Esses argentinos são muito estranhos

13/08/2009 at 13:23 70 comentários

Imagem tirada do blog jpevita.blogspot.com, de uma das correntes da Juventude Peronista

Na Argentina, aconteceram duas coisas anormais nos últimos tempos: jogadores de futebol ameaçaram parar e Confederação desafiou a rede de TV que transmite o campeonato.

Anormais, claro, para um nascido em Pindorama. Jogador de futebol geralmente não passa de um empregado que ganha muito dinheiro para calar a boca. Se o salário atrasa, é criado um boicote, o passe é vendido para a Zâmbia e tudo volta como estava antes. Sindicato dos Atletas Profissionais? Serve para ajudar os necessitados e reunir os desempregados para um amistoso contra time grande. Protestar? Parar campeonato? Delírio total.

Na Argentina, o Sindicato é bem mais mobilizado. Volta e meia, ameaçam: se não pagarem os jogadores, não rola torneio esse ano. As ameaças são levadas muito a sério. Eu já não levava tanto a sério, considerando que não estou acostumado com isso. Pensei: os clubes vão acabar pagando de alguma forma e o campeonato se iniciará em 14 de agosto.

14 de agosto é amanhã e hoje tem uma reunião com a Cristina Kirchner – sim, a presidente do país – para tentar resolver o assunto.

Cronologia dos fatos: no final de julho, o Sindicato ameaça um boicote na primeira rodada do campeonato. “Grande parte dos clubes não consegue cumprir com suas obrigações e acho muito difícil que tudo isso se resolva em um prazo menor do que um mês”, disse Sergio Marchi em 20 de julho. Ato contínuo, a Federação determinou que time com dívidas com atletas não poderia contratar. Mexendo um pouco mais na história, a AFA descobriu o tamanho do buraco e adiou o início do Apertura. Ao mesmo tempo, disse que não poderia ajudar os clubes, em 1 de agosto, por que não tinha recursos para isso – inclusive, Grondona defendeu a legalização das apostas via internet para tentar financiar os clubes, que devem cerca de 10,5 milhões de dólares para os atletas.

Procuraram a Receita Federal, que não aliviou a barra e anunciou no dia 4 que não daria concessões especiais aos clubes. Na mesma terça-feira, Grondona descobriu onde poderia estar o problema – na TV, que pagaria muito pouco. A Torneos y Competencias, dona dos direitos de transmissão e braço da Traffic, acenou com a antecipação de 10,5 milhões de dólares para os clubes – o mesmo valor que os clubes devem aos atletas. Grondona não aceitou e exigiu um aumento de 100% na cota. A TyC paga cerca de 70 milhões de dólares aos clubes argentinos, cerca de um terço do que a Globo paga aos clubes brasileiros.

A TyC foi pra cima e disse que “há um pacto” dos Grondona para entregar o futebol argentino à televisão estatal. Grondona não teve dúvidas: diante da negativa, rompeu o contrato com a TyC. A estatização do futebol, um sonho de muitos pensadores marxistas da América Latina, começou a tomar notas de realidade. Com o apoio de alguns peronistas e inclusive de blogs como o Tremendamente Motivados. O Olé, como parte interessadíssima no negócio, está praticamente calado. Cita o assunto com parcimônia e prefere falar de treinamentos para um campeonato que não sabe-se quando começará.

As negociações para tornar o futebol argentino um patrimônio do povo, literalmente, começam hoje. Sabe-se que a televisão estatal ATC (Canal 7, passa na NET) não tem grade de programação nem equipamento para tocar adiante uma transmissão do Apertura, portanto dividiria a responsabilidade com outras duas emissoras. Nesta quinta apareceu a informação de que o montante de 600 milhões de pesos (cerca de 150 milhões de dólares) “prometido” pelo governo poderia ser reduzido pela metade – chegando aos valores antes pagos pela TyC.

No final da noite, poderemos ver os vizinhos argentinos não só com jogadores mobilizados, mas também mandando nas televisões e entregando o poder do futebol a governantes eleitos pelo povo. Que país estranho este, a Argentina. Ainda bem que fica a muitos quilômetros de distância.

Até a vitória,
Luís Felipe dos Santos

Anúncios

Entry filed under: Nacionais.

Galo senta no poleiro e Palmeiras canta alto Confesso que sequei (e não adiantou nada) o Flamengo: 1978-1983

70 Comentários Add your own

  • 1. Álisson  |  13/08/2009 às 13:40

    Não fazia nem idéia do que estava acontecendo logo ao lado. Para um brasileiro todas essas informações são meio surreais.

    Até porque, esta é a primeira vez que um presidente brasileiro tenta colocar a mão no futebol. No caso do Lula, só para fazer merda e imitar os europeus. Dedo podre.

  • 2. rafael botafoguense  |  13/08/2009 às 13:42

    enquanto aqui: marinho boys x macedo facts

    foda-se o futebol

  • 3. Prestes  |  13/08/2009 às 14:00

    “O Olé, como parte interessadíssima no negócio, está praticamente calado.”

    Tem algo por trás (ui)? Ou tu diz pelo fato de eles viverem de falar sobre o Camp. Argentino?

  • 4. Marcos SL  |  13/08/2009 às 14:07

    Imaginem uma coisa destas no nosso glorioso campeonato brasileiro?…

  • 5. Marcos SL  |  13/08/2009 às 14:08

    E algumas vezes de falar dos jogadores argentinos que atuam em outras partes do mundo, Prestes!

  • 6. Francisco Luz  |  13/08/2009 às 14:13

    O Olé é do Clarin, que tem algum tipo de sociedade com a TyC.

    Não acho que cheguem aos 150 milhões de dólares. Outro dia, o blog aquele de negócios do Globo Esporte disse que a LG pagou só 2 milhões por mês para patrocinar o Boca. É uma mixaria, isso aí.

  • 7. Prestes  |  13/08/2009 às 14:14

    Hmm, era isso q eu queria entender.

  • 8. rafael botafoguense  |  13/08/2009 às 14:17

    legal eh as dividas, boca o mais endividado 50 milhoes de reais! nao fica nem no top 10 dividas brasileiras

  • 9. Matias Pinto  |  13/08/2009 às 14:25

    “A estatização do futebol, um sonho de muitos pensadores marxistas da América Latina”

    Cuma?

  • 10. Antonio  |  13/08/2009 às 14:33

    O Grondona é um patife. A TyC faz parte do grupo Clarín, e o Grondona tem participação financeira no grupo. E outra coisa, quem assinou o contrato de 70 milhões com a TyC de duração longuíssima sem possibilidade de renegociação? O Sr. Grondona. Financeiramente, o campeonato argentino é menor, muito menor, que o brasileiro, até em função da população do país.

  • 11. jurley  |  13/08/2009 às 15:03

    faz tempo que o futebol argnetino está enfrentando crises fora das quatro linhas. vmaos ver no que isso vai dar. os torcedores estão cobrando muito, de dirigentes, jogadores,tecnicos, está bem feia a coisa por lá.

  • 12. Javier  |  13/08/2009 às 15:21

    E as coisas sao bem mas complicadadas do que o excelente resumo esta contando.
    Como se diz por aqui o “Presidente em funcoes” (para se referir ao ex Presidente e atual “primeiro cavalheiro” ou seja esposo da Presidente) tem uma luta que chega ao odio contra Clarin (dono de 50% da TyC que na verdade neste caso se chama TSC). Foi ele que promoveu que Grondona que durante 15 anos vem roubando com o contrato atual, queira deixa-lo. O argumento de que o futebol e para o povo agora e, na verdade, secundario. O que ele quer e prejudicar Clarin. Nao importa se o governo tem ou nao tem esse dinheiro, se tem capacidade de producao. Se poderia gastar o dinheiro em coisas realmente importantes para o povo.
    Como termina o post…este e um pais muito estranho…..quase imposivel de explicar……abrazo!

  • 13. Gustavo  |  13/08/2009 às 15:39

    #12: “Presidente em funções” eu não tinha lido ainda. Considerando que o Olé é o jornal esportivo do Clarín, isso explica bem porque eles não estão dando “mucha pelota” pro assunto.

  • 14. Javier  |  13/08/2009 às 15:51

    Gustavo, presidente em funcoes se diz porque aqui todos sabem que quem governa e ele. (o que uma total vergonha do ponto de vista institucional). Muitos jornalistas se referem a ele assim.
    E claramente Ole nao pode dar mucha pelota. De todas formas a verdadera crise dos clubes tem mais a ver com que a grande maioria e dirigida por cartolas que na maioria das vezes tem ligacoes com os politicos. Os cartolas ficam com o dinheiro, aceitam os “barras bravas” e seus negocios e os politicos usam os mesmos barras bravas quando precisam.
    Mais de novo…nao da para explicar….e muito mais complexo do que uma simples historia de direitos de televisao.

  • 15. dante  |  13/08/2009 às 16:13

    a verdade é que futebol = vida.

    assim como os argentinos [o povo, no caso] estão se mobilizando em torno do problema “do futebol”, creio que o mesmo povo argentino não hesitaria em TACAR FOGO no senado se a coisa estivesse como está aqui [falo do sarney e outros MARIMBONDOS DE FOGO].

    na real, muitas e muitas vezes me dá vergonha não de ser brasileiro, mas de EXISTIR um país como o brasil.

  • 16. Junior  |  13/08/2009 às 16:13

    Já que um dos assuntos do texto é televisão, vocês devem estar acompanhando a ampla cobertura que a Globo está dando às denúncias do MP sobre a lavagem de dinheiro praticada pela Igreja Universal. Hoje, na página 10 do Correio do Povo, a Igreja Universal rebateu, mostrando várias falcatruas das Organizações Globo. O pior de tudo é que as denúncias de cada uma delas em relação à emissora concorrente são verídicas e coerentes. Ou seja, nós brasileiros, estamos ralados (para não dizer outra coisa).

  • 17. Junior  |  13/08/2009 às 16:18

    Dante, essa história da mobilização dos argentinos é “meio lenda”. O Menem destruiu o país e a população assistiu acomodada. Eles saíram para fazer “panelaços” apenas quando o país faliu. Aí já era tarde.
    No festival de Gramado, passou um documentário do Fernando Solanas, chamado “Próxima Estación”, que mostra o desmantelamento total do sistema ferroviário argentino durante o governo Menem.

  • 18. Prestes  |  13/08/2009 às 16:19

    Junior, o pior seria se a Record e a Globo resolvessem se AMIGAR.

  • 19. dante  |  13/08/2009 às 16:20

    eu sei que é “meio lenda”, junior.

    mas perceba que, por aqui, não fazemos nada nem quando já é tarde demais.

    e isto é uma autocrítica.

  • 20. Junior  |  13/08/2009 às 16:30

    Dante, no Brasil, já teve passeata dos 100 mil contra a diatadura, teve comícios para as Diretas Já com 400, 500 mil pessoas e por último, os cara-pintadas contra o Collor (que inveja eu sentia dos “grandões” do 2º grau que eram liberados mais cedos pela direção para ir nas passeatas, jhgjhfdd). E só as passeatas contra o Collor tiveram resultado positivo, pois a imprensa apoiou. Mesmo que milhares de pessoas saiam às ruas para protestar contra o Sarney, não vai mudar nada, ele vai continuar lá. E pior, se ele cair, quem assume é um senador de Goiás chamado Marconi Perillo, busquem no Google as denúncias que existem contra ele.

  • 21. Jader Anderson  |  13/08/2009 às 16:35

    Por isso que eu acredito em apenas um poder: PÓLVORA NELES (ns)

  • 22. Yuri  |  13/08/2009 às 16:51

    Palavras são armas, mas mesmo assim, eu prefiro uma M-16.

  • 23. Ernesto  |  13/08/2009 às 17:03

    DEtalhe geográfico:

    Passeata dos cem mil, foi no Rio. Em 64, quando Brasilia era um condominio em construção.

    Cara pintada em SP, RIo, Porto Alegre nao sei se teve.

    O que eu quero dizer que a culpa de tudo é de Jusclino Kubischtek. Mineiro safado. Ordinário, que inventou essa criação de uma cidade exclusivamente para capital, para no fundo desviar dinheiro público com sua construção.

    Além de tudo, acabou afastando o poder central do povo, da massa, dos centros de manifestação.

    Nisso Buenos Aires e Argentina levam vantagem. Qualquer vacilo, la gente esta no cangote para cobrar e protestar.

    Ou alguem do Rio, daqui, de SP, vai até Brasilia fazer a mão de protestar contra o Sarney. Sendo um individuo com responsabilidades e trabalhador, que nao pode abandonar o trabalho, assim no más, por exemplo.

  • 24. edu coalhada  |  13/08/2009 às 17:08

    sei que o misere eh grande na argentina. dividazinha de 10 milhões, será que nao tem ninguém pra assina esse cheque? a coisa ta tao ruim assim? acho melhor o brasil olhar mais para o mercado argentino, deve ter jogador bom e barato aos montes.

  • 25. Junior  |  13/08/2009 às 17:19

    Ernesto, a previsão de construir uma capital no Planalto Central constava na Constituição. Mesmo que a capital ainda fosse no Rio, não acredito que as coisas seriam diferentes.

  • 26. mardruck  |  13/08/2009 às 17:20

    Cara pintada em Porto Alegre teve. Eu, pelo menos, me lembro disso.

  • 27. Prestes  |  13/08/2009 às 17:27

    Falou edu coalhada, tá dito!

    E tenho dito!

  • 28. dante  |  13/08/2009 às 17:27

    caras-pintadas = lula + collor no mesmo palanque.

  • 29. Arbo  |  13/08/2009 às 17:33

    “O pior de tudo é que as denúncias de cada uma delas em relação à emissora concorrente são verídicas e coerentes.”
    creio q concordamos q as denúncias são o MELHOR de tudo. q se denunciem e se fodam.
    mas, é claro, foder-se-ão jamé.
    to com o dante.
    até porque ele tá de aniversário. (mudar de assunto, animar, pedir cevas)

    dante, parabéns, foda-se, zillertal bem gelada.

  • 30. Gustavo  |  13/08/2009 às 17:38

    #14, Javier, eu havia entendido o sentido da afirmação, só nunca tinha lido aquilo. Muito engraçado, por sinal.
    Aliás, chama a atenção como muitas pessoas (as mais humildes, de um modo geral), não se dão conta da obviedade disso e separam Néstor de Cristina, achando que não tem a ver uma coisa com a outra. É como aqui no Brasil, as pessoas separam o PT do Lula, acham que o homem (semi-deus) não tem a ver com o partido que ele criou, especialmente quando o partido está envolvido em escândalo.

    Eu vou para Buenos Aires com alguma frequencia. Não conheço viva alma que fale bem do governo. Nem da Cristina, nem do Nestor.

  • 31. Junior  |  13/08/2009 às 17:41

    “caras-pintadas = lula + collor no mesmo palanque.”

    Desde que li na época de colégio que o Prestes se aliou ao Getúlio, mesmo depois do Getúlio ter mandado a Olga Benário grávida para a Alemanha nazista, nada mais me surpreende em matéria de política.

  • 32. fino  |  13/08/2009 às 17:42

    bovinos < brasil

    só quem protesta contra a véia louca e sua gangue é a turminha do CPERS, PSTU, PSOL, MST…

    a gente só fica olhando.

    banalizou faz tempo.

  • 33. Arbo  |  13/08/2009 às 17:49

    morava na LIMA E SILVA
    ‘gora moro na GETÚLIO
    ‘bora pra rua, galeren
    botá tudo no entulho

    (rima pobre rulez)

  • 34. Prestes  |  13/08/2009 às 17:52

    Na idade do Dante ainda se dá parabéns??

    UAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

    Folguei afu!

    Brincadeiras à parte, tudo de bom, rapá!!!

  • 35. Francisco Luz  |  13/08/2009 às 17:54

    Parabéns ao Dante, muitas cevas e AGUANTE COLORADO na vida.

  • 36. Cara-pintada com muito orgulho e muito amor  |  13/08/2009 às 17:54

    Cara-pintadas= Anos Rebeldes (passava bem na época).
    Não houve nada, absolutamente nadaa não ser matar aula.
    Tipo seleção brasileira x Lituânia.
    Pelegada.
    Só há paz neste país e estado, quando o PT está no poder.
    Eleja um ladrão e tenha “democracia na prática”, sem comícios na frente do Piratini ou Planalto.
    Onde estão os revoltados caras-pintadas hoje?
    Apoiando o “bolsa-compra-voto-mas-como-é-da-esquerda-é-programa-social”

  • 37. Leonidas  |  13/08/2009 às 17:54

    O comunismo ja era, o muro de berlim ja se foi, e o brasil é penta, vão se fude esses argentas e quem paga pau pra eles, vai morar lá.
    AAAA eu sou brasileiroooooo

  • 38. edu coalhada  |  13/08/2009 às 18:04

    que baita blog. mas gostaria de remeter meu tempo falando de futebol, por favor voltemos ao assunto inicial.

    e tenho dito

  • 39. Ernesto  |  13/08/2009 às 18:50

    Qual constituição previa isso, Junior ?

    Tenho certeza que se fosse no Rio, e houvesse os devidos agitadores, as coisas continuariam no rebuliço incessante dos anos 50 e 60

  • 40. Battaglin  |  13/08/2009 às 19:37

    Bah, estatizar os jogos de futebol é, talvez, uma das coisas mais idiotas que eu já vi.

    O problema é que graças aos acordos “estranhos” entre Globo e C13, tem muita gente que acha esse aborto da natureza algo interessante.

    Além disso, tem gente que é contra a Copa no Brasil exatamente por ser pura demagogia barata, e que é favorável ao “governo entregar o futebol ao pueblo…”
    Dizer que o “Brasil tem direito de organizar uma olimpíada ou copa” e torrar milhões nessa palhaçada, como fazer Orlando Silva, Nuzman, é igual ao “direito do torcedor de ver o seu futebol” e premiar os clubes corruptos com ajuda.
    Abraços.

  • 41. Battaglin  |  13/08/2009 às 19:42

    P.S.
    mas para não dizer que não falei de flores… O sindicato dos jogadores, pelo menos pelo que vejo daqui de porto alegre, é melhor que o brasileiro, que não faz nada quando os jogadores ficam 3, 4 meses sem receber, ou quando jogadores são obrigados a renovar o contrato para que possam receber o que têm direito. O bebeto de Freitas, queridinho de alguns comentaristas, era campeão de fazer isso. 3, 4 meses antes de acabar o contrato ele parava de pagar. E só pagava, quando pagava, quando o jogador renovava. Abraço.

  • 42. Monteiro  |  13/08/2009 às 20:57

    Era só o que faltava mesmo. Aerolineas, YPF, AFA, o casal de ladrões quer mandar em tudo. Os argentinos merecem coisa melhor.

  • 43. Monteiro  |  13/08/2009 às 21:01

    Quem comemora a estatização do futebol argentino já pode ir se preparando para o país disputar a Copa do Mundo da VIVA. Se se esforçarem, talvez ainda consigam chamar a Coreia do Norte, o Zimbábue e a Birmânia.

  • 44. Prestes  |  13/08/2009 às 22:09

    UMBORA TRI-TÓRIA!

  • 45. rafael botafoguense  |  13/08/2009 às 22:09

    #41 to ligado nisso bebeto veio como um cara qe irira nos salvar mas no final foi so decepçao,iclusive isso ai sem contar o sumiço do historico broche,chororo,nao arrumou parceria pro engenhao e por ai vai…

  • 46. beretta  |  13/08/2009 às 22:18

    Dante ta de aniversário!!
    Ficando cada dia mais IDOSO.

    AGUANTE TIOZÃO!!

    ekalçeakeaçeklçeelaealçe

  • 47. Álisson  |  13/08/2009 às 23:45

    Aguante Dante. Feliz aniversário.

    Vou desejar antes que se findi o dia do natalício!

  • 48. Luís Felipe  |  14/08/2009 às 01:17

    #9: o Emir Sader defendeu isso em um artigo para a Caros Amigos, acredito que no final de 2007.

    #12: valeu pelos esclarecimentos, Javier. È claro que parece ter muita mutreta nisso tudo, mas acho sempre bom esclarecer os fatos para quem não tinha menor ideia do que estava acontecendo.

    Eu coloco TyC no texto para simplificar o entendimento, mesmo.

  • 49. douglasceconello  |  14/08/2009 às 02:03

    “O que eu quero dizer que a culpa de tudo é de Jusclino Kubischtek. Mineiro safado. Ordinário, que inventou essa criação de uma cidade exclusivamente para capital, para no fundo desviar dinheiro público com sua construção.”

    Bah, o ERNESTO será o COMANDANTE-EM-CHEFE do braço armado do Impedimento.

    ausdhausd

  • 50. marlon  |  14/08/2009 às 05:10

    TANTI AUGURI, CAPO.

    AGUANTE SMFU AGUANTE COLORADO BAMOS BAMOS A SER COMMENTS

  • 51. marlon  |  14/08/2009 às 05:18

    sobre os argentinos, é meio lenda mas é MEZZO VERO também. quando estive lá o ano passado, tinha aula bem perto da Casa Rosada [ui], e praticamente TODO DIA tinha manifestaçã por ali – de sindicatos, de donas-de-casa, da hinchada do River [ns], sempre tinha uma galere fazendo um barulho do cazzo e ameaçando INVADI. o clima era tipo “bora tocá o horror no PINGÜINO”.

    e teve manifestação dos caras-pintadas em Porto. e eu fui. na real sabia que aquilo tudo era orquestrado pela midia má e não tinha muito valor, mas tava cheio de guria do segundo grau e a chance de comer alguma era ALTA.

  • 52. Camilo CEO  |  14/08/2009 às 07:06

    Cheguei tarde.

    Perdi miseravelmente.

    AGUANTE SUKITA [rip anc]

    Parabênis, dante.

    Mandei um scrap no orkut.

    Mentira. Foi um testimonial.

    Mentira. Não mandei nada.

  • 53. Gustavo  |  14/08/2009 às 08:36

    Parabéns dante

    BAMO A SER GOLES AGUANTE AGUANTE

  • 54. Che  |  14/08/2009 às 09:35

    O comunismo ja era, o muro de berlim ja se foi, e o brasil é penta, vão se fude esses argentas e quem paga pau pra eles, vai morar lá.
    AAAA eu sou brasileiroooooo (2)

  • 55. marlon  |  14/08/2009 às 09:39

    “O comunismo ja era, o muro de berlim ja se foi, e o brasil é penta, vão se fude esses argentas e quem paga pau pra eles, vai morar lá”.

    e aí o magrão assina “Che”. intauntá, véi.

  • 56. marlon  |  14/08/2009 às 09:39

    AGUANTE IAPI

    AGUANTE CASQUINHA

    nvkdsijnbn

  • 57. Che  |  14/08/2009 às 09:49

    55# qual é o problema, Che ja virou moda, ta até no biquini da gisele, só jornalista petista acredita na esquerda.

  • 58. marlon  |  14/08/2009 às 10:09

    che boludo, Che era argentino…

  • 59. Álisson  |  14/08/2009 às 10:15

    Os jornalistas petistas ou se desiludiram e largaram a política ou passaram para hostes do PSOL.

    AGUANTE PV MARINA SILVA AGUANTE A SER GOLES SERRA PUTO LULA PUTA FARINAS DO MESMO SACO FARINAS = AÉCIO AGUANTE ZÉ DIRCEU AGUANTE COMPANHEIRO FHC AGUANTE YODA MESTRE DA MANSÃO.

  • 60. marlon  |  14/08/2009 às 10:22

    yhufkasdfsdkf

    Alisson em chamas.

  • 61. Che  |  14/08/2009 às 10:58

    59# Jornalista petista

  • 62. Godo  |  14/08/2009 às 11:03

    #4

    Já teve, foi a Copa União.

  • 63. Sanchotene  |  14/08/2009 às 11:57

    O LF faz um texto enaltecendo algo que me enche de calafrios. Até agora não entendo como entregar algo ao GOVERNO equivale a entregar ao povo. No Brasil, seria como entregar o futebol aos sarneys et caterva… Ainda prefiro um clube comandado pelos sócios do que por “O SÓCIO”!

    Ainda assim, creio que não houve estatização do futebol, mas das transmissões do campeonato pela TV.

  • 64. Sanchotene  |  14/08/2009 às 11:59

    Continuando:

    Seria algo, no Brasil, como as TV estaduais (TVE’s TV’s Cultura) e o Canal Brasil adquirindo os direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro.

  • 65. Sanchotene  |  14/08/2009 às 12:00

    Por fim, aposto que os argentinos sem emprego e saneamento básico devem estar exultantes com as prioridades do governo “K”…

  • 66. JULIUS CAESAR  |  14/08/2009 às 12:15

    O CASALAUMS CRISTINAEMS E NESTORENS APRENDERAM MUITO COMIGO.

    PAN ET CIRCENSES. A CESAR O QUE É DE CESAR, A DEUS O QUE É DE DEUS. ÓPIO DO POVO.

  • 67. Luís Felipe  |  14/08/2009 às 12:18

    na real, Sancho, o que eu enalteço é a mobilização dos atletas e o fato do Grondona desafiar a rede de TV local.

    não sou a favor da estatização do futebol, nem dos direitos de TV. Pelo simples fato de que o governo não pode investir 150 milhões de dólares em um esporte profissional com lucros astronômicos. O governo só pode investir em esporte de base, que tenha influência social direta na educação das pessoas.

  • 68. GRONDONA  |  14/08/2009 às 12:52

    Pero solo quizo dar al pueblo, a la xente, un póco mas de alegria.

    Que cosa hermosa es el futbol en la tv publica. Con eso vosotros de Brasil tambien seran beneficiados, maestro. No necesitaran mas de la Tv por cabo. Aguante El futbol Latinoamericano

  • 69. mastodi  |  15/08/2009 às 00:08

    Sao bem estranhos mesmos ! haha
    Free Bodybuilding Tips

  • 70. Mauhaas  |  18/08/2009 às 22:30

    “enquanto aqui: marinho boys x macedo facts “

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Subscribe to the comments via RSS Feed


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

  • Alguns dias após o Barcelona 5x0 Chapecoense, hoje veio a consagração: Real Madrid 0x2 Chapecoense. 2 hours ago
  • Semifinais da Série D, jogos de ida: Juazeirense-BA 3x1 Globo-RN (volta 27/8) Atlético-AC 0x0 Operário-PR (volta 28/8) 2 hours ago
  • Corinthians finalmente perde e o que o resto do G4 faz? O resto do G4 não ganha nem três pontos contando os três times juntos. 2 hours ago
  • O Palmeiras não ficou só na promessa de ajudar. twitter.com/IPEonline/stat… 2 hours ago
  • O consolo palmeirense é que o São Paulo entrou no Z4 após essa apresentação pífia. 2 hours ago

Feeds

web tracker

%d blogueiros gostam disto: