Honduras, o país do futebol

13/01/2009 at 15:45 27 comentários

edmilsonhn

A Fifa tentou mudar de assunto ao escolher Cristiano Ronaldo como melhor do mundo, mas nós do Impedimento sabemos que isso não passou de manobra para ocultar que a grande sensação do futebol mundial é o brasileiro Edmilson da Silva, que no final de semana fez dois gols na estréia do Real España no campeonato de Honduras.

Carregando o número 32 nas costas da camiseta negra e ouro do Real, o brasileiro foi o destaque na vitória sobre o Hispano. O atacante tem 28 anos e já atuou pelo Flamengo, tendo sido levado para Honduras pelas mãos do seu irmão Nilberto, que ano passado defendeu as cores do Motagua.

Motagua que tem em suas fileiras outro brasileiro: o atacante Jocimar Nascimento, que antes de sair do Brasil jogou pelo Guaratinguetá. Prova viva de que o futebol hondureño é amplo nicho de mercado para os futebolistas nascidos na pátria de Rita Cadillac. Uma matéria de julho do ano passado no jornal La Prensa dava conta de quatro brasileiros sendo contratados por clubes do país centro-americano. Bem que o primo do Menezes podia tentar a sorte por lá.

Tão bom é o mercado do futebol hondureño para jogadores formados na terra de Lazaroni que um brasileiro já foi treinador da seleção nacional: Flávio Ortega, falecido em 2007, jogou no país e foi artilheiro na temporada de 1969. Depois, naturalizou-se hondureño. Outro brasileiro que fez história no país de los contras foi o estupendo Luciano Emilio, paulista de Ilha Solteira, nascido em 1978, que entre 2002 e 2006 foi artilheiro de nada menos que quatro competições nacionais, entre Apertura e Clausura. Hoje em dia, Emilio trabalha para o DC United, dos Estados Unidos, onde foi eleito o melhor jogador da liga nacional em 2007.

Mesmo ano em que Edmilson chegou a Honduras para jogar pelo Motagua. Transferiu-se agora para o Real España, chegando mais tarde que os colegas na pré-temporada para o Clausura 2008/2009, mas mesmo assim conquistando rapidamente a posição de titular e inflando de esperanças a apaixonada torcida aurinegra.

O jornalista hondureño Rigoberto Andrade, repórter de esportes do diário La Prensa, tem mais informações sobre o atleta brasileiro:

“Edmilson llegó hace tres torneos al país junto con su hermano Nilberto Da Silva. Ambos llegaron a Marathón donde estuvieron dos torneos, en el último de éstos Edmilson anotó 8 goles con Marathón con el que quedó campeón. Después los dos fueron dados de baja. Finalmente Nilberto que juega de lateral izquierdo se quedó en Motagua y Edmilson pasó a jugar al Real España en el torneo Apertura que terminó en diciembre, Edmilson apenas jugó y no anotó ningún gol”, disse Andrade ao Impedimento.

Na primeira rodada do Clausura 2009, os tradicionais Olimpia e Marathon (atual campeão), enquanto o Motagua ficou no empate. O maior campeão do país é o Olimpia, com 21 títulos nacionais desde 1965. O Marathon é o segundo, com onze títulos. O Real España de Edmilson tem nove títulos nacionais, sendo que o último foi o Clausura 2006/2007.

Antes que eu esqueça: aí vão os dois gols de Edmilson na estréia (chupa, ABL) com a camisa do Real España.

Um abraço,
Daniel Cassol

Entry filed under: Nacionais, Pela América.

Top 10 humilhações do Cruzeiro Os últimos bastiões da galhardia

27 Comentários Add your own

  • 1. Arbo  |  13/01/2009 às 15:58

    troco pelo moráles

  • 2. mardruck  |  13/01/2009 às 16:03

    [2] pro Arbo.

  • 3. Francisco Luz  |  13/01/2009 às 16:27

    Endereço do link da Rita Cadillac: VULVA MERLOT.com.

    Faleci milveiz.

  • 4. Arbo  |  13/01/2009 às 16:30

    já eu decepcionei duas milveiz, Chico.

  • 5. Sanchotene  |  13/01/2009 às 16:36

    Mas que ponteiro fominha na jogada do segundo tento!

  • 6. Prestes  |  13/01/2009 às 16:39

    Esse loco é oportunista, hein. Queria ele no banco do Inter.

    Honduras tá hexagonal final das Eliminatórias. Seria muito irado se fossem pra Copa.

  • 7. Anderson Fraga  |  13/01/2009 às 16:50

    Banco do Inter?
    Sou gremista, mas nem eu desejo isso pra voces!

  • 8. Prestes  |  13/01/2009 às 16:54

    Já fui contente com o SILVIO.

    Melhor 9 banco que o Inter já teve, depois do Escurinho, é claro.

  • 9. col  |  13/01/2009 às 16:55

    Acho que o Edinho tem tudo para dar certo em Honduras.

    PS: Pena que aqui no trabalho nao posso abrir os links do Francisco. Dah cana na hora.

  • 10. Francisco Luz  |  13/01/2009 às 17:00

    Col, esse nem fui eu. Está ali em VERDINHO no texto cassoliano.

    Culpa das depravações é do cidadão de Sanssepé.

  • 11. col  |  13/01/2009 às 17:38

    Mas que nomezinho sugestivo esse do link, hein?

  • 12. Anônimo  |  13/01/2009 às 19:11

    e o Viagra?

  • 13. Gabriel Marcondes  |  13/01/2009 às 19:48

    putz, a zaga dessa PONTE PRETA HONDURENHA é a coisa mais horrorosa que vi nesse ano

  • 14. Flávio  |  13/01/2009 às 19:53

    Lista do Times de possíveis jogadores que vão estourar em 2009. Vejam quem está em 5º. Será que ele dura mais meio ano aqui?

    http://www.timesonline.co.uk/tol/sport/football/european_football/article5502827.ece?token=null&offset=84&page=8

  • 15. saulo  |  13/01/2009 às 20:17

    Edmilson 2×0 Hispano

  • 16. ?hoch  |  13/01/2009 às 20:41

    vivo?
    tim?
    claro?
    oi?

    venha libertadores!

    G>ABRAÇO

  • 17. Milton Ribeiro  |  13/01/2009 às 21:13

    Falar em viagra é corneta?

  • 18. Anônimo  |  13/01/2009 às 22:59

    parece que com essa do Viagra, o Bilica e o Capone querem voltar pro gremio!

  • 19. Paulo César Caju  |  13/01/2009 às 23:05

    Pra quem já ganhou Intercontinental dopado, um Viagrinha não é nada….

  • 20. col  |  13/01/2009 às 23:18

    O unico problema eh que nesses avioes pequenos, para deslocamentos curtos e que `as vezes sao utilizados por clubes na Libertadores, nao existe poltrona 36.

  • 21. col  |  13/01/2009 às 23:19

    Mas para todo problema existe um solucao na Azenha, `as vezes sobrenatural.

  • 22. Frank  |  14/01/2009 às 00:39

    Imagina a entrada dura por trás nos caras do Boyacá Chicó…
    ahhaahah

  • 23. Atilio  |  14/01/2009 às 09:49

    Bem treinado esse time ae. Os dois gols aconteceram em saidas de tras, tocando a bola. Aproximacoes, triangulacoes, passagens… Uma maravilha. Meio automatico, mas funcionou legal. No primeiro gol, teve uma passagem de alguem que eu imagino ser o lateral esquerdo. Ele nao foi acionado, mas deu a opcao, como diria o Joao Carlos, meu treinador na epoca do mirim. Tah ae uma boa alternativa ao Dunga.

  • 24. Juliano  |  14/01/2009 às 10:21

    Viagra? Estrela (mais uma vez)?
    2009 promete.
    ushuaiafeliz2009

  • 25. Menezes  |  15/01/2009 às 11:57

    CAssol: já encaminhei o texto pra ele. Valeu pela dica!

    ótimo jornalismo!

  • 26. rubens marcelo  |  28/05/2009 às 13:55

    tambem joguei com nilberto e emilson e sei a força que são esses dois jogadores ,,,tabem gostaria de conquistar uma grande torcida assim como eles mas até emtão fico apenas torcendo pelo susseso deles parabens eid.marcelo ,,,ex.meio campista do itauna futebol clube ,,,

  • 27. rubens marcelo  |  28/05/2009 às 13:57

    tabem jogo futebol agora sem clube joguei com o eidimilson e com nilberto e fico aqui no brasil torcendo pelo os dois rubens marcelo ex meio campista do itauna futebol clube

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Subscribe to the comments via RSS Feed


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

Feeds

web tracker

%d blogueiros gostam disto: