Archive for novembro, 2008

Forças ocultas adiam decisão

janioquadros
Cronista de resultados.

As toalhas jogadas na rodada passada voltaram para a mão dos gremistas. Os positivistas, estes encerraram o domingo estupefatos com o desmonte das suas teorias. Pois a lógica mandava entregar a taça ao São Paulo. No entanto, por mais tabelas dinâmicas que o homem criar no computador, os zeladores dos estádios seguirão acendendo velas e esparramando balas de mel atrás das goleiras. Pois a mandinga tem muito poder. A mala preta também. (mais…)

30/11/2008 at 20:50 249 comentários

O que importa é cama vazia

Cada cidade tem a Osvaldo que merece. A nossa coincidiu de dar em frente à casa do Micuim, o último amante do rock and roll do povoeiro, que um dia decidiu morar no quarto dos fundos e fazer do resto dela um bar. E o Território, nome do bar, seria o paraíso sagrado do rock naquela cidade adepta das vaneiras e dos hits de verão. (mais…)

29/11/2008 at 17:10 25 comentários

Para Cancún, com isopor embaixo do braço

natgeo-zebra3
Mano a mano

Vamos chegando às últimas oportunidades do ano para garantir que o Carnaval não seja passado com cerveja barata e MATINÊ EM CIDREIRA. Porque tão logo acabe o campeonato nacional teremos na loteca apenas aqueles jogos como MALUTRON X GALO/ADAP ou SUAZILÂNDIA X DUQUE DE CAXIAS. E este concurso prevê o nada desprezível MONTANTE de 1 milhão de FANDANGOS. (mais…)

28/11/2008 at 09:57 174 comentários

A Batalha de Gravataí

ceramica_pelotas1

Nesta tarde os olhos do mundo voltaram-se para Gravataí – e não estavam preocupados com a crise na General Motors. No alçapão do Antonio Veira Ramos, sob o forte sol que reluzia no amarelo das arquibancadas, Cerâmica e Pelotas jogaram a primeira final da competição mais importante do hemisfério sul. O empate sem gols não diz o que foi a contenda. E só se fala em outra coisa no Rio Grande do Sul. (mais…)

27/11/2008 at 19:49 63 comentários

Os carteadores de La Plata

Não leva a quase nada, mas é uma final. Finais são jogos de pôquer: vale a estratégia, mas também o blefe e o lado psicológico. Marcharam no Ciudad de La Plata ontem dois grandes carteadores – um vestia a 15, outro a 11. (mais…)

27/11/2008 at 15:22 61 comentários

Jardim de nossa alegria

alexlaplata_efe
“43 partidas? Não há problema”

É grande a tentação de escrever sobre a bravura do Internacional na noite de quarta, em La Plata, mas meu coração de corneta insiste em dizer: não foi nada de mais. Com um a menos, mas diante de um adversário que aparentemente ofereceria mais riscos, o Colorado superou o Estudiantes com a tranqüilidade de um tabelião carimbando certidões. Lutou, é fato, mas venceu porque sua camisa tem a hoje a tarimba dos campeões. (mais…)

27/11/2008 at 07:39 308 comentários

O mal impuro

Até a bestialidade e o irracional foram corrompidos no futebol. Hoje as torcidas não são formadas para torcer e, na verdade, nem para brigar – o que elas querem mesmo são cadeiras no CONSELHO dos clubes, ou seja, força política, lucros e poder de decisão. E, como já disse o POETA Humberto Gessinger, “toda forma de poder é uma forma de morrer por nada”. (mais…)

26/11/2008 at 10:30 90 comentários

O animal agonizante

Sinto profundo rancor pelo técnico Mano Menezes, e esse sentimento não tem nada a ver com a marcação falha de Riquelme naquela fatídica final. Ele tem dia e local de nascimento: 11 de novembro de 2007, no Morumbi. (mais…)

26/11/2008 at 00:06 224 comentários

Peru de fora

A menos que tu seja um torcedor xavante e esteja com a cabeça enfiada numa cumbuca desde domingo, já deve saber que Joseph Blatter colocou o Peru para fora do quadro de afiliados da Fifa, abrindo a Caixa de Pandora dos trocadilhos infames. Mas o comitê executivo da entidade se reúne nos dias 19 e 20 de dezembro, em Tóquio, e poderá revogar a suspensão. Para isso, o mundo do futebol peruano terá de se entender. (mais…)

25/11/2008 at 14:40 66 comentários

Vagas para oftalmologistas no Uruguai

Como vocês sabem, a palhaçada das torcidas de Nacional e Danubio suspendeu a rodada na Banda Oriental. Nem por isso a magia do futebol deixou de acontecer. O árbitro Carlos Aguirregaray, por exemplo, converteu um gol em um escanteio. (mais…)

25/11/2008 at 10:56 11 comentários

Na Bombonera se vive do tédio

2742529167_35f6e90a2b1
Arma xeneize na busca do Apertura

Com profundo pesar e rendendo-me às exigências do jornalismo, devo afirmar que o Boca Juniors venceu o San Martín, em Tucumán, e alcançou a liderança isolada do Apertura. Isto porque San Lorenzo e Tigre falharam miseravelmente em seus compromissos. A nota lamentável da 16ª rodada fica a cargo de Killy González, do Central, que rompeu os ligamentos do joelho. (mais…)

25/11/2008 at 00:31 88 comentários

O Xavante morreu. Viva o Xavante!

milar_zh

Estava tudo certo. Vivo na última rodada, bastava um empate para o Brasil de Pelotas subir à Série B, já que Águia e Duque de Caxias perdiam. Mas o Xavante morreu na praia. Ou melhor, na floresta, Arena da Floresta, para manter a metáfora com a natureza. Pelo menos houve dignidade: perdeu logo de quatro, pra não dar falsas esperanças à torcida. (mais…)

24/11/2008 at 15:09 83 comentários

Ifo Vuvu, han?

Tinha mil motivos para torcer contra o São Paulo neste domingo. O primeiro – o mais importante – é que os três pontos eram cruciais para não ver o Vasco rebaixado. A teoria da relatividade* diz que todos nós, terráqueos, vivenciamos a mesma relação espaço-tempo, mas vascaínos no momento estão numa dobra temporal. Por um lado, a diretoria anuncia patrocínios milionários, que vão gerar boas contratações a partir de janeiro. Mas até lá é preciso desesperademente se manter na primeira divisão, o que está cada vez mais difícil. Resta ao Vasco vencer as duas partidas – Coritiba, no Paraná, e Vitória em São Januário – e esperar que os concorrentes não passem dos 43 pontos. (mais…)

24/11/2008 at 10:14 147 comentários

Grêmio tomba e São Paulo engatilha o hexa

921085-4006-it2
Jorge Wagner perdido nos séculos

Em uma rodada imprópria para emos, integrantes da Segunda Geração do Romantismo e demais pessoas emocionalmente instáveis, o São Paulo venceu o destrambelhado Vasco e beneficiou-se do fiasco gremista, encaminhando o título do SARNEYZÃO 2008. O Cruzeiro bateu o Flamengo em jogo mais movimentado que CASA DE TOLERÂNCIA no quinto dia útil do mês, enquanto o Palmeiras passou pelo guerreiro Ipatiñga no Palestra. (mais…)

23/11/2008 at 23:00 176 comentários

Humor na Pequena Área

Ele voltou. (mais…)

21/11/2008 at 16:30 32 comentários

Posts antigos


Especial – Libertadores 2011

A bola da ImpedCopa

Toco e me voy

Feeds

web tracker