Os melhores jogadores da América

12/01/2009 at 20:00 42 comentários

2000080750030

Divulgamos agora o resultado do I Prêmio Obdulio Varela de melhor da América e do I Prêmio Peruca de Oro para a seleção dos melhores. Nossos votantes abusaram da criatividade e formaram um timaço, com muita volúpia pelas pontas e o futebol alegre dos volantes de contenção.

PERUCA DE ORO 2008

07-03-08-a16-f010370

Goleiro: José Francisco Cevallos (Liga) – 5 votos

O goleiro de 37 anos, com 14 anos de experiência pelo Barcelona de Guayaquil e 78 partidas pela seleção equatoriana (quatro Copas América, uma Copa do Mundo) por incrível que pareça era um ilustre desconhecido da torcida brasileira até o maracanazo tricolor de 2008. Atacou dois pênaltis e apareceu como o maior goleiro da história do equador, segundo esse narrador ensandecido da rádio La Red (obrigado Chico Luz).

Não por acaso, na sua última partida pelo futebol profissional, disputou a final do Mundial de Clubes contra o Manchester United e teve uma atuação grandiosa, especialmente no primeiro tempo. Apesar de ser um pouco estabanado e ter problemas técnicos, está para sempre marcado na história da Libertadores e da Liga de Quito. Também do Fluminense, é claro.

Também foram citados Victor, The Frozen, com 2 votos; Ochoa (América-MEX) e Andújar (Estudiantes) receberam 1 voto.

Defensores:

thiago-silva-29-05

Thiago Silva (Fluminense, agora no Milan) – 7 votos

O zagueiro de 24 anos, que começou a carreira profissional naquele campinho ao lado do BIG DE ALVORADA, conhecido como MORADA DOS QUERO-QUEROS, foi o terror de Martín Palermo nos jogos contra o Boca na Libertadores. Teve atuações impressionantes, especialmente na fase final, onde demonstrou estar próximo de um defensor completo: alto, forte e técnico.

Será figura cativa na seleção brasileira nos próximos anos, embora tenha profanado sua carreira ao jogar no Milan – que, como todos sabemos, tem menos títulos continentais que o Independiente.

miranda

João Miranda (São Paulo) – 3 votos

Formado no Coritiba e logo roubado pelos franceses, o zagueiro foi anunciado pelo Inter. Quando voltava ao Brasil de navio, porém, foi abordado pelo São Paulo que o levou para o porto de Santos – oferecendo mais dinheiro, poder, fama e mulheres. Nesse ano ficou clara a grande perda do Inter e a grande conquista do tricolor paulista. Miranda revelou ser um zagueiro impressionante, tanto na qualidade técnica superior como na segurança provocada pelo seu posicionamento impecável.

Assim como Thiago Silva, é um dos tantos jogadores que pedem passagem na Seleção Brasileira, que um dia teve mais centroavantes promissores do que zagueiros.

014686768-ex00

Júnior César (Fluminense) – 3 votos.

Na primeira fase, vocês não lembram, mas o Fluminense enfrentou a Liga de Quito. Júnior César enfrentou Joffre Guerrón, que depois seria carrasco do Fluminense, e passou por cima do polivalente jogador equatoriano. Todos se perguntavam, no Equador: como esse jogador não foi para a Seleção Brasileira?

Júnior teve ótimas atuações na Copa Libertadores, sendo considerado um dos melhores jogadores da competição. Não teve mesma sorte no campeonato brasileiro subseqüente. No fim, seu destino é disputar a próxima Libertadores da América pelo São Paulo, que esbanja laterais esquerdos como uma quarentona solteira esbanja volúpia.

Também foram citados Alayes, do Estudiantes (LP), com dois votos; Réver (Grêmio), Calle, Araújo e Campos (Liga), Ibarra e Cáceres (Boca), González (San Lorenzo), Angeleri (Estudiantes), Montelongo (River-URU), Álvaro (Inter), André Dias (SPFC), Martinez (Palmeiras) Jorge Wagner (SPFC) e Colotto (Atlas) receberam 1 voto.

Meio-campistas

hernanes_sp2307

Anderson Hernanes (São Paulo) – 4 votos

O volante de 23 anos não tinha posição muito definida até começar sua vida profissional pelo São Paulo. Jogava de meia esquerda, mas atuava em todas as outras posições do meio, algo semelhante ao que CELSO ROTH fazia com ITAQUI no Grêmio. Numa excursão pela Índia com o time B, foi eleito o melhor volante da competição (?) o que o transformou em alternativa depois das saídas de Mineiro e Josué.

Hernanes equilibrou o meio-campo do São Paulo e é um dos melhores jogadores em atividade no futebol brasileiro. Bate com as duas, marca bem e sabe sair jogando. Tornou-se também um jogador decisivo, marcando sete gols na última temporada. O tricolor paulista não vende por menos de 25 milhões de euros.

guinazu-zoom

Pablo Guiñazú (Inter) – 4 votos

Aos 30 anos, Guiñazu virou ídolo da torcida do Internacional pelo empenho e pela garra demonstrados em campo. Foi contratado do Libertad em 2007, depois de passagens pelo Newell’s, Perugia, Independiente e Saturn. Jogador ‘metedor’, como dizem os argentinos, que corre por todos os lados do campo e procura o desarme com muita força, às vezes excessiva.

É masoquista. Não por acaso, jogou uma partida pelo campeonato brasileiro com um furo no joelho (provocado por cirurgia) e é conhecido por treinar de casaco e moletom, para sentir mais calor. O Inter recusou recentes propostas do “Mundo Árabe” e do Boca Juniors por ele.

0090775b

Sebastián Battaglia (Boca) – 4 votos

O volante de 28 anos tomou conta do meio-campo do Boca neste ano, sendo um dos nomes cabais do campeão do Apertura argentino de 2008. Começou no clube xeneize em 1998, numa partida contra o Gimnasia y Tiro. Foi o cabeça-de-área, ao lado de Chicho Serna, do time multicampeão com Carlos Bianchi. Passou dois anos no Villarreal, entre 2003 e 2005, quando voltou ao Boca para levantar mais taças.

Ao todo, “El León” ganhou 6 campeonatos nacionais e 10 internacionais (quatro Libertadores, duas intercontinentais, uma sul-americana e três recopas) em 10 anos de carreira. Junto com Guillermo Schelotto, é um dos jogadores com mais títulos na história do Boca. Agora, ganha a “Peruca de Oro”, que certamente terá um lugar cativo na sua sala de troféus.

014120715-ex00

Juan Sebastián Verón (Estudiantes) – 4 votos

Odiado por parte da torcida argentina pela leniência apresentada na Copa de 2002, com passagens apagadas pelo futebol inglês, Verón resolveu regressar ao seu clube do coração em 2006. Se na sua primeira passagem marcou época (foi um dos grandes atletas da promoção à primeira divisão em 1995) na segunda está reescrevendo uma parte da história do seu pai, Juan Ramón, no Estudiantes.

Foi campeão em 2006, naquelas finais incríveis contra o Boca, no campeonato em que golearam o rival Gimnasia por 7 a 0. Recusou propostas, sondagens e aliciamentos (?) para continuar no seu Pincha. Disputou uma Copa Libertadores sem muito sucesso, foi vice na Sul-Americana e disputará a sua última Libertadores agora, em 2009, depois da qual seu contrato terminará. Ganhou o prêmio de Rey de América do El País em 2008.

014479526-ex00

Alex Raphael (Inter) – 6 votos*

O meia colorado de 26 anos teve a sua melhor temporada no futebol esse ano, com 31 gols em competições oficiais na temporada, além das artilharias no Campeonato Gaúcho e na Sul-Americana. Além disso, foi Bola de Prata da Placar, Craque do Brasileiro pela CBF e Peruca de Oro pelo Impedimento.

Suas atuações decisivas nas partidas contra o Boca e contra o Estudiantes, em La Plata, contaram para a votação dos nossos especialistas. Atuando entre a quarta função do meio campo e o ataque, ao lado de Nilmar, foi pela primeira vez protagonista ao invés de coadjuvante, como nas conquistas de 2006. No ano anterior, disse que chegaria à Seleção  como lateral-esquerdo; foi convocado pela primeira vez atuando como meia.

*quatro como meia, dois como atacante

FBL-LIBERTADORES-FLUMINENSE-LIGA

Joffre Guerrón (Liga) – 8 votos

O momento que marcará a carreira de Guerrón pelos próximos anos não é um gol ou uma assistência nas finais da Libertadores. É a sua arrancada de 80 metros na final da Copa no Maracanã, a 120 minutos da prorrogação. Um jogador com tamanha energia e técnica não poderia ser colocado de lado na eleição dos melhores jogadores da América.

Aos 23 anos, Guerrón agora está enterrando a carreira no obscuro Getafe, da Espanha. Seus primeiros seis meses do ano, na Liga de Quito, porém, foram suficientes para garantir uma expressiva votação. Com a impetuosidade típica de um ponteiro direito, porém com fôlego para voltar à defesa, provocou uma imensa confusão no bunker da ImpedCorp quando nos perguntávamos: num 4-4-2 (formação proposta para a seleção), onde diabos Guerrón entraria?

Ele recebeu dois votos como lateral direito, três como meia e três como atacante. A indecisão complicou o 4-4-2 planejado, até por que seria injusto escalar o equatoriano na posição onde foi menos votado. Então, vamos pensar nesse time como um 3-4-3, ou um 3-6-1, com Alex e Guerrón  destroçando pelas pontas e Júnior César improvisado na zaga esquerda.

Thiago Neves (Flu, agora HSV), D’Alessandro (Inter) e Riquelme (Boca) também foram lembrados, com 3 votos. Bolaños (Liga, agora Santos) recebeu dois votos; Conca (Flu), Leandro (Palmeiras), Rafael Carioca (Grêmio), Vera e Urrutia (Liga) e Sandro (Inter) foram lembrados com um voto.

Atacante

21982_1g

Salvador Cabañas (América-MEX) – 6 votos.

O gordinho cabeludo que acabou com o Flamengo, fazendo três gols no Maracanã na improvável vitória por 3×0 nas oitavas de final da Libertadores, recebeu uma expressiva votação para ser o centroavante da nossa seleção. Aos 27 anos, Cabañas dignifica o futebol pelo fato de nunca ter atuado na Europa, sendo artilheiro no Chile (2003), no México (2006, pelo Jaguares) e pela seleção paraguaia. Foi duas vezes goleador da Libertadores (2007 e 2008 ) e o segundo jogador que mais gols marcou no ano de 2007.

Ainda por cima, causou calafrios em Galvão Bueno pelos dois gols marcados na partida pelas Eliminatórias, ano passado. O ‘operário do gol’ merece mais do que nunca a camisa 9 como centroavante da seleção do Impedimento.

Nilmar (Inter) recebeu três votos; Washington (Flu), Bergessio (San Lorenzo) e Lucas Barrios (Colo-Colo) receberam um voto cada.

——

Troféu Obdulio Varela


A camisa 5 vai para…Joffre Guerrón, o papa-léguas equatoriano. Foram muitos os lembrados (Victor, D’Alessandro, Cevallos, Barrios receberam um voto) mas Guerrón recebeu o mesmo número de votos de Alex, empatando com duas escolhas. Usamos o critério de desempate da votação para os 11 primeiros – enquanto Alex recebeu 6 votos, Guerrón recebeu oito, como referido anteriormente.

Parabéns para os eleitos e para aqueles  que votaram. Vamos começar 2009 com travas de aço.

Sds,
ImpedCorp.

Entry filed under: Brasileiro, Eliminatórias, Libertadores, Mundial de Clubes, Nacionais, Sul-Americana.

TOP 10 humilhações do São Paulo Top 10 humilhações do Cruzeiro

42 Comentários Add your own

  • 1. tiagón  |  12/01/2009 às 20:30

    MASSA.

    mas tem muito meia aí. asdjkasjkljd

  • 2. Fábio Rosalvo Urnau  |  12/01/2009 às 21:14

    Sensacional…lista muito bem elaborada…faria um timaço certamente

  • 3. Xavante  |  12/01/2009 às 21:15

    Eu queria o LASAÑAS esse lá na Baixada.

    Milar e Lasañas. Sonho rubro-negro.

  • 4. Tim Maia da Coréia  |  12/01/2009 às 22:08

    Bota contra a seleção européia… e não dá nem graça.
    Cristiano Ronaldo não pegaria nem banco nesse time!

  • 5. mardruck  |  12/01/2009 às 22:11

    Roubaram minha idéia do 3-6-1, seus fiadasputa?

  • 6. mardruck  |  12/01/2009 às 22:12

    Victor

    Réver
    Thiago Silva
    André Dias

    Guerrón
    Rafael Carioca
    Hernanes
    D’Alessandro
    Alex
    Leandro (do Palmeiras)

    Cabañas

  • 7. Francisco Luz  |  12/01/2009 às 22:35

    Bom time, realmente.

    Pena que ESQUECI DE VOTAR, hsajdha

  • 8. Prestes  |  12/01/2009 às 22:36

    O Dalessandro acabou injustiçado. Obteve destaque continental na Liber pelo San Lorenzo e na Sul-Americana pelo Inter.

    Votei nele até para craque, por que o T. Neves e o Guerron saíram no meio do ano.

  • 9. Marimon  |  12/01/2009 às 23:45

    ótima lista, parabéns.

  • 10. imenezes  |  13/01/2009 às 00:02

    QUESTÃO DE ORDEM – me abstive ehaueeahuaeh

  • 11. col  |  13/01/2009 às 00:06

    Lista muito boa no geral, mas ver o Alex na lista e a ausencia do D’Alessandro chega a ser triste.

  • 12. Prestes  |  13/01/2009 às 00:36

    Guillermo | Seg, 12/01/09 | 18:30

    Só paulista falando de futebol latino-americano? Hmmm… o fracasso é logo ali.

    Recomendo para aprenderem um pouco dar uma olhada no blog Impedimento.

    DÁ-LHE GRÊMIO!!!

    Comentário no tal do La Pelota, juashuashduashdaushdhasduhasdhsauhdsauhduhas

  • 13. Tiago Medina  |  13/01/2009 às 01:05

    Não tem como colocar o vídeo do Guerrón correndo aos 120 minutos de uma final de libertadores???
    Justificaria tudo.

  • 14. gilson  |  13/01/2009 às 07:39

    Pusta time. Guerrón fiidumjegue, rsrsrsrsrs.

  • 15. Luís Felipe  |  13/01/2009 às 08:25

    Tiago:

  • 16. Anderson Fraga  |  13/01/2009 às 08:35

    http://colunas.globoesporte.com/lapelota/2009/01/12/bienvenidos/#comments
    Prestes | Ter, 13/01/09 | 01:38
    À primeira vista, parece uma cópia fraquinha do Impedimento.

    Olha o prestes aí! Ushaiaushuaia

    Ah, sacanagem essa lista. E o Tcheco? haha
    Brincadeira. Não concordo com o Junior César (Flu), do resto, boa lista!

  • 17. Cassol  |  13/01/2009 às 09:12

    Também acabei não votando, mas ficou muito boa a seleção. Esse Lucas Barrios aí, mais pela QUANTIA de gols, talvez pudesse entrar no ataque tirando o Guinazu ou o Alex do meio. Mas ficou ótima.

    E post muito bem elaborado pelo LF.

  • 18. Diogo  |  13/01/2009 às 09:30

    CEVALLOS no gol é piada, tenham dó.

  • 19. JC  |  13/01/2009 às 09:55

    Depois da paradinha, vem o “escanteio esperto”:

    http://borgesluciano.blog.terra.com.br/

  • 20. Eduardo De Nardi  |  13/01/2009 às 10:00

    Por enquanto o blog do GE não amarra a chuteira do Impedimento. A maior glória dos caras é contar com uma agenda com telefone do Mancuso.

    ABS

  • 21. Prestes  |  13/01/2009 às 10:01

    Esse escanteio é velho.

  • 22. Luís Felipe  |  13/01/2009 às 10:13

    bah, genial o escanteio

  • 23. Prestes  |  13/01/2009 às 10:21

    A seleção olímpica dos EUA, na época que tinha aquele Donovan, fez esse escanteio faz quase dez anos.

  • 24. Francisco Luz  |  13/01/2009 às 10:29

    Sim, contra o Brasil, em um amistoso em que perderam por 7-0, acho.

  • 25. Flávio  |  13/01/2009 às 10:34

    E amistoso da seleção sub-23! Até o Gabiru jogou… Acho que o técnico era o Luxemburgo.

  • 26. Ismael  |  13/01/2009 às 10:43

    Gostei da seleção, apesar de ter ajudado a eleger só DOIS jogadores… hehehe

    Por outro lado, achei muito “faceiro” o JC improvisado na zaga! Cheguei a colocar o cara como lateral, junto com os THIAGOS do flu, mas era muita farinha do mesmo saco. Acabei tirando os três (!)

  • 27. Anônimo  |  13/01/2009 às 10:47

    Grêmio estuda benefícios do viagra para aliviar efeitos da altitude!!

    http://www.clicrbs.com.br/clicesportes/jsp/default.jsp?newsID=a2365493.htm&subTab=00268&uf=1&local=1&template=3858.dwt&section=Notícias

    awueawheuawhuwahuawehuwaehewahawe

  • 28. Prestes  |  13/01/2009 às 10:47

    Só o Guinazu, o Battaglia e o Miranda não estavam na minha seleção. Botei Araujo (LDU) na zaga, Dalessandro e Abominável Thiago das Neves.

  • 29. Lila  |  13/01/2009 às 11:34

    Impedimento >>>>>>>>>> La Pelota.

    Aliás, até os nossos capslock non sense hispanohablantes são melhores.

  • 30. Rapha  |  13/01/2009 às 11:41

    “Impedimento >>>>>>>>>> La Pelota”

    Beleza, a gente sabe disso.

    E?

  • 31. Alan  |  13/01/2009 às 12:42

    Vitor

    Thiago Silva
    Miranda
    Réver

    Hernanes
    Ramires
    Thiago Neves
    Alex
    Veron

    Kleber Pereira
    Cabanas

  • 32. Fernando Cesarotti  |  13/01/2009 às 12:47

    Cara, o Palmeiras já caiu nesse MIGUÉ uma vez, contra o UNIÃO BARBARENSE, numa cobrança de falta. O cara só botou o pé numa falta em dois lances e saiu de mansinho, o nego bateu no gol e o Marcos tá reclamando até hoje.
    Perdemos de 4 a 2 em pleno Palestra. Ah, o top 10 com potencial pra ser top 200…

  • 34. Anônimo  |  13/01/2009 às 14:01

    Os caras secam até pré-temporada

  • 35. Anônimo  |  13/01/2009 às 14:02

    Os caras secam até pré-temporada.

  • 36. Arbo  |  13/01/2009 às 14:05

    mto boa a seleção. não votei, mas gosto mto do júnior césar esse, do thiago silva, do guerrón… trocaria só o cevallos pelo victor e alguém pelo dalessandro, mas tá tri assim.

  • 37. João Paulo  |  13/01/2009 às 21:06

    Belo time!

    Sou Fluminense e só tenho restrições à presença de JÚNIOR CÉSAR que, em minha opinião, CONSPURCA qualquer equipe.

    Abraços.

  • 38. Guilherme  |  14/01/2009 às 06:50

    Excelente a escolha do Guerrón.

    O time tá massa também, embora seja uma escalação à Hélio dos Anjos…

  • 39. Bruno 'Barça' de Almeida  |  14/01/2009 às 10:35

    São ótimos jogadores, boa votação.
    Ë verdade que o time ficou meio desequilbrado, mas isso acontece em votações deste gênero.
    O único atleta que eu talvez mudaria seria o Guiñazu. Acho que Dátolo e Ledesma jogaram muito em 2008 e poderia entrar na lista. Mas o Guiñazu foi fundamental na Copa Sul-americana (fez uma falta na decisão).
    Outro que fez um ótimo campeonato foi Angeleri. Mas só dá para escoher 11…..rs
    Abraços e vamos continuar trocando figurinhas.
    Barça – coluna ‘La Pelota’

  • 40. Garys Linnek  |  14/01/2009 às 17:04

    uma boa lista parabéns. Que pena q eu ñ voltei hkhjkfd
    mais só faltow Thiago Neves e D´alessandro!

  • 41. juninho  |  25/07/2009 às 19:58

    e guerron naum foi pro mengao mais foi pro cruzeiro

  • 42. matheus  |  17/08/2009 às 19:39

    guiñazú alex guiñazú alex

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Subscribe to the comments via RSS Feed


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

Feeds

web tracker

%d blogueiros gostam disto: