasdçlk

  • 6. rafa  |  28/10/2009 às 14:34

    gostaria de saber onde passa jogos do flamengo em porto alegre

  • 8. Yuri  |  28/10/2009 às 15:39

    #6:

    na televisão tem.

  • 9. J Petry  |  28/10/2009 às 15:42

    #8: É que hoje aqui passa SP x Inter na TV aberta.

  • 10. Lucas Cavalheiro  |  28/10/2009 às 15:43

    Tá aí um bom presente pro sogrão, xavante doente.

  • 11. Lobo  |  28/10/2009 às 15:46

    #6 Lembro que tinha um buteco na Fernando Machado perto do Zaffari que sempre tinha uns loco torcendo pelo Fla!

  • 12. Marcelo Barboza  |  28/10/2009 às 16:03

    Confesso que eu não gostaria de ler, pois lebrarei de momentos tristes que até hoje não marcam a nossa torcida. Mas não tem como não ler. Conversei com o Cecconi e as histórias dos bastidores desse Gauchão 2009 são arrepiantes.

    E só um lembrete ao Lucas Cavalheiro, doente é quem torce pro E.C.Pelotas, torcedor Xavante é fanático ;).

  • 13. Marcelo Barboza  |  28/10/2009 às 16:05

    Confesso que eu não gostaria de ler, pois lembrarei de momentos tristes que até hoje marcam a nossa torcida. Mas não tem como não ler. Conversei com o Cecconi e as histórias dos bastidores desse Gauchão 2009 são arrepiantes.

    E só um lembrete ao Lucas Cavalheiro, doente é quem torce pro E.C.Pelotas, torcedor Xavante é fanático 😉 .

  • 14. Lila  |  28/10/2009 às 16:24

    #6

    Esse bar da Cristovão Colombo com a Pernanbuco é ouro e magia. E, pelos e-mails, o povo tá perdido nas chamas, afinal hoje é dia do padroeiro.

  • 15. Junior  |  28/10/2009 às 16:29

    Por incrível que pareça não conheço nenhum bar só de colorados, com exceção do Gato do Alemão e dos bares perto do Beira-Rio.

  • 16. Lila  |  28/10/2009 às 16:41

    Junior, mas vc está em Porto Alegre, né. Não tem necessidade de um bar pra time da cidade. Aqui no Rio, tem um na Leopoldo Miguez (acho) que é tomado por colorados em jogos do Inter. O dos gremistas, creio, fica em Botafogo. Tem o dos são paulinos no fim de Copacabana e o dos corinthianos, no início.

    Ouvi falar, também, num consulado do Coritiba, mas esse ainda não sei onde fica.

  • 17. Prestes  |  28/10/2009 às 17:08

    Boa – e triste – indicação de leitura.

  • 18. Prestes  |  28/10/2009 às 17:09

    Lila, não tem um quiosque na praia de Copacabana tb de colorados??

  • 19. Lila  |  28/10/2009 às 17:15

    Prestes, faz um tempo que vi uma barraca em Copacabana com uma mega bandeira do Inter. Como faz tempo que não vou praqueles lados, não sei se continua.

  • 20. Junior  |  28/10/2009 às 17:34

    Lila, em dia de jogo do Grêmio no mesmo horário ou em horário próximo ao jogo do Inter, como hoje, seria interessante um lugar para assistir somente ao jogo do teu time.

  • 21. Lila  |  28/10/2009 às 17:55

    Mas, Junior, de novo, você está em Porto Alegre. Qualquer bar com ppv dá pra pedir pra colocar no teu jogo, entende?

  • 22. Junior  |  28/10/2009 às 18:51

    Lila, eu falo do ambiente. Hoje os bares vão ter duas Tv’s mostrando os dois jogos. Gosto do clima de “Beira-Rio”, sem gremistas.

  • 23. Sanchotene  |  28/10/2009 às 19:07

    Sonho em colocar o Brasil em seu lugar. Eis um caminho:

    I. O Estadual deveria ocorrer entre maio e dezembro (no lugar da famigerada Copa FGF), em turno-e-returno (30 datas): valendo 3 vagas à Série D do ano seguinte; e rebaixando 4 à Segundona.

    II. Concomitantemente a ela, uma Copa, em “mata”, jogo único, com os clubes das Séries A, B e Estadual amador; valendo vaga na Copa do Brasil e na Recopa Gaúcha ao Campeão).

    III. Entre fevereiro e abril, teríamos Torneio Especiais, com 16 clubes: duas Ligas, com 8 clubes; e uma Copa com 16.

    IV. A Copa, apenas em “mata” (4 datas), jogo único. Enfrentamentos e mandos seriam definidos por sorteio; valendo vaga à Copa do Brasil e à Recopa Gaúcha ao campeão.

    V. As Ligas seriam montadas pelo desempenho no calendário nacional (séries A, B e C) e, para aquelas abaixo da C, no Estadual(exemplo de 2009: Liga 1 – SCI, Grêmio, Juventude, Brasil, Caxias, Ypiranga, Veranópolis e Santa Cruz; Liga 2 – Universidade, Avenida, São José, ECI, NHFC, São Luiz, Esportivo e PAFC).

    VI. As ligas seriam disputadas em turno único, mais uma rodada de clássico (teríamos DOIS Grê-Nal, p.e.) – 8 datas.

    VII. Não haveria empates. Prorrogação e pênaltis, se necessário.

    VIII. Quem tivesse mais vitórias seria campeão.

    IX. Os campeões das ligas disputariam a SuperCopa Estadual.

    X. O Campeão da Liga 1 teria vaga na Copa do Brasil.

    XI. A Recopa Gaúcha seria antes das ligas, em jogo único.

    XII. A SuperCopa, depois, também em jogo único.

    XIII. Onde há 23 datas, entre fevereiro e abril, se utilizaria 14.

    Eis a minha loucura!

  • 24. Sanchotene  |  28/10/2009 às 19:07

    Nem sei se lerei o livro, mas comprá-lo é quase obrigação…

  • 25. Yuri  |  28/10/2009 às 19:14

    valendo 3 vagas à Série D

    Substitui “Série D” por “Libertadores” e pronto… SEPARAÇÃO JÁ!!

  • 26. rafael botafoguense  |  28/10/2009 às 20:37

    FOOOOOOOOOOOOOGGGGGGGGGGGGGGGGGOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO PORRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

    SEGUNDA PROS CARALHO AQUI É BOTAFOGO.

  • 27. gilson  |  28/10/2009 às 21:14

    Bugrada, dureza é a gente não saber se torce pro Galo ou pro Fluminense, inveja do Rafael…

  • 28. zobaran  |  28/10/2009 às 21:34

    Que eu saiba tem o bar da Leopoldo Miguez que a Lila falou. Acho que na praia o que tem é bandeira do Inter em barraca na praia. Não sei se tem em Copa, mas em Ipa tem umas duas ou três. Pensando bem acho que tem pelo menos uma em Copa também. Mas os gremistas não precisam ficar tristonhos, também tem bandeira deles na praia.

  • 29. dante  |  28/10/2009 às 21:47

    no ARPOADOR [não sei onde fica klasj] tem sim um quiosque com um bandeirão do inter.

    não cheguei perto porque tava de férias.

  • 30. rafael botafoguense  |  28/10/2009 às 21:56

    ahhhhhh cruzeiro virou porrrrrrrrrraaaaaaaaaaa no ultimo lance

    futebol é isso

  • 31. gilson  |  28/10/2009 às 22:05

    Com as vitórias de Cruzeiro, São Paulo e Barueri estou decido: é Flusão mesmo, sadjlsjalksajdlasjdflkja

  • 32. rafael botafoguense  |  28/10/2009 às 22:10

    ahahahaahaha essa rodada é a mais irada

  • 33. rafael botafoguense  |  28/10/2009 às 22:35

    HAHAHAHAHA OLHA O MENGÃO QUE PEIDO MONSTRUOSO HAAHAHAHAH B-A-R-U-E-R-I MEU DEUS MAIS UM VEXAME PRA ESS PEDAÇO D EXCREMENTO DA GÁVEA

    BRASILEIRO É OBRIGAÇÃO HAUAHAUAAHAUAHUAHAUA

  • 34. Sanchotene  |  28/10/2009 às 22:45

    Rochemback foi expulso!

    Vamo’, vamo’, STJD!!

    Sete jogos de suspensão!!!

  • 35. Fernando Cesarotti  |  28/10/2009 às 22:59

    Não irei por razões ÓBVEAS, mas se alguém puder comprar e me mandar via correio, combinamos a forma de pagamento por e-meio, taí um livro que quero bastante ler.

  • 36. Ernesto  |  28/10/2009 às 23:20

    Che, Tenho certeza que o Mário nos levará ao título leque.

    Aqui ó, depois de hoje. Desde o Abel não tinha um cara com culhão. Meter tres atacantes pra cima dos loco, na casa deles.

    A paulistada apavorada, escondendo os gandula, dando bico pra cima. Duas chances claras no segundo tempo.

    Detalhe:

    Agora são só times do 10º pra baixo. Exceto atlético. Se jogar como hoje, pelo menos o passaporte pela AMérica do Sul, no primeiro semestre, tá garantido.

    Eu não acredito. Tenho certeza

  • 37. Prestes  |  28/10/2009 às 23:21

    Caras, sério. Se tem alguém no São Paulo, algum dirigente, alguém da parte técnica, que guarda a sete chaves o segredo de como ganhar campeonatos jogando desse jeito, meu deus, o cara tem a fórmula da Coca-Cola.

    TODOS os jogos que eu assisti do SP nesse campeonato (e nos últimos) eles praticamente desconheceram o significado da palavra CRIAÇÃO. E tão aí, em primeiros de novo. Puta que pariu, o Leônidas da Silva!

  • 38. Lucian Chaussard  |  28/10/2009 às 23:29

    São Paulo foi um time mediocre. Cera, Gandula enrolando, rentranca vergonhosa. Esse time não merece, pelo bem do futebol, ganhar o campeonato.

    Inter jogou muito bem e Mário Sérgio é um monstro. Só substituições corajosas, colando o time pra frente. Se continuarmos a jogar assim, ainda temos chance de levar o caneco.

    Alecsandro e Taison não dá mais. Pelo menos Marquinhos no lugar do Taison. Mas a falta que faz um matador é foda. Que saudades do Nilmar…

  • 39. Sanchotene  |  28/10/2009 às 23:31

    O problema é que isso não dura no Mário Sérgio. A vantagem é que faltam poucas rodadas…

  • 40. Ernesto  |  28/10/2009 às 23:32

    Calma velho.

    Hoje eu vi que tem treinador.

    DE repente só apostar em Taison e Marquinhos, Alan Kardec e Taison, Alan e marquinhos. Deixar o Alecsandro no banco, um pouquinho.

    mas de resto velho. Aqui ó, foi ele quem foi lá e buscou o Daniel, relegado.

    Pode não ser craque, mas no feijão com arroz tá pegando a lateral direita e pondo embaixo do braço

  • 41. Ernesto  |  28/10/2009 às 23:34

    Lucian mais rápido no gatilho

  • 42. Felipe (o catarina)  |  28/10/2009 às 23:39

    chegou uma hora do jogo que eu tava torcendo pro Grêmio meter uns 8×0. Que atuação ridícula essa do Avaí. Jogamos 60 minutos com um a mais e merecíamos ter levado uma goleada.

  • 43. Sanchotene  |  28/10/2009 às 23:46

    A diferença, Felipe, é que durante 30min vocês jogaram com 2 a mais. Rochemback é jogador do outro time…

  • 44. Francisco Luz  |  28/10/2009 às 23:59

    Ernesto e Lucian mataram a charada.

    Vamos ver quanto tempo leva para a imprensa detonar a atuação do Inter dizendo que não jogou nada. O Cabral já culpou o Alecsandro (que não jogou nada) pelos gols que o D’Alessandro e o Marquinhos pederam.

  • 45. Guilherme Dias  |  29/10/2009 às 00:50

    Eu adoro a coloradagem. É sempre aquele papo de AGORA NÓS VAMOS GANHAR TUDO SEMO FODA MARIO SERGIO CAMPIAO que se apaga em três rodadas.

  • 46. Serramalte Extra  |  29/10/2009 às 00:58

    43. Pois é, o time MELHOROU quando o Rochemback foi expulso. E isso me lembrou de como eu NÃO sinto saudades do Roth, que no momento da expulsão tiraria imediatamente um atacante para botar o PIOR VOLANTE DO BANCO no time e ficar atrás da linha da bola por uma hora rezando pra não tomar a virada, que aconteceria…

  • 47. igor  |  29/10/2009 às 01:15

    #45

    bom é o teu time.

  • 48. Renato K.  |  29/10/2009 às 01:38

    Aos amigos colorados do Impedimento: espernear é livre, e cornetar é premissa de quem ganhou o jogo.
    Prazer dobrado: eu estava lá e vi o gol do Cumpadi Uóxington no último lance do 1.o tempo – melhor ainda, cantei a bola que o escanteio tinha que ir pro meio da área, já que era mesmo o último lance do 1.o tempo.
    Até o final do dia, somos líderes. De novo, que coisa … 🙂
    Ah, sim – o Inter jogou melhor, mesmo. Mas perdeu. 😀

  • 49. rafael botafoguense  |  29/10/2009 às 03:51

    botafogo e sua mania de esculachar os outros

  • 50. rafael botafoguense  |  29/10/2009 às 04:43

    só tem eu no impedimento e o mapinha indica bh,que merda pro inferno capital odeio vcs.

    agora vou tentar dormir.

  • 51. Sanchotene  |  29/10/2009 às 06:20

    Re 46

    Trabalhando só com a imagem projetada do Roth. Bom, mesmo, é o Autuori…

  • 52. Sanchotene  |  29/10/2009 às 06:22

    Complementando, neste campeonato, tivemos várias expulsões. Houve outra vitória além desta?!

  • 53. Francisco Luz  |  29/10/2009 às 07:07

    49: Botafogo e sua mania de ser feito de esculacho:

  • 54. Serramalte Extra  |  29/10/2009 às 10:17

    Não, Sancho, mas eu não me lembro do Grêmio jogar bem um jogo com 10 jogadores desde o Felipão…

  • 55. Sanchotene  |  29/10/2009 às 11:28

    Eu lembro de uma com SETE…

  • 56. J Petry  |  29/10/2009 às 15:11

    JOGAR BEM, Sancho, não ganhar.

  • 57. Dudu  |  30/10/2009 às 11:06

    Parabéns ao Douglas pelo post! Lembrar deste momento tão triste para nós Xavantes com certeza é doloroso, mas é necessário valorizar a iniciativa do Cecconi e do Nauro Jr que estão deixando bem claro a ideia de não utilizar o episódio para promover o sensacionalismo. Confesso que acho isso muito difícil, embora acredite que um livro-reportagem focado num trabalho sério possa realizar tal intento.

    Com certeza vou ler o livro não só porque qualquer acontecimento relacionado ao Brasil também diz respeito a mim e faz parte da minha vida, enquanto Xavante Fanático (como muito bem frizou o Barboza # 13), mas também por ser do meu interesse enquanto estudante da área da comunicação. Se der um nó na garganta lendo o cara para, respira fundo e depois segue a leitura. Afinal, ser Xavante é isso aí mesmo: Emoção do inicio ao fim!

    Saudades eternas do nosso ídolo Milar, estaremos sempre solidários as famílias dos jogadores e do Giovani, o Xavante já mostrou que é maior do que se imagina e iremos voltar para o nosso lugar de direito no futebol brasileiro e não me refiro só a séria A do Gauchão, somos pretensiosos queremos o Brasileiro!!!! Rubro-negrooooooooooooooooo

  • 58. Sanchotene  |  30/10/2009 às 19:35

    Re 56

    Nós jogamos bem com sete naquela vez. Com 11, é que não jogamos nada…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Subscribe to the comments via RSS Feed


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

Feeds

web tracker

%d blogueiros gostam disto: