O dono de todas as posições – Parte II

06/08/2009 at 11:30 92 comentários

tonico-faixa

Fotos pra lá, cópias de matérias pra cá, mexe e remexe no armário da salinha anexa à garagem. Tonico acha o dossiê. Não tem nada a ver com o Sarney. Tira um maço de papéis de um saco plástico. Na primeira folha, os dizeres: “Excursão do Sport Club Cruzeiro-Poa 1960 – Europa”.

É a capa impressa para as informações que arquivou sobre a grande excursão. Depois, a cada folha há de um lado informações escrita no computador sobre uma determinada partida (data, resultado, escalação do Cruzeiro, quem anotou os gols, e algumas observações como ‘neste jogo fomos saqueados pelo juiz’).

Do outro lado, há matérias correspondentes à partida – principalmente do jornal “A Hora”, que enviara o repórter especial Roberto Rohnelt para acompanhar a delegação cruzeirista, ou do Correio do Povo, que era abastecido pela Associated Press.

O cuidado que Tonico tem em arquivar suas façanhas foi hábito adquirido na profissão de contador da Caixa Econômica Federal, onde trabalhou desde os anos sessenta até se aposentar. Certamente foi este emprego que possibilitou comprar a bonita casa onde mora. Mas a carreira de jogador de futebol lhe trouxe algumas jornadas épicas.

E para esta viagem, iniciada no dia 22 de março de 1960, não se corre risco de banalizar o termo “épico”. Ao todo, o clube jogou 24 partidas, com onze vitórias, seis empates e sete derrotas. Enfrentou de igual pra igual alguns grandes clubes como Anderlecht, Sevilla, Dínamo Zagreb e selecionados, como a equipe olímpica da Dinamarca.

voo-web
Cruzeirinho nas asas da Panair

A delegação estrelada deixou Porto Alegre em um avião da Panair do Brasil S/A, passou por São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Lisboa, Paris e Frankfurt. Na cidade alemã pegou um trem até Viena, dali pegou um vôo para Sofia, capital da Bulgária, não tomando conhecimento sobre a tal da “cortina-de-ferro”.

Foi nesta última cidade a estreia do Cruzeiro, no dia 26, e logo contra a seleção nacional da Bulgária. “A gente não entendia nada da língua lá. O empresário alemão que nos contratou para a excursão era quem cuidava de tudo”, conta Tonico. Diante de grande público – mais de 45 mil espectadores – os estrelados perderam por 2 a 0 para o selecionado búlgaro, cujo último resultado em casa era uma expressiva vitória contra a seleção francesa.

A equipe se despediria da Bulgária contra a seleção da localidade de Russe, empate em 1 a 1. O clube gaúcho foi comparado pela imprensa local ao Santos, que também não havia vencido jogos naquele país um ano antes. Após a partida, os jogadores foram carregados nos ombros da multidão. À noite, houve um autêntico carnaval brasileiro em Russe. Também foi oferecido ao clube um jantar, seguido de baile.

Nessas duas primeiras partidas, Tonico ficou no banco de reservas, entrando no decorrer delas. Depois jogou várias como quarto-zagueiro, centro-médio e até na posição de origem, centro-avante. “Quando me perguntam o time-base da excursão eu não me coloco, por que não tive uma posição fixa”.

europa-web
Luiz Torres, Nonô, Tonico, Salvador II, Ivo Meyer e Candinho (de pé);
Abrahão Lerman (mass.), Tesourinha II, Mauro, Raul Tagliari, Sérgio Cará e Elálio

O clima de festejo era uma constante por onde quer que passassem. Todos queriam saudar aqueles jogadores brasileiros. Dois anos antes o Brasil se sagrara o primeiro – e único até hoje – selecionado não-europeu e levantar uma Copa do Mundo no Velho Continente. Foi nessa toada que a delegação estrelada cruzou a Europa, passando pela antiga Iugoslávia, Áustria, as duas Alemanhas, Espanha, França, Bélgica, Tchecoeslováquia, Dinamarca, Holanda e Suécia, além da Bulgária.

Na Alemanha, Tonico conta que entrou em uma das partidas faltando dez minutos, com o Cruzeiro atrás no placar. O time estava todo no ataque e ele sobrava de quarto-zagueiro. Um lançamento adversário o encobriu e deixou o centro-avante adversário na cara do gol. “Quando vi que a bola passou por cima de mim, só me restou bater de charles nela e aí salvei o lance”.

Após a partida, as pessoas na rua apontavam para Tonico e recordavam a bela jogada. Muitos, inclusive, lhe pagavam bebidas. “Brinquei com os outros jogadores, ‘viu vocês não jogaram nada eu pelo menos fiz alguma coisa’. Foi meu único lance no jogo”, se diverte. Em Berlim Oriental, após vencer o Vorwärts e empatar com o Dínamo – ambos da atual capital alemã – o Cruzeiro conquistou o Torneio de Páscoa.

alemanha
Entendeu? Segundo o amigo Felipe Franke, eis a legenda do periódico alemão: “Os brasileiros esperam por sol e campo seco no jogo de hoje, no Estádio Grüne Au. Nossa foto mostra quatro integrantes do EC Cruzeiro, de Porto Alegre, depois da chegada na estacao da cidade de Hof”. Se ele mente, jamais saberemos. Só garanto que os quatro na foto são, da esquerda pra direita, Chagas, Tonico, Cacique e Joel.

Na pequena cidade de Figueras, na Espanha, o clube disputou o Troféu Salvador Villarosa, onde obteve, sem dúvida, sua vitória mais expressiva na excursão. Para a competição, a humilde equipe local contratou nada mais nada menos que os cracaços brasileiros Didi, Vavá, Evaristo de Macedo e Joel. E – acreditem! – deu 4 a 3 para o Cruzeiro. Tonico tem a solucionática: “Eles tinham todos estes craques, mas a defesa era local. Cada gol que faziam, a gente fazia outro”.

A final do torneio seria contra o Espanyol, de Barcelona. Os catalães vinham mordidos, já que na primeira excursão cruzeirista, em 1953, perderam duas vezes para o time de Porto Alegre. Tonico entraria no decorrer da partida no ataque, devido à lesão de Raul Tagliari, e marcaria os dois gols do Cruzeiro na derrota por 4 a 2, os dois quando já perdiam por 3 a 0.

Um periódico da Espanha assim registrou o oportunismo de Antoñico: “(…) um centro del interior derecha es aprovechado por Antoñico, que incrusta de cerca el balón en las mallas españolistas (3-1). (…) Hasta el ultimo minuto el Cruzeiro juega noblemente para marcar, y a los 44 minutos, en um centro raso de Tesoriña, Antoñico fusila el gol (3-2)”.

Tonico faz questão de mostrar ainda que o próprio periódico espanhol relata a má atuação do árbitro, a qual prejudicou seriamente os cruzeiristas: “El Cruzeiro se hace aplaudidor por su gran juego de ataque frenado por el Español con apuros. El árbitro permite que se ensucie el juego por la defensa españolista ante el alud de juego contrario. El publico expresa reiteradamente sus protestas. (…) En clarisimo fuera de juego Camps recibe un pase y establece el resultado de cuatro a dos”.

pancadaria

Em Limoges, na França, o Cruzeiro bateu a equipe de mesmo nome por 2 a 1, segundo os jornais “sob chuva e grossa pancadaria”. A Folha Esportiva anotava que a partida terminou em meio a uma confusão quando o zagueiro Henri Kowal, do time francês disse ter sido atacado por vários brasileiros. “Foram só uns empurrões. Os repórteres gostam de enfeitar”, minimiza Tonico. Prefiro acreditar que deram uma tunda de laço nos franceses.

De volta à província, o Cruzeiro foi recebido com festa no Aeroporto Salgado Filho, no dia 17 de junho de 1960. Com moral, a equipe venceria Grêmio e Internacional pelo Gauchão e, com muitos jogos a menos, todos acreditavam que a taça pudesse ir pra Montanha. “Só que a gente perdia pontos pros outros times”, explica Tonico, mais achando graça que lamentando.

alfandega-web
Recepção calorosa à delegação cruzeirista em plena Praça da Alfândega, na volta a Porto Alegre.

Antonio conta que mesmo sem dar grande projeção, o Cruzeiro era um clube do qual os atletas gostavam de participar, principalmente pelas viagens. Ainda nos primeiros anos da década de 60, o jogador pode conhecer não só a Europa, como boa parte das Américas.

Em duas oportunidades, os estrelados enfrentaram o River Plate no Monumental de Nuñez. Uma delas foi num aniversário do clube argentino, com o placar de 2 a 1 para os locais. A outra partida, que terminou 4 a 0 para o River, fez parte de uma excursão do Cruzeiro à Argentina, em março de 1961, onde o clube também papou o Torneio de Mar del Plata, vencendo Quilmes e Huracán.

Houve ainda uma excursão que teve início na véspera de natal de 1961 e passou por Costa Rica, El Salvador, Guatemala e Colômbia. A delegação se esbaldou em luxuosos hotéis, feitos sob medida para ricos estadunidenses. No campo, o que se viu foram más atuações do Cruzeiro. O plantel se renovava e jogadores recém-contratados nem sequer treinaram com o grupo antes da viagem.

river-web
No Monumental de Nuñez, Tonico é o sexto de pé (da esq. a dir.).

Ao lado o goleiro Picasso, que depois foi ídolo no Palmeiras e chegou à Seleção Brasileira.

Em 1963, Tonico conseguiu emprego na Caixa Econômica Federal, desde que jogasse no time do banco. O futebol não lhe garantira o futuro. “Eu e vários ex-jogadores formávamos uma equipe muito boa lá”. Em 1964, voltou a atuar profissionalmente. Jogou na Lajeadense, onde recebia por jogo e ia apenas aos finais de semana, além de treinar em separado em Porto Alegre.

Ainda neste ano, começou a fazer o horário das 7 às 13h no banco, e voltou ao Cruzeiro, onde teve tempo para nova briga com Foguinho. “Ele disse que ia multar o meu salário e de outros jogadores em 60%. Aí eu falei, mas como o senhor vai multar se nós não recebemos há seis meses?”

Atuou também por dois clubes que na época disputavam a segunda divisão do campeonato gaúcho. O São José, de Lajeado, e, finalmente, a Lansul, de Esteio, onde encerrou a carreira em 1966.

Durante algumas décadas, Tonico se afastou do futebol, cansado do clima pesado dos estádios. Mas já neste século, voltou a ir ao campo do Cruzeiro, aos festejos a que volta e meia os veteranos são chamados, inclusive no interior do Estado, e passou a buscar cada vez mais material sobre toda a história do clube. “Eu gosto demais de futebol, sempre quis jogar bola. Sabe quando a professora manda fazer um trabalho sobre o que tu queres ser quando crescer? Me lembro que eu fiz um trabalho de escola dizendo que queria jogar bola”.

Felipe Nascimento Prestes
Leia também a primeira parte da repotagem “O dono de todas as posições”


Anúncios

Entry filed under: Clubes, Contribuições, Pela América.

Pedrito, el cumpridor A dois jogos do paraíso

92 Comentários Add your own

  • 1. Diego  |  06/08/2009 às 12:06

    Excelente matéria sobre um dos grandes do futebol gaúcho…

  • 2. Ernani Campelo  |  06/08/2009 às 13:06

    Sensacional as duas matérias e o Diego tem razão, são matérias sobre um dos grandes do futebol gaúcho. O Cruzeiro tem inúmeras histórias incríveis. Parabéns

  • 3. Luís Felipe  |  06/08/2009 às 13:55

    espetacular. Parabéns, Prestes.

  • 4. rafael botafoguense  |  06/08/2009 às 14:06

    que manero, to imaginando o tupi no monumental

  • 5. Prestes  |  06/08/2009 às 14:07

    Muito obrigado, gente!

  • 6. col  |  06/08/2009 às 14:16

    Muito legal, Prestes!

    O Cruzeiro foi o primeiro gaúcho a excursionar pela Europa, mas não foi essa excursão de 1953, certo?

  • 7. guihoch  |  06/08/2009 às 14:54

    ahora entendi prestes, o primeira não foi o primeiro que tambem não foi a novidade resume tudo, hein?

  • 8. Lobo  |  06/08/2009 às 15:04

    Começou a 2a rodada da segundona
    Porto Alegre x Cerâmica
    Riograndense x Pelotas

  • 9. marcos nunes  |  06/08/2009 às 15:12

    Rapaz, tenho uma fascinação cretina por esses histórias futebolísticas da antiguidade clássica (pré 61, quando nasci) e idade média (61/73), porque tenho vivas lembranças dessa coisa misteriosa chamada futebol, uma brincadeira de crianças partilhada pelos adultos, pelo mundo afora. Acho que o Cruzeiro merece um livro, bem melhor que o romance ruim publicado pelo Scliar. Seria uma tarefa interessante reunir o material do Tonico com outros, de lavra semelhante, e publicar um livro ilustrado, misturando informação precisa com crônicas imprecisas, memórias esparsas, sentimentos esquecidos, etc. O amor pelo futebol é assim como o amor por toda relação social onde entra, sobretudo, a camaradagem e o desinteresse por disputas inúteis – só vale disputar a bola.

  • 10. Sanchotene  |  06/08/2009 às 15:19

    Só uma correção: sendo 1960, o campeonato era o Metropolitano. O Gauchão começou em 1961; antes era um torneio curto reunindo os campeões da Capital e do Interior.

  • 11. Lucas Cavalheiro  |  06/08/2009 às 15:20

    Sensacional, seu Prestes.

    O melhor elogio que posso fazer é que li no ônibus (recomendo) e perdi a parada absorvido na matéria.

  • 12. Carlos  |  06/08/2009 às 15:23

    Ótimo, prestes!

  • 13. Eduardo coalha  |  06/08/2009 às 15:35

    trinta minutos de jogo, poa 0X 2 ceramica. eh a força de gravatai contra o imperio de assis.

    vamo cerâmica!!!

    baita materia nino galo!!!

  • 14. Junior  |  06/08/2009 às 15:37

    Excelente matéria, Prestes.

  • 15. Sanchotene  |  06/08/2009 às 15:40

    No momento:

    PAFC 0-2 Cerâmica
    Riograndense 2-0 Pelotas

  • 16. Eduardo coalha  |  06/08/2009 às 15:45

    o importante eh o poa nao subir, o resto ta bom, mas digo que criei uma admiraçao pelo exelente futebol apresentado pelo cerâmica.

  • 17. dante  |  06/08/2009 às 15:47

    “Eu gosto demais de futebol, sempre quis jogar bola. Sabe quando a professora manda fazer um trabalho sobre o que tu queres ser quando crescer? Me lembro que eu fiz um trabalho de escola dizendo que queria jogar bola”.

    :~~~~~~~~~~~~~~

  • 18. Eduardo coalha  |  06/08/2009 às 15:48

    gol do ceramica, fernando genro, buxa. neto do nosso querido tarso genro e filho da luciana genro. Jogando no Ceramica eh melhor entrar pra política

  • 19. Eduardo coalha  |  06/08/2009 às 15:49

    acompanhe aqui minuto a minuto poa X Cerâmica

  • 20. Eduardo coalha  |  06/08/2009 às 15:49

    Intervalo: Poa Assis 0 X 3 Cerâmica soh galo

  • 21. Carlos  |  06/08/2009 às 16:49

    Bah…4×3 pro ceramica e penalti pro Porto Alegre…

  • 22. Carlos  |  06/08/2009 às 16:49

    E penalti roubado, ainda por cima

  • 23. Francisco Luz  |  06/08/2009 às 16:55

    Meu deus, o que houve no segundo tempo?

  • 24. Eduardo coalha  |  06/08/2009 às 16:56

    poa imperio assim 4 X 4 ceramica. Jogo roubado, uma pena que a familia assis comece a roubar desta forma. o Lisca nao merece ta no meio disso.

  • 25. Eduardo coalha  |  06/08/2009 às 16:58

    baita jogo. CERAMICA, NAO DESISTA, EU E GRAVATAÍ ESTAMOS CONTIGO. FORÇA!!!

    Todos contra Poa Império Assis futebol clube

  • 26. Sanchotene  |  06/08/2009 às 17:20

    O Riograndense diponibiliza em seu sítio a transmissão de seus jogos em TV Web:

    http://www.riograndensesm.net/index.php?option=com_content&task=view&id=5

  • 27. Arbo  |  06/08/2009 às 17:29

    excelente, prestes.
    pelotas te espera.

  • 28. Arbo  |  06/08/2009 às 17:31

    eduardo, eu só ouvi na transmissão, mas no pelotas 1X0 poa, teve um gol no finzinho do poa q foi anulado por impedimento. mal anulado, dizem.

  • 29. Prestes  |  06/08/2009 às 17:44

    Valeu gurizada!

    Vamo negão!

  • 30. Prestes  |  06/08/2009 às 17:46

    Col, houve duas excursões. Esta é a segunda.

    Sancho, mas creio eu que esse metropolitano, era considerado uma fase regional do Gauchão. Ou não?

  • 31. Cassol  |  06/08/2009 às 17:55

    “No domingo, dia 9, no Riograndense recebe o Porto Alegre no estádio Eucaliptos.”

    SOMOS TODOS PERIQUITOS (rá)

  • 32. Cassol  |  06/08/2009 às 17:56

    Quero que o BONALDI de um carrinho no Assis.

  • 33. fino  |  06/08/2009 às 18:01

    A partir de hoje (6), assistir aos jogos de futebol por televisão a cabo sabendo pelo rádio se já foi gol ou não, deixará de ser regra. O antigo delay, que torturava os torcedores de plantão, ficará esquecido para quem sintonizar a Rádio Gaúcha através do dial da Rádio Rural (AM 1120) e assistir ao jogo pela TV. Para que esta sincronia seja possível, a transmissão da Rádio Gaúcha pelo sinal da Rádio Rural será atrasada em 4,9 segundos.

    Assim, quem acompanhar o jogo entre Palmeiras e Grêmio nesta quinta-feira (6), poderá sintonizar a Rádio Rural (AM1120) sem sofrer com o descompasso som x imagem. Na Rádio Gaúcha a transmissão não terá alterações.

  • 34. Sanchotene  |  06/08/2009 às 18:03

    Não, Prestes. Era O campeonato. O Gauchão era um trâmite…

  • 35. Carlos  |  06/08/2009 às 18:23

    #33
    Bah, belissima noticia.

  • 36. Felipe  |  06/08/2009 às 18:30

    em cinco minutos de conversa, dois gaúchos que trabalham comigo citaram as cidades de Montenegro, Cacique Doble, Capão da Canoa, Júlio de Castilhos e Frederico Westphalen.

    Rio Grande do Sul tem os nomes de cidades mais massa que existem, fato. Cacique Doble pode ser um c*** (é?), mas o nome é massa bagarai.

  • 37. Felipe  |  06/08/2009 às 18:33

    eu sei, nada a ver com o assunto, mas só quis comentar, já que o Impedimento, assim como a RBS, o Tite e o Celso Roth, são gaúchos.

  • 38. Carlos  |  06/08/2009 às 18:34

    Porque não fecham essa merda?

    http://g1.globo.com/Noticias/Politica/0,,MUL1257555-5601,00-BATEBOCA+ENTRE+RENAN+E+TASSO+INTERROMPE+SESSAO+NO+SENADO.html

  • 39. fino  |  06/08/2009 às 18:47

    nunca tinha ouvido falar em CACIQUE DOBLE

    kjsdakfajasdhjsdjf

    até meti um google aqui pra ver onde ficava essa birosca

  • 40. Sanchotene  |  06/08/2009 às 19:00

    … Tio Hugo, Anta Gorda, Arvorezinha, Bom Princípio, Entre-Ijuís, Não Me Toque…

  • 41. Sanchotene  |  06/08/2009 às 19:01

    Re 38

    O ideal seria fechar o PAÍS…

  • 42. fino  |  06/08/2009 às 19:07

    FORTALEZA DOS VALOS,

    BOA VISTA DO CADEADO

    E

    MATO QUEIMADO (paraíso dos rastas)

    [[NS]]

  • 43. Prestes  |  06/08/2009 às 19:15

    EREBANGO = MELHOR NOME DE CIDADE.

  • 44. Prestes  |  06/08/2009 às 19:16

    “já que o Impedimento, assim como a RBS, o Tite e o Celso Roth, são gaúchos.”

    Pegou pesado. Catarina pau no cu, hudfhudfhusahsadhusdauhsdauhshduashdasudh

  • 45. Francisco Luz  |  06/08/2009 às 19:30

    A melhor é Travesseiro.

  • 46. Daniel Cassol  |  06/08/2009 às 19:39

    Victor Graeff, Derrubadas, Mato Castelhano, Formigueiro, Garruchos, Arroio dos Ratos, Mostardas…

  • 47. fino  |  06/08/2009 às 19:39

    Agora sim!

    Muito bom Prestes!

    Brilhante!

  • 48. André  |  06/08/2009 às 19:53

    Coronel Bicaco e Espumoso.

  • 49. douglasceconello  |  06/08/2009 às 20:23

    TIO HUGO.

  • 50. Lucas Cavalheiro  |  06/08/2009 às 21:15

    Site do Inter hackeado… Por um botafoguense ainda.. e laiá!

  • 51. Felipe  |  06/08/2009 às 21:20

    #44

    huhauauaa. Tudo bem, a Luize Altenhofen e a Ranata Fan também são gaúchas.

    #49

    eu trabalho no Instituto Federal de Santa Catarina (IF-SC, o antigo Cefet de Santa Catarina) e nós temos um polo de ensino a distância em Tio Hugo. Aí pelas bandas de vocês temos polos também em Tapejara, Cachoeira do Sul e São João do Polêsine. Uau!

  • 52. André  |  06/08/2009 às 21:20

    Bah, eu vi. Baita chinelagem.

    Aposto que foi esses leitores botafoguenses do Impedimento. hohfldsh

  • 53. André  |  06/08/2009 às 21:23

    Aposto que foram esses leitores botafoguenses do Impedimento.

    Acho que assim tá melhor.

  • 54. Prestes  |  06/08/2009 às 21:48

    Esse empatezito me serve muuuuito.

  • 55. Serramalte Extra  |  06/08/2009 às 21:49

    http://www.clicrbs.com.br/esportes/rs/noticias/futebol,2608686,Site-do-Inter-e-invadido-por-hackers.html

    site do inter hackeado por botafoguenses. Viram o que acontece quando um blog colorado mexe com eles?

    ehheheahhehehehehhehe

  • 56. Tiago  |  06/08/2009 às 22:18

    Muito boas as referências da wikipedia:
    “Em 1988 seria criado o Distrito de MATO CASTELHANO, por desmembramento do Distrito de CAMPO DO MEIO”

  • 57. Procurador  |  06/08/2009 às 22:26

    rafael botafoguense… algo a declarar sobre a invasão do site do Inter?

    hahahahaha

  • 58. Procurador  |  06/08/2009 às 22:27

    Ou a invasão AO site do Inter?

    Ajuda, Dante?

  • 59. Prestes  |  06/08/2009 às 22:54

    MARAVILHA!

  • 60. Lorenz  |  06/08/2009 às 22:55

    1 A 1?

    FEITOOOOO AUIOHEAUIHEA, comemorando até empate fora de casa… aleluia.

  • 61. Lorenz  |  06/08/2009 às 22:57

    O que aconteceu com o Fluminense?

    5 a 1 IOAJEIOA

    Vejamos de quanto o Inter ganha do Sport

  • 62. Prestes  |  06/08/2009 às 22:59

    Colorado no G-4 com dois jogos a menos.

  • 63. Serramalte Extra  |  06/08/2009 às 23:00

    “…saímos com o empate com sabor de vitória e… (hey, souza, vai toma no cu – torcida do palmeiras) o pessoal me ama!”

    clássico

  • 64. Serramalte Extra  |  06/08/2009 às 23:04

    62. Flanelinha. 2006 acabou.

  • 65. Prestes  |  06/08/2009 às 23:11

    2009 ainda não… Boca fechada não entra mosca.

  • 66. Sanchotene  |  06/08/2009 às 23:12

    Depois de 30′ de terror…

    … 60′ de (bom) futebol!

    Que jogo, esse entre Palmeiras e Grêmio! Fazia tempo que eu não via uma partida tão boa.

    E ainda conseguimos um pontaço!!

    Dá-lhes!

    Fomos o único visitante a não perder hoje.

    P.S.: Sexta partida consecutiva que o Grêmio sai atrás no placar. Já são 10 vezes em 17 partidas…

  • 67. Lorenz  |  06/08/2009 às 23:12

    Renato Gaúcho vai começar a brincar no Brasileirão, a partir da próxima rodada

  • 68. Francisco Luz  |  06/08/2009 às 23:14

    Que time mais fedorento esse do Palmeiras. Típico time treinado pelo Muricy.

    Assim, até o Inter do Tite disputa o título.

  • 69. Prestes  |  06/08/2009 às 23:19

    Foi um jogão.

    O Palmeiras dá muito bico pra frente, tá com a cara do Muricy.

  • 70. zobaran  |  06/08/2009 às 23:31

    Parabéns, rafael botafoguense.

    Invasão do site do Inter: missão cumprida.

    Qual é a próxima?

  • 71. Serramalte Extra  |  06/08/2009 às 23:35

    Pra mim o título tá entre Goiás e (bem mais pro) São Paulo, jogam domingo inclusive… Palmeiras, Inter e Grêmio disputam as vagas da Libertadores…

  • 72. Lorenz  |  06/08/2009 às 23:36

    A próxima ele vai tentar invadir o site da Conmebol pra colocar o Botafogo como campeão da Libertadores.

  • 73. Sanchotene  |  06/08/2009 às 23:40

    Próximo alvo é o Impedimento…

  • 74. Sanchotene  |  06/08/2009 às 23:41

    Becape já!!

  • 75. Lucian Chaussard  |  06/08/2009 às 23:41

    http://espnbrasil.terra.com.br/internacional/noticia/66699_INTERNACIONAL+VAI+AS+COMPRAS+PARA+BRIGAR+PELO+TITULO+DO+BRASILEIRAO
    “Dos jogadores que já estão no Beira-Rio, Magrão desistiu de ir para o futebol árabe e seguirá no Inter.”

    PQP que merda é essa? Era pra esse cara já estar a anos-luz do Beira-rio.

  • 76. Prestes  |  06/08/2009 às 23:44

    http://twitpic.com/btmg9

    Sensacional.

  • 77. rafael botafoguense  |  06/08/2009 às 23:51

    hehehehehehehehehehehe

  • 78. rafael botafoguense  |  06/08/2009 às 23:55

    nem fui eu, sacanagem isso embora os colorados mereçam,tao tirando mta onda

  • 79. Sanchotene  |  06/08/2009 às 23:56

  • 80. Prestes  |  06/08/2009 às 23:57

    asuhdsuhdsuhdushasduashdushasduhasduashduasdhasudhasuhauh

    BATI AS BOTAS

  • 81. Lorenz  |  06/08/2009 às 23:58

    36.

    Eu moro em Montenegro 😛

  • 82. Lorenz  |  07/08/2009 às 00:10

    fkjaskj Gaúcha disse que o Palmeiras não tinha Desfibrilador, agora alguém do Palmeiras chilicou

  • 83. Felipe  |  07/08/2009 às 00:31

    #81

    eu tenho uma tia que é de Montenegro. Mas hoje ela mora em Laguna.

  • 84. Ernesto  |  07/08/2009 às 01:12

    O cara é um botafoguense, que tira mais onda nessa porra, e vem falar em marra.

  • 85. Lucas Cavalheiro  |  07/08/2009 às 01:46

    Bah, PEDRA FUNDAMENTAL! auehauheauea

    Tem um clube aqui de Porto Alegre que também já colocou a sua…

    No más, melhor resultado esse do grêmio

  • 86. NO SEGUNDA  |  07/08/2009 às 02:26

    FLANELINHA, COM DOIS JOGOS A MENOS, E DOIS PONTOS A MAIS.

    AGUANTE GREMIO COPERO Y PELEADOR. HEHEHEH.

    COLORADO DE GLÓRIAS, NÃO TE MIXA, VAMO PRA CIMA, TÁ TUDO CONSPIRANDO, PRA ACABAR COM ESSA PALHAÇADA DE MALDIÇÃO DE CENTENARIO, SALAFRÁRIOS.

  • 87. rafael botafoguense  |  07/08/2009 às 02:29

    sou o mais humilde disso aqui

  • 88. Lucas Cavalheiro  |  07/08/2009 às 02:30

    Mas também, vai FOLGAR de quem?

    RÁ!

  • 89. Ernesto  |  07/08/2009 às 04:05

    Se tinha alguma dúvida do porquê do afastamento do D’Alessandro, esse vídeo dele no Zaragoza pode esclarecer.

    Não tem legenda, mas pra bom entendedor, meia imagem e palvara basta.

    Certo que ele fez igual com o tite. Acho que alguem ja tinha linkado esse vídeo quando ele foi contratado, mas vale o registro.

  • 90. Rudi  |  07/08/2009 às 09:51

    Carlos #38 (comentar atrasado por estar com a net de casa fora do ar é dose)

    Não fecham a porra do senado porque só quem poderia fechar o legislativo (e mesmo assim dando uma rasteira na constituição atual, pois ela não permite isso) é o presidente…

    e aí já viu né…

  • 91. Rudi  |  07/08/2009 às 09:52

    aliás, bloqueios de internet burros são foda mesmo, não consigo acessar o post de cima por causa da palavra JOGOS…

    sifudê

  • 92. Arbo  |  07/08/2009 às 15:11

    MINHA MÃE nasceu em Coronel Bicaco.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Subscribe to the comments via RSS Feed


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

  • @igorbiscaia Só temos a confirmação que será em solo nacional, nos Estados Unidos do Brasil. 11 hours ago
  • @HenriqueKonig Quadrangular será disputado nos dois maiores estádios da cidade, São Januário e Laranjeiras. 11 hours ago
  • Temer discursará na abertura do quadrangular entre Brasil, União Soviética, Zaire e Iugoslávia, na capital do país, o Rio de Janeiro. 11 hours ago
  • RT @facury9: @impedimento (se o campoenato termina antes de começar ele seria campeão) 12 hours ago
  • Uma estatística realmente inútil? Se o Atlético-GO cair, será o 2º ano seguido que o LÍDER DA ORDEM ALFABÉTICA antes de começar é rebaixado. 12 hours ago

Feeds

web tracker

%d blogueiros gostam disto: